06/09/11

DOIS PESOS E DUAS MEDIDAS

Escrevi aqui sobre a ausência de Capdevilla da convocatória para a Champions League. Pareceu-me uma opção estranha, e como tinha a ver com o Benfica, comentei-a. Acontecesse noutro clube, e possivelmente não o teria feito, pois, como sabem, o Glorioso tem aqui um lugar de destaque.

Ninguém me paga para fazer isto, não sou jornalista, e não estou sujeito a qualquer deontologia profissional. Nestas circunstâncias, escrevo aquilo que quero e me apetece.

O mesmo não se aplica aos órgãos de comunicação social que se dizem independentes, onde se ganha dinheiro, e aos quais se exige isenção e critério.

Todos eles falaram de Capdevilla. Falaram muito. Mas sobre a convocatória do FC Porto nem uma palavra. E haveria algumas coisas para dizer.

Alex Sandro, que custou quase 10 milhões de euros (num capricho que visava apenas desviá-lo do Benfica), ficou de fora. Iturbe (o “novo Messi”) também, assim como Walter (que só me lembro de marcar golos, para desgraça minha, ao Juventude de Évora). Mas o dado mais curioso é que o FC Porto foi obrigado a deixar quatro vagas por preencher, pois não tem no seu plantel qualquer jogador formado internamente, coisa que tem passado despercebida.

Pelo contrário, o que se lê muito por aí é que o Benfica joga apenas com estrangeiros. Talvez não tenham feito as contas, pois caso contrário saberiam que o Benfica é justamente, de entre os três grandes, o clube com mais portugueses e com mais jogadores da sua formação no plantel principal. Quem não esteja atento, até pode pensar outra coisa.

Muitas vezes acusa-se os “media” de protecção ao Benfica. Estes casos provam o contrário.

Que só falam do Benfica, é verdade. Que fazem manchetes espampanantes com jogadores encarnados, também é verdade. Que protegem o clube da Luz, é falso. Servem-se dele, o que é substancialmente diferente.

5 Comments:

Anonymous Anónimo said...

A não inscrição do alex sandro é perfeitamente normal, na medida que é um jogador vindo do brasil e que necessita antes de mais de perceber o ritmo europeu e só depois será capaz de poder alinhar regularmente no porto. O iturbe tem 18 anos acabados de fazer e não faz sentido nenhum estar a queimar etapas na sua formação futebolistica. Quanto ao walter a situação também não me deixa de causar estranheza.
O benfica apesar de ter alguns jogadores da sua formação no plantel principal, a grande maioria irá passar o ano inteiro a ver os jogos do camarote.

7.9.11  
Anonymous El Pibe d'Ouro said...

Anónimo:
Se o alex sandro necessita de perceber o ritmo europeu, e se o iturbe não pode queimar etapas na sua formação, então, depreendo, que também eles passarão grande parte dos jogos da sua equipa no camarote...
A grande diferença é que os jogadores da formação do BENFICA não custaram milhões de euros...

7.9.11  
Blogger Manuel said...

Exactamente. Servem-se do Benfica. Ao fim e ao cabo, exactamente a mesma coisa que o regime fascista fez como Benfica. Serviu-se dele em proveito próprio.

A CS SERVE-SE do Benfica.

Mas quem se APROVEITA da CS não é definitivamente o Benfica. Aqui está a grande diferença. Exactamente a mesma coisa aquando do regime fascista.

7.9.11  
Anonymous Anónimo said...

Alex Sandro está lesionado, só poderá jogar lá para Novembro.
A 1º fase da liga dos campeões termina em Dezembro, em Janeiro há nova lista.
Capdevila é um jogador Campeão do Mundo! É estranho não estar na LC!

7.9.11  
Anonymous Anónimo said...

Eu não quero estar a errar mas parece-me que os jogadores com 21 anos até janeiro não têm de ser inscritos.Pelo menos era assim.

7.9.11  

Enviar um comentário

<< Home