13/03/09

MÁ COMPANHIA

Quando o lateral-direito Miguel saiu unilateralmente do Benfica em 2005, instigado por Paulo Barbosa, muitos sportinguistas acharam graça, e um deles até patrocinou juridicamente o jogador. Agora, com Miguel Veloso, provam idêntico veneno.
Mesmo levando em conta que o médio internacional aufere em Alvalade menos que Rodrigo Tiuí, e metade que Romagnoli, e que a sua milionária cláusula de rescisão lhe barra a saída, creio que grande parte da responsabilidade pela polémica que tem envolvido o seu nome tem origem no seu empresário. A história de Paulo Barbosa é muito pouco recomendável - por acaso até foi meu vizinho, mas não é por isso que o digo - parecendo lançar fogo em tudo o que toca.
Alguns decerto se lembrarão de Yuran, Kulkov e Mostovoi, russos que fizeram “o bom e o bonito” no Benfica dos início dos anos noventa, e cujos casos de indisciplina foram uma constante. Paulo Barbosa era o seu empresário e tradutor – vivera na URSS -, e acabou mais tarde por levá-los de borla para o FC Porto. Estou convencido, por esses e outros motivos, que Paulo Barbosa teve um papel importante no declínio competitivo e organizativo que o futebol do Benfica sofreu nessa fase, ao longo da qual ele tomou um protagonismo e uma influência totalmente desproporcionadas à confiança que inspirava e à credibilidade que tinha, sempre com resultados extremamente nefastos para a estabilidade e tranquilidade do clube.
Agora Paulo Barbosa está bastante ligado ao Sporting. Demasiado, diria eu, se o futuro próximo do clube de Alvalade me preocupasse para alguma coisa.
Não me preocupa. Fica apenas a nota, ainda que continue a não entender porque fracassou o negócio com o Bolton, através do qual o Sporting se teria visto livre de um jogador problemático, e teria embolsado uma verba considerável.

5 Comments:

Anonymous Vitoria do Benfica said...

Boa Tarde Luis Fialho
Ainda ontem assisti na Benfica TV ao programa onde esteve presente o António Veloso. È uma pena ver um filho tão talentoso como o pai não estar no nosso clube.

Também acredito que Paulo Barbosa foi um dos responsáveis pelo declinio do Benfica mas isso fica para outras alturas.

Paulo Barbosa foi mais um daqueles que se passou do politicamente correcto de 1975 para o politicamente correcto de 1990 ou seja é um Vodka com laranja.

Saudações Benfiquistas

13.3.09  
Blogger LF said...

Vodka com laranja. Um nome bem posto...

Com outro empresário, nem me importaria de ver o Miguel Veloso no Benfica.
Paulo Barbosa é que não convém nem cheirar.

13.3.09  
Anonymous Peter said...

O paulo barbosa só se tornou empresário depois de ser tradutor no Benfica, quem efectivamente trouxe os russos e o ucraniano foi o manuel barbosa.Não me surpreende nada este caso do miguel veloso, tendo em conta o que ele fez com o miguel(valência),os eslavos(fcp e le havre),e o caneira,paulo costa e o alhandra(que por acaso até jogou comigo)que tb há uns anos saíram a mal do sporting, passando pelo beira-mar e alverca.

13.3.09  
Anonymous Anónimo said...

o aurelio esta quaise ai ele vai dar o seu parcer ,sabe mais que a irma lucia que deus lha tenha

14.3.09  
Anonymous Silva Barqueiro said...

o mostovoi esteve no Porto? muito se aprende neste blog...

14.3.09  

Enviar um comentário

<< Home