06/04/09

A POBREZA DE UNS E A POBREZA DE OUTROS, NUMA NOITE AMPLAMENTE ESCLARECEDORA

Teve a sorte do jogo do seu lado, beneficiou de uma arbitragem simpática, marcou cedo, aumentou a diferença pouco depois, teve pela frente um adversário descrente e em crise, dispôs do apoio do público, e nem mesmo assim o Benfica conseguiu fazer mais do que nos jogos anteriores. Ou seja, a sua exibição voltou a roçar o zero, quaisquer que sejam os parâmetros pelos quais possamos analisar este jogo.
É difícil determinar onde termina a responsabilidade do treinador, e onde começam as carências do plantel, quer em termos atléticos, quer quanto à sua coerência colectiva.
Quique Flores disse há algumas semanas que lhe parecia um milagre o Benfica manter-se na discussão do título, afirmando este fim-de-semana que o terceiro lugar não seria mau de todo. Vendo esta equipa jogar somos forçados a entender e a concordar plenamente com o técnico andaluz. Ficam contudo no ar algumas dúvidas, dúvidas essas que se mantêm desde o início da temporada, e para as quais nenhuma das elaboradíssimas e requintadas conferências de imprensa de Quique forneceu as respostas. Falta-nos, em suma, saber, qual é a sua ideia para o Benfica ? qual o caminho que pretende seguir ? quais os objectivos para a próxima época ? que ambições podem na verdade ter os adeptos, e o que podem esperar de uma das mais caras equipas da história do clube ?
Se o figurino táctico da equipa levanta muitas interrogações, se a sua condição física se mostra inaceitavelmente deplorável – em muitos momentos do jogo de ontem foi o Benfica que pareceu não treinar -, a verdade é que também a atitude de alguns jogadores deixa muitíssimo a desejar.
De todos os jogadores do Benfica que evoluíram ontem no Estádio José Gomes, além do regressado e inocente Quim, talvez apenas Maxi Pereira tenha mostrado voltagem para uma equipa que se diz candidata ao título. O uruguaio luta com todas as suas forças, não pára um segundo, e mesmo sem ter sido muito dotado pelos deuses do talento, consegue sobressair como a figura desta pobre equipa. À excepção dele, seja por má preparação, seja por falta de empenho, seja por razões genéticas, ou por qualquer outro motivo, mais nenhum jogador do Benfica demonstra capacidades para ombrear com aquilo que se viu este fim-de-semana aos rivais, Sporting e, sobretudo, F.C.Porto.
O caso de Pablo Aimar é gritante. É verdade que está deslocado da sua posição natural, mas a forma como vive o jogo e o modo como reage aos lances, são reveladores de uma atitude de alheamento, de conformismo, de logo-se-vê, que simboliza todo o Benfica 2008-09, e que não é tolerável num dos jogadores mais bem pagos do futebol português. Seria dele a responsabilidade de liderar o futebol ofensivo da equipa, de lhe conferir criatividade e imaginação. Desde o início da época nunca o fez, e não parece que se possa ter muita esperança de ainda o vir a fazer. Estranhamente, o argentino parece ter lugar cativo na equipa, não sendo substituído em circunstância alguma, acabando por apenas lhe dar (ainda) mais fragilidade física , e lhe retirar (ainda) mais coerência táctica.
A sensação que tive ao ver o jogo de ontem, e após os outros resultados da jornada, foi a de um Benfica a lutar com dificuldade por manter o terceiro lugar. Julgo ser esse o destino para a equipa de Quique. Uma equipa cara, opulenta, burguesa, desorganizada, lenta, frágil, ineficaz e conformada, constantemente à espera de um milagre, que umas vezes (como ontem) aparece, outras não.

9 Comments:

Anonymous Anónimo said...

Realmente vocês sao muito tristes..

Numa alturas o aimar é o maior e até faz RABONAS.LOL, noutras ja é o que toda a gente, que nao cegos benfiquistas, sabia que ele era..fraco, mau fisicamente, mau jogador de equipa.

Numas alturas o Di maria é o maior é o proximo maradona e tal e tal noutras e como sempre teve a vista de todos nao passa de um vulgar jogador Egoista com alguma habilidade tecnica ao estilo de helder barbosa ou coentrao...mas nao como ele é argentino é LOGO o maior da zona.LOL

È por estas e por muitas outras a começar pelo vosso orelhas que voces nao passaram(20anos) nao passam nem passarão da ETERNA cepa torta.

mas emfim continuem assim pq dessa forma tudo ficará mais facil para o GRANDE CLUBE DE PORTUGAL o FC PORTO.
até la vão se contentando com o futsal feminino e com a pesca aquatica enquanto nos, CAMPEOES, passeamos pela a EUROPA todo o nosso futebol!

ABRAÇOS e nao percam a esperança pq ela é a ultima a morrer...LOOOOOOOOOOOOOOOOOOOOOOOOOOOOOOOOOOOOOOOL

haaa... outra coisa o Rui Costa é grande!!!lllllllllllllllllllllllllooooooooooooooooooooooooooooooooooooooooooooooooooooooooooooll

TRISTES MISERAVEIS!!

6.4.09  
Anonymous nuno said...

meu caro, vou escrever isto antes de conhecer a sua classificação real, após esta semana:
- no Estrela-SLB:
- o penalty sobre o N.Gomes não é! A haver falta é fora da área!
- aceito a decisão no lance do segundo penalty, apesar de me parecer algo forçado!
- na jogada do D.Luiz é penalty (seguindo a lógica do penalty cometido pelo Vidigal) e cartão para o David Luíz (amarelo ou vermelho: a bola ia a entrar??)
- parece bem assinaldo o penalty do Yebda, embora me pareça compensação (sr LF se o senhor achou penalty do Postiga e do Polga nos jogos em Braga e na Figueira, e se achou penalty no lance do Suazo no SLB-Braga, também tem de ter a mesma opinião agora, CERTO?)!
- conclusão: resultado real 2-1, ou no máximo 1-1 (se considerarmos que se o penalty do D.Luiz era, pode-se pensar que o lance do Yebda já nap ocorreria)
- mas o que me espanta mais é a pobreza do jogo do SLB, se fosse um treindaor português, com este plantel (talvez o melhor de Portugal) já teria seido despedido, o que é muito triste!!!

- no jogo Leixões-SCP
- Rochemback e um jogador do Leixões (agressão ao Abel) deveriam ter sido expulsos.
- penalty sobre o Derlei num canto, mas como este há às dezenas em todos os jogos, mas é falta!
- e no tal lance que o J.Mota diz que toda a gente viu que foi penalty, afinal parece que não é bem assim! Fico com a nítida sensação que a bola vai ao peito do Abel (assim como, também têm a mesma opinião os árbitros do jornal "o Jogo"), têm a mesma opinião que o J.Mota outros opinadores da praça pública, mas sempre com reticências... Repito na minha opinião parece-me bola no peito, e se o sr LF não considerou penalty no Benfica-Rio Ave (também jogada muito perto com a bola na mão do D.Luíz, também não o vai considerar agora (o mesmo se passaria no lance do Vidigal...)!

- No Guimarães-Porto, o mesmo de sempre, o Guima devia ter acabad o jogo com 7/8 jogadores. Um conselho ao Jesualdo: não jogue mais com o Hulk, enquanto o FCP esteja na Champions... seremos campeões na mesma, e pouparemos o jogador a tantas faltas!!!

6.4.09  
Anonymous Vitória do Benfica said...

Boa Tarde Luis Fialho

Foi confrangedor ver o Benfica de ontem, foi confrangedor ver a cara do Rui Costa.

O que se passa não sei. Quase que posso dizer que quanto mais escravos melhor. Ou seja os jogadores do Estrela foram com muita dignidade os maiores, e nós até quando vamos continuar assim, o que falta ao Benfica para voltar a ser a grande equipa dos anos sessenta e dos setenta do Humberto Coelho e Tony ou mesmo a dos oitenta de Carlos Manuel.

Não sei o Benfica descaracterizou-se não percebo, continuo a gostar de Quim e de Miguel Vitor, mas se virmos a estatistica de ontem o número de ataques, de faltas cometidas de posse de bola tudo isto retrata uma equipa que nada tem a ver com o que queremos, somos forçados a aceitar a manchete da A Bola, uma exibição miserável.

Aimar e Yebda duas coisas terriveis, David Luiz muito faltoso, Jorge Ribeiro a dormir.

Quase sou forçada a dizer temos de trazer um guarda Abel cá para baixo ou outro que tal para espiar os jogadores como se alimentam o que fazem durante o dia, como treinam, é confrangedor ver como treinam, eu tive oportunidade de assistir ao penultimo treino e fiquei muito preocupada, era uma equipa sem garra, sem força, sem alma

Saudações Benfiquistas

6.4.09  
Anonymous Anónimo said...

GUARDA ABEL SÓ HÁ UM, E É DO FCP; vai brincar com as bonecas, ó rapariga do benfica

6.4.09  
Anonymous Peter said...

Caro LF é evidente que o Benfica podia ter feito muito mais,mas não devemos entrar numa espiral de pessimismo como o meu caro apresenta.1º e mais importante, vencemos, apesar de tudo.É certo que com uma arbitragem simpática, mas devemos nunca nos esquecer que quando o Benfica se encontrava em 1º e podia descolar dos nossos rivais, as arbitragens foram-nos sempre desfavoráveis.Se calhar com o embalo psicológico de ir na frente com uma maior vantagem pontual as exibições seriam outras.O fcp está neste momento a jogar melhor precisamente por isso.E não se esqueça do seu vatícinio no princípio da época em que dizia que apesar de tudo o Benfica não era o principal candidato ao título, porque era a equipa que mais havia mudado, ao contrário dos nossos rivais.Quanto ao Quique Flores é evidente que ele comete erros,mas não é motivo suficiente para o despedir.Isso é precisamente o que os nossos adversários querem,não caia nessas artimanhas bem veiculadas através dos seus agentes nos media.Outra coisa o meu caro acredita que os jogadores do estrela não treinaram?È que esta conversa faz-me lembrar aquela história da selecção dinamarquesa no euro 92 que estava na praia, e foram chamados á ultima da hora e depois sagraram-se campeões da europa, ou seja uma grande treta que uns anos mais tarde os jogadores dinamarqueses vieram a confirmar.E por último uma palavra para os adeptos que estiveram na reboleira, incansáveis no apoio apesar da péssima exibição.Continuamos na luta e devemos lutar até ao fim e não entrar em descrença como nos querem fazer os opinion-makers do futebol da nossa praça que na larga maioria são do fcp, ontem o domingo desportivo foi um exemplo disso, uma vergonha.

6.4.09  
Anonymous Maradona said...

Realmente o Benfica fez um jogo muito pobre, e tendo em conta a qualidade dos jogadores que o Benfica teve em campo ainda decepciona mais.ver pouco que jogou.
Neste momento tenho sérias reservas se o melhor caminho para o Benfica será manter o Quique para a próxima época, visto que outros treinadores teriam feito muito mais. Tenho a certeza que com este plantel o Jorge Jesus lutaria taco a taco pelo titulo e faria boa figura na UEFA.
Até o Cajuda, que NÂO considero ser treinador para o Benfica, faria muito melhor com este plantel.
Acho que o Rui Costa e o Vieira têm de pensar muito bem, antes de efectuar novas contratações para a próxima época, analisando o desempenho do Quique e da sua equipa técnica.

7.4.09  
Blogger Jotas said...

Sou um defensor da continuidade de projectos já defendi várias vezes, que o Benfica deve manter o núcleo duro da equipa, com 3 ou 4 reforços que entrem de caras na equipa e mesmo treinador, mas a verdade é que alguém tem de fazer ver a Quique, que treina o Benfica e que este, em circunstância alguma, pode dizer que o 3º lugar, pode nem ser mau, noutros tempos, um treinador que tivesse tal afirmação, já nem sequer entrava mais no Estádio da Luz e a verdade é que esta equipa que tinha tudo para crescer e evoluir ao longo da temporada, apresentou na maioria das vezes, um futebol pouco mais que sofrível. Há que reflectir.

7.4.09  
Anonymous Peter said...

Caro Jotas isso que você está a dizer o Quique desmentiu no flash-interview e na conferência de imprensa da reboleira.Maradona isso é o que os nossos adversários querem.

7.4.09  
Anonymous Chefe said...

O pior treinador da historia do Benfica...

É de facto milagreiro. Coloca o melhor plantel da Liga a jogar o pior futebol das Ligas profissionais.

7.4.09  

Enviar um comentário

<< Home