28/04/08

CLASSIFICAÇÃO "REAL"

Na Luz, a expulsão de Hugo Alcântara não deixou dúvidas, não tendo havido mais nenhum caso digno de nota.
Em Guimarães, um dos golos portistas parece ser irregular, mas com uma vitória tão robusta torna-se inócuo atribuir-lhe grande relevo.
Já em Alvalade, Lucílio Baptista – que nomeação tão estranha…- participou directamente na vitória sportinguista, ao assinalar um penálti que foi muito mais construído por Romagnoli do que pelo defensor funchalense. Numa altura em que o Sporting perdia e denotava dificuldades em reagir, o lance acabou por ser capital no desfecho da partida e, quem sabe, do campeonato. O árbitro setubalense voltou pois a ser protagonista numa luta que, ele próprio, por si só, tem desvirtuado em absoluto. Outra coisa não seria de esperar de um juiz cujo currículo desaconselharia de todo a presença em jogos do interesse do Sporting, clube que parece não ter qualquer pudor em proteger abertamente.
Classificação actualizada:
F.C.PORTO 65
Benfica 55
Sporting 49

Etiquetas:

13 Comments:

Anonymous Anónimo said...

"Numa altura em que o Sporting perdia e denotava dificuldades em reagir, o lance acabou por ser capital no desfecho da partida e, quem sabe, do campeonato." Quisá capital para os problemas do país ou mesmo do mundo... faccioso...

28.4.08  
Blogger LF said...

A diferença entre estar em segundo ou em quarto, a duas jornadas do fim, parece-me relevante, ou não ?

Aqui não se fala dos problemas do país nem do mundo.

28.4.08  
Anonymous Anónimo said...

E o penalty não assinalado sobre o Tonel, um pouco antes?

28.4.08  
Anonymous otragal said...

O penalty sobre o Tonel é escandaloso e o do Romagnoli foi cavado mas existe. Penso que é da mais elementar justiça atribuíres os 3 pontos ao Sporting. Se tens dúvidas no do Rmagnoli não podes ter no do Tonel. Quanto às dificuldades em reagir parece-me uma opinião muito parcial. Não me lembro de uma única oportunidade de golo do Marítimo, foram uma autentica nulidade.

28.4.08  
Blogger LF said...

Também não existe.
Para o considerar, teria de fazer o mesmo relativamente ao lance entre Patrício e Di Maria na Taça.
É o típico lance em que o guarda-redes não tem qualquer intuito de atingir o adversário, e neste caso, nem hipótese de se esquivar ao contacto.

28.4.08  
Anonymous otragal said...

Não devemos estar a falar do mesmo lance. O lance a que me refiro é uma gravata em plena área. Penso que sobre o Tonel. Quanto ao lance do Romagnoli nem sequer foi questionado pelo Marítimo, só mesmo por ti...Começas a ficar um pouco obcecado com as arbitragens.

28.4.08  
Blogger LF said...

Vale o que vale, mas o tribunal do "Jogo" é unânime em considerar o penalti inexistente.
Aliás não vi nem ouvi nem li ninguém dizer que o penalti foi bem assinalado senão aqui e agora.

A gravata ao Tonel não é diferente da feita ao Luisão no derby da Taça.
Na altura nem falei do lance, pois se se marcassem penaltis em todos os agarrões na área tinhamos resultados de Andebol.

Quem veja penalti nesse lance, tem de ver também no do Luisão. Quem vê no do guarda-redes sobre Liedson (?), tem de ver no do Di Maria.
Ou seja, das duas uma: ou o Sporting está na final da Taça com a ajuda de Jorge Sousa, ou está no segundo lugar com a ajuda de Lucilio Baptista.
Eu vou mais pela segunda hipótese. Vocês parecem mais inclinados para a primeira.

28.4.08  
Blogger Xelb said...

Oh, porra mas ainda não viram o que se passa?
Quem é que manda nesta Liga?
Pois... é quem tem lá o dinheiro empatado. Quem é, quem é?
Nada mais nada menos que S. Exa. o Sr. BES!
Tem os três "grandes" presos pelos tomates e ai dos que cagarem fora do penico.
E agora outra pergunta:
Qual a dívida de maior risco, aquela que pode ser mais difícil de cobrar?
A dos "lagartos"!
Logo, são os lagartos que têm de ir à Champions. Como disse e muito bem o Rui Santos ontem à noite, onde está o dinheiro da alienação do património não desportivo do Sporting?
Era para ser para a equipa não era?
O homem do Bes dentro do Sporting (LSF) está a trabalhar bem...
Só mais uma pergunta:
Haverá alguma ligação (assim como não quer a coisa) entre o Lucílio Baptista e o BES?

28.4.08  
Anonymous Anónimo said...

Há uma ligação óbvia entre o Lucílio e o BES: o Lucílio é funcionário do BES, em Lisboa. Mas não é um "manda-chuva". Deve ganhar quase tanto na arbitragem (honestamente, com deslocações e prémios dos jogos que faz por mês) do que no Banco.
Adoro paranóias e teorias da conspiração. Sempre gostei de bons thrillers, embora não seja psiquiatra.

O Sporting está na final da Taça por mérito repartido entre a sua própria crença e o Chalana (ou lá quem seja, alguém sabe?) e está (provisoriamente) no 2º lugar por mérito do FCP.
Alguém desmente?

Lucílio Baptista foi o árbitro do BM 2-2 SLB da época passada, não foi?
É preciso tentar justificar a actualidade com recurso a comparações de jogos passados, apenas para negar o óbvio?
É que se assim for, não tenho paciência nem tempo para vasculhar os arquivos. Fica para quem pode. E, lamento, estou certo que a história penalizaria o SLB nesta vertente.
6 milhões de adeptos (será? onde estavam eles quando foi preciso ir ao Dragão?) e nenhum deles é jornalista, nem árbitro, nem tem poder ou influência. Risível e esclarecedor.

28.4.08  
Blogger Peter said...

Olha este a falar do Beira-Mar Benfica do ano passado até parece que o primeiro a ser prejudicado nesse jogo não foi o Benfica com um golo mal anulado logo no 1ºminuto por alegado fora de jogo, o que ele fez a seguir foi as chamadas "compensações" que não deviam ser feitas mas que os árbitros fazem quando têm noção que cometeram erros graves anteriores.E os 15 livres assinalados em Alvalade a favor do Sporting para a fazer "a festa dos cabeçudos" não te lembras?Todos a jeito para o André Cruz marcar.Ironia das ironias no único que marcou a favor do Benfica o Sabry marcou e os "cabeçudos" foram outros.

29.4.08  
Anonymous Anónimo said...

Calma, Pedro anglófono. Afinal de tudo, pareces reconhecer que o LB já premiou o SLB com um penalty fantasma. Chegaste ao meu ponto - LB não apitou sempre contra o SLB.

Obrigado por referires um jogo de um campeonato de bela memória. Foi, de facto, um campeonato emotivo e com um justo campeão. Espero que tenhas pago o bilhete desse jogo e tido o prazer de presenciar esse momento ao vivo em Alvalade. A minha memória, obviamente selectiva como a tua, recorda-se mais da festa de campeão na semana seguinte. Espero que não leves a mal, mas cada qual com a sua coroa de glória.

Como talvez estejas demasiado ocupado em observar jogos das outras equipas (assim como o profeta LFV) e em remexer no passado, proponho que revejas alguns jogos da tua equipa da época presente. Sugiro que te lembres daqueles jogos onde julgas ter havido arbitragens não tão más quanto isso e onde o défice de qualidade do melhor plantel dos últimos 10 anos foi, por obra de alguns acasos (ou nem por isso), colmatado. Nesse sentido, não posso me despedir sem te deixar dois tópicos para reflexão, apenas para não me alongar: Pedro Henriques e Paulo Paraty.
Boa sorte e cumprimentos.

29.4.08  
Blogger PPA said...

Passadeira vermelha para a Liga dos Campeões

O Sporting não vai poder contar com o artilheiro Liedson para o jogo em Paços de Ferreira, sendo inclusivamente muito difícil a sua recuperação para a 30ª Jornada diante do Boavista em Alvalade.
Com Liedson aleijado e Derlei castigado, o Sporting tem assim grandes carências no ataque para defrontar os Pacenses, ainda para mais porque do outro lado vai estar uma equipa reforçada com uma estrela de peso, de seu nome Bruno Paixão Lampião.

Situação preocupante, pois somos obrigados a vencer em Paços de Ferreira, sob pena do Benfica nos ultrapassar na tabela, uma vez que esses já têm os 6 pontos garantidos, por gente que dá garantias:
- Proença na Amadora;
- Paraty ou João Ferreira (“o João, pode ser o João”) na recepção ao Setúbal.

Num jogo (Sporting – Marítimo) onde se assinala um penalty forçado, mas onde de facto se agarra a camisola, mas se ROUBA outros 2 penalties, um dos quais instantes antes do assinalado, lá foram os Choramingas “à Polícia” reclamar, apenas com o intuito de lançar a confusão e tudo fazer para condicionar e manipular o jogo Paços – Sporting, onde o sistema não quer deixar o Sporting passar.
Toda esta situação só acontece porque o Sporting teve aquela derrota vergonhosa em Leiria, mas é triste mais uma vez o sistema cozinhar a classificação.
Mostrem antes o DVD do Benfica-Sporting (Pedro Henriques) e do Sporting-Benfica (Paraty); ou se quiserem do Paços-Benfica ou ainda do penalty fidelidade que o Lucílio lhes deu o ano passado em Aveiro mesmo no fim do jogo!
Mostrem também o que o Rui Costa fez no Bessa!

30.4.08  
Blogger Peter said...

Caro anónimo podes crer que coroas de glória dessas o Sporting tem muitas mais que o Benfica.Tu como pessoa de memória também selectiva deves-te lembrar dos 7-1,e de quem foi campeão nessa época e apenas com essa derrota.Quanto ao jogo dos 15 livres não estive presente mas se tivesse teria ficado ainda mais contente assim como fiquei contente na festa da semana a seguir até porque o Sporting quebrou nesse ano o sonho do hexa, e eu como amigo de alguns sportinguistas tive o prazer de comer e beber á grande e á francesa á conta deles.Agora também é verdade que esse campeonato também teve peripécias e em especial do velhote que no ínicio era vaiado mas no fim já era o maior, o Acosta.Cada vez que o veterano dava um peido dentro da área não é que era logo penalty.E foram tantos.Quanto ao LFV não te preocupes com ele porque eu também não, a conversa dele não é muito diferente dos governantes deste país, ou seja demagogia.Se calhar devias-te preocupar era com o FSF que mais parece um procurador dos interesses financeiros do BES do que um presidente de um clube com a grandeza do Sporting.Quanto ao Paraty para mim só errou neste último clássico, porque no da Luz o Ricardo deu um frango,coisa que vocês até estavam habituados que ás tantas até o vaiavam e fizeram com que em determinado período lhe fosse retirada a titularidade.Quanto ao Pedro Henriques erro para os dois lados,mas por falar em Pedros e então o Proença(sócio do benfica que rouba sempre o Benfica) que na era Fernando Santos em Alvalade lhes deu um jeitinho com o penalty fantasma do Silva e a não expulsão do Miguel Garcia que cometeu uma falta brutal sobre o Simão aquele indíviduo da camisola 20 que muitos de vocês nem se atreviam a soletrar o nome dele.Mas pronto no fundo no meio de estas quezílias Benfica-Sporting há sempre uns que se ficam a rir e que tem dominado o futebol português á custa desta desunião dos grandes de Lisboa.

30.4.08  

Enviar um comentário

<< Home