MUITO TRABALHO PELA FRENTE


Enquanto FC Porto e Sporting ganharam com uma certa facilidade ao primeiro e ao quarto da Ligue 1, o Benfica não foi além de um empate frente ao quinto classificado da mesma liga. Vale o que vale, mas pior que o resultado foi a sensação de que ainda há muitas arestas por limar nesta equipa encarnada, e o próximo jogo é dos mais importantes da temporada.
Os problemas parecem ser os mesmos do ano passado: permeabilidade nas laterais da defesa (que não foram reforçadas...), falta de agressividade no meio-campo (veremos com Meité...) e ineficácia ofensiva (Gonçalo Ramos parece demasiado verde para assegurar a função, Seferovic está ainda em modo férias, Darwin está lesionado, e Vinicius...não se sabe porque não joga).
Restam ainda alguns dias de treino, e Jorge Jesus não costuma mostrar as cartas nas pré-épocas. Esperemos que em Moscovo apareça um Benfica diferente, ou então a temporada pode começar logo muito mal.

15 comentários:

Alberto João disse...

já não vai lá com trabalho, são basicamente os mesmos 1 ano depois...só é possível melhorar o suficiente com aquisição de talento e para a liga dos campeões já não há tempo e se ficarmos de fora depois não teremos recursos financeiros. É impressionante como se cometem os mesmos erros todos os anos e ainda há quem apoie o Rui Costa.

Brytto disse...

É exatamente essa avaliação que faço, mesmo a vitória contra o campeão francês foi de todo imerecida. Não auguro nada de bom, comecem já a pensar em vender um Cebolinha e/ou Rafa para compensar os milhões que vão voar…
Ab.

Nau disse...

De há uns tempos a esta parte, todos os anos a mesma coisa: a equipa desequilibrada, poucochinha e, parece, muito pouca vontade (ou falta de competência?) para resolver o problema. O défice do meio-campo, que se arrasta há anos, parece em vias de resolução (veremos se Maité é mesmo o 6 de que necessitamos). já quanto aos defesas laterais, persiste a teimosia (não vejo outra justificação) em não se contratar dois defesas de classe digna da grandeza e dos pergaminhos do nosso clube. Chiça, que já não há paciência!

Pereira Dos Santos disse...

Jorge Jesus é mau treinador e ponto final. Está tudo dito. Não é treinador para o Benfica.
Não consegue imprimir intensidade á equipa, continua a não haver fio de jogo, a dez dias (10) de um jogo importantíssimo ainda não definiu a equipa titular. Continua a não haver ligação entre sectores. Continuam a existir lacunas na "comunicação" entre jogadores, continuam sem saber onde deve estar quem.
Não há competitividade levada a sério pelos atletas. Um exemplo : Ontem, golo dos Franceses só é possível porque Rafa ia a passear dentro de campo quando dois adversários passaram por ele a correr para aproveitarem o cruzamento, a bola passou por um e foi ter a outro que marcou, quando Rafa acordou era muito tarde. Até porque Grimaldo lembrou-se do Zivkovic e congelou...foi papado de novo igualzinho.
Estes jogos é para ganhar entrosamento e sobretudo agressividade, porque nos treinos conjunto entre todos isso não deve existir como medo de se magoarem uns aos outros...Ver os jogos de preparação do Benfica, seja contra quem for, só me faz lembrar do PAOK.
Depois ver jogos de equipas com menos tempo de preparação ou equivalente, comparar intensidades e futebol jogado...faz pensar.
A desculpa de não querer mostrar o jogo, por isso jogar com jogadores fora do lugar e por pouco tempo juntos, o ano passado custou-nos uma entrada na Champions, mas o ruminante de pastilhas não aprendeu. Uma equipa ganha-se jogando o máximo de tempo possível junta. Ele a esta altura já deveria estar a utilizar os jogadores com que sabe que vai contar e que estejam disponíveis. Fazer só as substituições necessárias e permitidas em jogos oficiais e pronto. Vai ferir suscetibilidades ? Paciência. Quem não aceitar pede para sair.

ChakraIndigo disse...

O Benfica foi destruido por dentro.

Alguma equipa de alta competição vai comprar jogadores como Grimaldo, um infantil, Weigl, e tem uma ala direita digna dos distritais?

Não há jogadores com capacidade fisica/atlética na grande maioria, e há outros que nem eles próprios devem perceber como chegaram a um clube desta dimensão.

João Mário e pouco mais, é um oásis de classe no meio da enorme mediocridade em que tornaram a equipa do Benfica.

O que fizeram ao Clube especialmente nos últimos 5 anos é um crime desportivo.

Viva o Benfica

francisco disse...

Tem o Benfica que merecem porque o amor ao Vieira era maior que ao Benfica então os cegos dos sócios não estavam a ver que o Benfica vinha em decrescendo já cinco anos para cá e ainda em outubro passado voltam a votar nele,porque não acreditavam nas alternativas quando o RGS dava um presidente melhor que Vieira a anos luz,agora aguentem e não chorem.

Anónimo disse...

Matem o mensageiro!!!

número do loud coringa disse...

Achei muito interessante atualmente esta sua postagens.
Número do Loud Coringa Abraços ;) !

www.noticiasdaweb.com.br/resultado-do-totolec-show disse...

De fato, seu artigo foi muito bem explicado gostei de ler.
Totolec show resultado

Anónimo disse...

A MANIF ONTEM PROMOVIDA PELO TEU MINISTRO DA PROPAGAGNDA DO DETIDO, O MISERÁVEL GUERRA!!!
CORREU MAL, AQUILO!!!!
FALTOU UMA TONELADA DE CROQUETES E TINTO CARRASCÃO!!!

Jorge disse...

Na defesa dois velhos experientes não funciona
Tem de ser um experiente e um mais novo ex. Vertongen e Lucas/Morato

Talvez nos falte um Gr experiente. Mesmo que seja "velho" o que importa é a segurança na baliza e na defesa.

Temos o Chefe Vertongen
Temos carregadores de equipa - Florentino, Weigl, Taarabt, Pizzi e Meité
Temos o maestro JMario
Artistas para finalizar nao faltam Everton, Luca, Rafa, Darwin, Seferovic...etc

Mas agora falta-nos um mágico argentino para por orquestra a tocar no ataque

fvbd disse...

dia 4 estaremos preparados.

joão carlos disse...

queres ver que um ano passado e o melhor treinador português de sempre, e um dos melhores do mundo da actualidade, ainda não conseguiu ver nada.

também quando se prefere o seferovic ao vinicius e se acha que o gil dias é defesa e se valida a contratação do pinho esperamos o quê mesmo.

dezazucr disse...

É incrível as críticas recorrentes dos Benfiquistas ao meio campo benfiquista, mas o factor comum passa sempre incólume. Desde que introduzimos Weigl no meio campo, em Janeiro de 2020 já perdemos 2 campeonatos, em 5 jogos com os corruptos não ganhámos 1 e perdemos 4. E a culpa é sempre dos outros. Já foi de Gabriel, já foi de Taarabt, já foi de Pizzi (curiosamente com estes íamos fazendo um campeonato imaculado até Janeiro de 2020), mas no Weigl ninguém toca e tem um benefício de dúvida eterno. Com ele em campo e os seus infinitos passes de 5m, o Benfica joga um futebol muito giro e inconsequente, sem balisas. Não fosse o facto de o objectivo máximo do jogo ser marcar golos, seríamos com Weigl a melhor equipa do mundo. O nosso meio campo é um passador, toda a gente joga pior com ele em campo, mas enfim, é Weigl e mais 10.
Vamos ver quanto tempo até os adeptos começarem a queimar João Mário.
Enfim, ao menos já começam a ver o passador que Grimaldo é a defesa esquerdo. Curioso que em tantos anos, apesar dos rumores nunca ninguém o quis comprar.

LF disse...

Bem vista a questão do Weigl.
É um jogador que nunca me convenceu. Aparentemente veio porque Fejsa e Florentino só defendiam e não construíam.
Ora ele não faz nem uma coisa nem outra. Mostra uma falta de agressividade gritante, nunca está no sítio certo, e é ultrapassado com uma facilidade incrível. Faz um ou outro passe longo, mas isso não compensa as lacunas.
Além de que, ao que se sabe, veio ganhar muito mais do que qualquer jogador do plantel da altura, o que terá criado desequilíbrios num balneário até então unido.

De qualquer forma penso que a questão ficará resolvida em breve, pois penso que será um dos nomes a vender. Até porque tem algum prestígio no seu país.