29/09/10

MATAR O BORREGO

"A partida de amanhã, na Arena de Gelsenkirchen, pode vir a revelar-se decisiva para o desfecho do grupo B da Liga dos Campeões.
Uma vitória do Benfica no terreno do adversário mais directo, deixará este em sérias dificuldades, e embalará os encarnados para a discussão de um dos dois primeiros lugares do grupo, esboçando desde logo um horizonte de fortes hipóteses de qualificação para a fase seguinte.
Em mais de cinquenta anos de competições europeias, nunca o Benfica conseguiu vencer em território germânico. Umas vezes por falta de sorte, outras por fraquezas próprias ou méritos alheios, a verdade é que a malapata foi perdurando no tempo, ainda que episodicamente disfarçada por alguns empates saborosos - à cabeça dos quais, uns célebres 4-4 em Leverkusen, com João Pinto e Rui Costa a conduzirem a equipa então orientada por Toni para uma exibição de gala, que valeu, na altura, uma passagem às meias-finais da já extinta Taça das Taças.
O jogo de Gelsenkirchen constituirá, agora, uma excelente ocasião para romper com essa negra tradição. Enquanto o Benfica está a crescer, o Schalke 04 não vive dias felizes, e tem-se deixado afundar na tabela da Bundesliga. Aparentemente, este pode ser o momento mais apropriado para o defrontar.
Não nos iludamos, porém, com classificações domésticas. O Benfica terá pela frente uma equipa forte, cujo plantel é constituído por grandes jogadores, dirigidos por um treinador experiente, e que tentará alcançar nesta participação europeia o sucesso que parece estar a fugir-lhe na frente interna. Tendo perdido na primeira jornada, e jogando agora em sua casa, certamente tudo fará para ganhar, assumindo-se, com toda a certeza, como um adversário capaz de criar enormes dificuldades ao conjunto de Jesus. Só o melhor dos Benficas pode vencer este jogo, e é esse mesmo, o melhor, que espero ver subir ao relvado nesta quarta-feira.
Repostos os níveis de confiança, é agora altura do Benfica pôr o ponto final nas amarguras do início de época. Nada melhor do que fazê-lo com uma grande, e inédita, vitória na Alemanha."
LF, Jornal "O Benfica"

EQUIPAS PROVÁVEIS
19,45, Veltins Arena -Gelsenkirchen (Sport Tv1)
SCHALKE04 - Neuer, Sarpei, Metzelder, Plestan, Schmitz, Matip, Jones, Rakitic, Jurado, Raul e Huntelaar.
BENFICA - Roberto, Maxi Pereira, Luisão, David Luiz, César Peixoto, Javi Garcia, Carlos Martins, Aimar, Fábio Coentrão, Cardozo e Saviola.

1 Comments:

OpenID momentum-blog said...

Há sempre uma primeira vez! 0-2 !

29.9.10  

Enviar um comentário

<< Home