12/09/07

AFINAL O EMPATE PODE BASTAR, E...

Ao contrário do que tem sido sugerido em certos meios, a situação de Portugal na fase de qualificação para o Euro 2008 é ainda, mesmo após alguns resultados menos positivos, bastante privilegiada.
Tem-se inclusivamente falado de “Mata-Mata” a propósito deste jogo com a Sérvia, tem-se dito que não há mais margem de erro - já se dizia aliás antes do jogo de sábado passado -, mas a verdade é que mesmo com um empate esta noite em Alvalade, Portugal continua a depender exclusivamente de si próprio com vista ao apuramento. Mais, mesmo perdendo hoje, Portugal pode continuar também a depender apenas de si para as últimas jornadas, desde que hoje também, a Finlândia vença a Polónia em Helsinquia.
As possibilidades são muitas, e há inclusivamente hipóteses matemáticas de Portugal se apurar com apenas duas vitórias e três empates nos cinco jogos que lhe faltam disputar.
Veja então todas as possibilidades, considerando como axioma, para facilitar a análise, que os quatro candidatos ao apuramento (Portugal, Polónia, Servia e Finlândia) vencem todos os jogos frente aos não candidatos (Bélgica, Arménia, Azerbaijão e Cazaquistão):