23/04/14

RUMO À GLÓRIA

Duas vitórias, seis pontos. É o que necessitamos para garantir o título. Parece pouco. Pode até ser pouco. Mas ainda falta esse “pouco” para soltarmos foguetes, e fazermos a tão desejada festa. O calendário é favorável? E que dizer da época passada, quando bastava vencer, na Luz, as duas equipas que haviam subido à 1ª Liga? Não é fácil lembrar, mas não podemos esquecer. Digamos que um Benfica à imagem daquele que temos visto nos últimos três meses (inspirado por Eusébio e Coluna), chegará, e sobrará, para ultrapassar os obstáculos que ainda tem por diante, alcançando com segurança o principal desiderato da temporada. Mas esse Benfica tem de se manter vigilante, tem de jogar, e tem de ganhar, sabendo que do outro lado estão conjuntos necessitados de pontos, e sabendo que um eventual percalço pode fazer ressuscitar velhos fantasmas - enervando os nossos, e estimulando rivais. Que temos a melhor equipa portuguesa, ninguém ousa negar. Aliás, já a tínhamos em 2011-12, e em 2012-13. Dos últimos sessenta jogos a contar para o Campeonato Nacional, apenas perdemos dois. Em toda a era Jorge Jesus, só em 2010-11 não fomos os melhores. Agora, além de melhores, temos de ser também primeiros. Temos de nos manter primeiros. No momento em que escrevo, desconheço o desfecho da eliminatória europeia. Hoje mesmo, será dia de sorteio. De uma, e de outro, dependerão as aspirações que ainda podemos ter fora de portas. Na quarta-feira joga-se a Taça – que nos foge desde 2004. Espera-se um Benfica à Benfica, capaz de ultrapassar um adversário revitalizado, e um resultado negativo trazido da 1ª mão. Estamos em dívida para com a Taça de Portugal. Precisamos de ir novamente ao Jamor, desta vez para empurrar a fatalidade, e trazer o troféu. E ainda há a Taça da Liga. Muita coisa está, pois, sobre a mesa. A época está longe de terminar. Queremos fazer mais onze jogos. Todos os jogos. Todas as finais. E ganhá-las. O grande Benfica que temos no presente, merece a glória que já teve no passado. E vai tê-la.

1 Comments:

Anonymous Anónimo said...

Este comentário foi removido por um administrador do blogue.

15.5.14  

Enviar um comentário

<< Home