30/04/10

QUANTO VALE UM "SE"?

Olhando ao desfecho das meias-finais da Liga Europa, fica uma sensação amarga de oportunidade perdida.
Se Fernando Torres se tem lesionado 15 dias mais cedo, o Benfica poderia estar agora em vias de conquistar o seu terceiro título internacional – pois suponho que Atlético de Madrid e Fulham não fariam frente a esta equipa encarnada.
Por outro lado, com estas meias-finais pelo meio, o Benfica arriscava-se a ter perdido alguns pontos no campeonato (Sporting? Coimbra?), e estava hoje, desgastadíssimo, na iminência de ter de discutir a liderança em pleno Estádio do Dragão.
Entre o certo e o incerto, creio que, neste caso, o destino se escreveu por linhas direitas.

2 Comments:

Anonymous Anónimo said...

Jogam contra 10 do Liverpool,ganham à rasca com 2 penaltyes.
Levam 4 batatas lá.
O Atlético passa o Liverpool..e vocês ganhavam ao Atlético!?
Só tu, realmente.

1.5.10  
Anonymous Vitória do Benfica said...

Bom Dia
Concordo em absoluto acho que não tinhamos condições para as duas eliminatórias, até porque Luis Filipe Vieira não recebe arbitros em casa na vespera dos jogos do campeonato nem empresta jogadores ao clube que vai defrontar.

Mas temos lá o Simão que já disse que está lá também pelo Benfica

1.5.10  

Enviar um comentário

<< Home