10/07/12

UMA HISTÓRIA (Et Pluribus Unum)

"Estávamos a preparar a próxima época. No final da época 2011/2012 o Benfica tinha-se sagrado Campeão Nacional. Para além disso tinha vencido novamente a Taça da Liga, eliminando nas meias-finais o FC Porto. Na Liga dos Campeões tinha sido eliminado nos quartos-de-final demonstrando nos 2 jogos ser melhor que o Campeão Europeu.
Nas modalidades tínhamos ganho tudo no futsal, sido campeões no dragão caixa em basquetebol, campeões no hóquei 14 anos depois, destronando a hegemonia do Porto nos últimos 10 anos, campeões no atletismo, e mesmo no voleibol tínhamos ganho Taça e Supertaça. Apenas o Andebol tinha sido uma desilusão.
Estávamos em euforia depois de uma época excepcional e motivados para a próxima. Continuávamos com um grande plantel e quase 100% dele já estava no estágio. Apenas nos faltava 1 jogador para ser titular, um concorrente para outra posição e escolher os jogadores dispensáveis. Entravamos directamente na Liga dos Campeões e tínhamos ambição de ir um pouco mais longe do que os quartos-de-final.
Ainda não tínhamos renovado com a Olivedesportos e a coisa parecia encaminhada para definitivamente nos livrarmos de um dos tentáculos do polvo.
Tínhamos tido um ano com resultado positivo nas contas ao passo que os nossos concorrentes directos tinham tido prejuízos entre os 20 e 30 milhões de euros.
Luís Filipe Vieira chegava ao fim do seu mandato desportivo com 2 títulos nacionais, 3 taças da liga e sempre a chegar, no mínimo, aos quartos-de-final nas campanhas europeias. Nas modalidades tínhamos ganho vários campeonatos, várias taças e até 3 títulos internacionais. A contestação era pouca e não se vislumbrava nenhum candidato capaz de derrotar Vieira.
À volta da equipa não havia barulho nem pressão. As eleições de Outubro não iam afectar a nova época. Jorge Jesus continuava a ser o treinador. Em 3 anos tinha ganho 2 títulos. Todos o aclamavam.
Para os lados do Porto vivia-se uma depressão sem memória. Uma época apenas com a vitória na Supertaça. Tinham sido humilhados nas competições europeias não obtendo as receitas que esperavam obter. Ainda por cima tinham investido 50 milhões em novos jogadores ou percentagens de passes de outros que já cá estavam. Tinham existido vários erros na construção do plantel. Os mais visíveis tinham sido a falta de um ponta-de-lança e no não cumprimento dos requisitos da UEFA para a inscrição de jogadores podendo apenas inscrever 21. Nas modalidades apenas um titulo de Andebol.
A nível financeiro tinha ocorrido um prejuízo de mais de 20 milhões. O passivo nos últimos 2 anos tinha crescido à volta de 70 milhões.
A contestação a Vítor Pereira era grande. Continuava-se a questionar a contratação de Danilo por 20 milhões. Tinham existido ordenados em atraso na época anterior, e nesta pré-época tinham de vender vários jogadores para equilibrarem as contas. Para além disso jogadores como Álvaro Pereira estavam descontentes e não tinham ido para o estágio. Existiam muitas indefinições quanto ao plantel da época seguinte. A pressão para a próxima época era enorme.
Acabo aqui a minha história. O que leva a que não seja uma história mas sim a realidade são as 2 primeiras linhas deste texto. E essas 2 linhas não são uma realidade quase exclusivamente por causa
disto.
Espero que isto ajude a entender a força que um conjunto de árbitros pode ter no futebol. O que podiam ser hoje 2 títulos em 3 épocas e a recuperação da hegemonia em Portugal do Benfica, transformou-se em apenas 2 títulos em 10 épocas de Vieira. O que hoje podia ser um optimismo fundamentado, transformou-se em depressão e contestação. O que hoje podia ser um inicio de época tranquilo, transformou-se num inicio de época sobre pressão e vulneráveis aos homens do apito, pois até Outubro, vão passar para segundo plano em caso de derrotas ou empates do Benfica."

Texto retirado de Et Pluribus Unum

8 Comments:

Anonymous Anónimo said...

PALHAÇADA...
PALHAÇADA... VOCÊS ESQUECEM-SE QUE O PARVALHÃO DO LFV FOI QUEM APOIOU A ESCÓRIA QUE TÁ NA ARBITRAGEM, O HOMEM ATÉ É CONTRA A PROIBIÇÃO DO EMPRÉSTIMO DE JOGADORES A CLUBES DO MESMO ESCALÃO. SITUAÇÃO QUE DURANTE ANOS ANDAMOS A CRITICAR AO PORTO. COMEÇO A ACREDITAR QUE É ESSE FDP O BUFO QUE EXISTE NO SLB. DA MINHA PARTE ENQUANTO ESSE MERDAS LÁ ESTIVER NÃO FAÇO INTENÇÃO DE PERDER MAIS UM CENTIMO COM O ORELHAS FUTEBOL CLUBE...

10.7.12  
Blogger No.Worries said...

absoultamente fantástico!

10.7.12  
Blogger Manuel said...

Muito bom.

O anónimo de cima é o quê, um andrade? Tem toda a pinta disso.

11.7.12  
Anonymous O GLORIOSO said...

Não vale a pena Luis que os grandes "benfiquistas" continuam avidos de sangue como se isso resolve-se alguma coisa.
Se não gostam mudem de clube olhem apoiem os corruptos.
O texto é sublime e retrata na perfeição que foi a ultima epoca. Os Proenças, Benquerenças é obvio deram um final diferente como aconteceu muitas vezes com outros protagonistas nos ultimos 30 anos.
Estou cada vez mais convencido que isto só mudará quando determinado individuo bater as botas ou se Vieira quiser aplicar o seu golpe da unica arma que tem as transmissões televisivas.

11.7.12  
Blogger condor said...

Que Deus permita que no final da época que está prestes a começar a choradeira se mantenha ou se possivel que aumente!
pobres de espirito!

11.7.12  
Anonymous Bruno Oliveira said...

Uma gargalhada, foi o que dei ao ler isto...
Se a minha avó fosse estéril eu também não estava cá... "Se", "se" e mais "se"...
E achas que o VP não tinha ido embora se não fosse campeão? O Porto não é o benfica. Quem não ganha sai, não se arranjam desculpas...
Mas continuem no vosso mundo imaginário que nós continuaremos a ganhar. E o tri já cá canta xD

11.7.12  
Anonymous Anónimo said...

Grande depressão q seria no Porto. Na época anterior teria humilhado por 3 vezes um Benfica que (dizem) hegemónico, ganhou tudo o q havia para ganhar no futebol, e n falhou o título nacional em nenhuma das principais modalidades.
Uma época má (mas normal no Benfica), seria a grande depressão e representaria a hegemonia da Luz.
Efectivamente em histórias da caroxinha são os maiores!

11.7.12  
Anonymous Vitória do Benfica said...

Grande Post. GRande Benfiquista impregnado de Benfiquismo. O Homem da brilhantina mais o tal que nunca chegará a galo podem torcer e fazer o que quiserem ao fim de muitos anos nas ruas de maputo hoje só se vê camisolas do Benfica. O homem da brilhantina mais parece um candidato ao clube porque em vez de desmetir o erro do seu fiscal de linha e os erros que fez durante anos com o clube dos pintos acena com a má gestão do nosso Presidente. Desiludam-se porque não vão passar

11.7.12  

Enviar um comentário

<< Home