17/05/07

O QUÊ ??!??

É verdade que o campeonato está futebolisticamente decidido. Mas para a Liga, enquanto a matemática o permitir, há a obrigatoriedade de manter todo o rigor, em nome da credibilidade da competição.
Não se percebe se a lógica foi escolher um figurante para a festa do Dragão - e neste caso a escolha seria acertadíssima - ou se se trata de outro qualquer motivo menos festivo.
Nomear este homem para apitar o jogo que pode valer o título ao F.C.Porto é gozar com quem andou toda a época a assistir a jogos, quer em estádios quer pela tv, é gozar com os clubes envolvidos na luta pelo campeonato, é, em suma, gozar com o futebol português.