15/04/09

DESLUMBRANTE !

Se tal fosse possível, ainda agora estaria a ver jogar as equipas do Chelsea e do Liverpool.
Num dos melhores jogos da última década, os dois conjuntos inglesas fizeram Deus descer à relva, tal a forma como disputaram, taco a taco, lance a lance, golo a golo, uma partida para a história, e uma eliminatória que já vai sendo um ícone da Liga dos Campeões.
A forma como o Liverpool - a jogar fora, precisando de marcar três golos e sem Gerrard - entrou em campo devia ser mostrada por todos os treinadores do mundo às suas equipas. Mais do que um sistema táctico (qual sistema táctico!!), mais do que o talento dos jogadores, a equipa de Rafa Benitez disputou cada lance, em cada palmo de terreno, como se da própria vida se tratasse, fazendo jus ao lema do seu lendário treinador Bill Shankly, que nunca deixa sozinho o título deste Blogue. Não fosse a infeliz primeira-mão em Anfield e era o Liverpool que merecia claramente a passagem às meias-finais (aquela oportunidade perdida para o 0-3 aos 44 minutos...), sem desprimor pela reacção do Chelsea na segunda parte. Uma imagem me fica deste jogo: aos 93 minutos, a precisar de dois golos para se apurar, o Liverpool continuava feroz, louca e desenfreadamente à procura da baliza de Cech, como se estivesse tudo a começar.
Houve erros? Houve, sobretudo dos guarda-redes. Mas sem erros não havia golos e, no limite, não havia futebol. E que pena seria se tivéssemos de viver sem isto...
Apenas um ligeiro desapontamento: a eliminação de uma equipa que me toca, quer por ter sido o primeiro campeão europeu de que me lembro (em 1977 e 1978), quer pela cor, quer pelo hino, quer pelo mítico Kop, quer pelas épicas eliminatórias com o Benfica, a última das quais ainda bem fresca na memória. Sempre torci pelo Liverpool no futebol inglês, mesmo nos tempos de Mourinho quando estes combates eram uma espécie de Portugal-Espanha. A perfeição no jogo de ontem seria um 4-6, mas…
Quem não viu, não tem consciência do que perdeu. Quem viu, vai certamente lembrar-se deste jogo por muitos e bons anos. Para a história fica a marcha do marcador: 0-1, 0-2, 1-2, 2-2, 3-2, 3-3, 3-4, 4-4. Lembram-se de Leverkusen? Foi igual em emoção, mas ainda melhor em qualidade técnica.
O Chelsea-Barcelona das meias-finais promete...
Viva o Futebol !

14 Comments:

Anonymous Vitória do Benfica said...

Foi exactamente o que senti, quando assisti a este jogo. Gravei, vou rever e voltar a rever. Como este só me lembro daquela magistral Taça de 2005 onde o Liverpool a perder por 3 golos vai ganhar a final.
Este sim era o jogo que deveria ir para o balneário do Benfica

15.4.09  
Blogger utopia said...

Será possível que os jogadores do Benfica disputem cada lance como se do último se tratasse?
É só isso que quero!
Viva o futebol.

15.4.09  
Anonymous Peter said...

Sim foi um jogo espectacular bastante parecido com o leverkusen-Benfica.Falando da atitude que o LF falou dos jogadores do liverpool é disto que os do Benfica precisam. E os adeptos tb deviam de aprender com os do liverpool.

15.4.09  
Blogger angelodias said...

Os adeptos do Inter também festejam as vitórias europeias do Milan ou Juventus, assim como os do Real Madrid que festejam as do Barcelona como se fossem suas.
Os grandes clubes são mesmo assim e basta ler os jornais estrangeiros para perceber que as rivalidades não se esgotam quando uma equipa passa a fronteira para jogar com um clube estrangeiro.

Cumprimentos.

15.4.09  
Blogger LF said...

... e vocês assim nos ensinaram...

15.4.09  
Anonymous Peter said...

Caro angelo dias quando eu me referi aos adeptos do liverpool não foi porque eles apoiam as equipas rivais do seu país nas competições europeias(meu caro isso não acontece de maneira nenhuma), mas sim ao seu comportamento com a sua própria equipa apesar de ter sido eliminada, aliás quando o Micolli fez o 0-2 em Anfield na última vez que o Benfica lá esteve os adeptos do liverpool em vez de mostrarem os lenços brancos ou abandonarem o estádio, imediatamente cantaram o hino do clube "you´ll never walk alone".É disso que falo.Em relação ao que diz sobre os adeptos das equipas estrangeiras que referiu desculpe-me que lhe diga mas isso só demonstra um desconhecimento grave do futebol internacional, é que as rivalidades entre os clubes que referiu nomeadamente entre os clubes espanhóis e italianos (os latinos são sempre os piores lol)nunca permite que tal aconteça.Eu desde 2004 quando ouvi "slb,slb,slb,filhos .. .... slb em gelsenkirchen" que deixei de apoiar o fcp nas provas internacionais, aliás ainda a semana passada em old trafford quando o rodriguez marcou, voltou-se a ouvir mais do mesmo.Portanto comigo hoje não contem.

15.4.09  
Anonymous Anónimo said...

... e pronto, mais uma noite de grande sofrimento para 10 milhões de portugueses; e os portistas, estou certo, nem serão os que vão sofrer mais, pelo menos durante o encontro...
vá, pessoal de vermelho, é cerrar os dentes e aguentar, já que não passam sem olhar para o ecran (jogo que não deviam ver, nem ouvir, nem do mesmo querer saber, e muito menos falar ou escrever, antess, durante e/ou depois, já que não vos diz respeito, não é do vosso campeonato); pastilhinhas à mão, não esqueçam...

15.4.09  
Blogger LF said...

Ui,

Até já estou a tremer de nervos...

15.4.09  
Anonymous Anónimo said...

hoje o plantel vai valorizar mais uns bons milhões de contos; sim, esses mesmos, os velhos contos dos escudos...
é sempre a somar....

16.4.09  
Blogger PPA said...

Foi um grande jogo este 4-4, o melhor desde o Sporting 5 - Benfica 3.

Foi pena uma das duas equipas ter ficado pelo caminho (no caso o Liverpool).

Sempre gostei do Liverpool e do seu antigo avançado Ian Rush; se bem que não torça todos os anos pela mesma equipa, pois gosto de ver várias equipas a ganhar em Inglaterra.

Este ano ficava contente que o Liverpool ganhasse o campeonato Inglês.

16.4.09  
Blogger angelodias said...

Caro Peter, devo dizer-lhe que muito me custa quando ouço esse cântico ser entoado no estádio. E aliás não sou só eu até porque de certeza reparou que são muito poucos os que o cantam ( talvez as claques oficiais) e muitos os que assobiam.
Obviamente que não se compara o apoio prestado pelos adeptos dos clubes ingleses na hora da derrota, mas também lhe digo que a excepção confirma a regra :)
Isso que refere pode não acontecer nos outros países ( insultar outra equipa num jogo da própria equipa) mas tem de concordar comigo que somente vibram e gostam que a sua equipa ganhe. Nunca uma rival do mesmo país.


Cumprimentos Desportivos.

16.4.09  
Anonymous Peter said...

Ó anónimo manca-te.

16.4.09  
Anonymous Peter said...

Meu caro angelo fico feliz por essa sua atitude, mas olhe que eu tive no dragão no último fcp-SLB e quando o lucho marcou o penalty fantasma não foram só os superdragões e o colectivo que gritaram esse cântico foi o estádio inteiro, alguns bem ao meu lado (claro separados por stewards, mas que estavam a gritar estavam).No entanto é sempre de louvar a sua atítude temo é que o angelo seja uma gota de água no universo portista.

16.4.09  
Blogger cj said...

eu lembro-me de leverkusen, vi num televisor pequeno numa cozinha lá para os lados de...

21.4.09  

Enviar um comentário

<< Home