22/04/09

MAIS UMA RÉCITA

Há momentos em que nos sentimos reconfortados pelas nossas opções.
Hoje, pelas 20.45, perante o dilema de escolher entre e entrevista do primeiro-ministro e a segunda parte do Liverpool-Arsenal, mandei Sócrates às malvas e mantive a atenção centrada no fantástico futebol inglês. Bendita decisão.
A partida de Anfield foi mais um hino ao futebol, recheado de grandes golos e reviravoltas no marcador, bem ao nível do que, faz uma semana, se havia visto em Stanford Bridge para a Liga dos Campeões. Até o resultado foi igual: 4-4 (!)
Com 0-1 ao intervalo, a entrada do Liverpool na segunda parte foi fulgurante, e em poucos minutos virou o placar para 2-1 com golos de Torres e Benayoun. Mas o Arsenal não desistiu, e voltou, com mais dois golos do russo Arshavin, à liderança do marcador. O Liverpool empatou a três, com mais um fantástico golo de Fernando Torres, mas nos últimos minutos, de novo Arshavin, em contra-ataque, voltou a colocar os Gunners em vantagem. A equipa da casa contudo, numa extraordinária manifestação de vontade, ainda conseguiu, já nos descontos, o golo do empate (novamente pelo excelente Benayoun), e por pouco não chegou à vitória segundos depois. Uhf ! Até o espectador fica cansado...
Ashavin foi o rei da noite, apontando os quatro golos do conjunto londrino, e realizando uma exibição portentosa, bem de acordo com as expectativas que deixou no último Europeu, e que não mais haviam sido confirmadas até agora. Mas o que fica uma vez mais na retina é a atitude competitiva dos comandados de Rafa Benitez, que numa mistura de fúria espanhola com raça britânica colocam uma intensidade no jogo como não se vê em mais nenhuma equipa da actualidade.
É uma lástima que o clube da cidade dos Beatles após dois jogos que entram para as galerias dos melhores dos últimos anos, veja voar, justamente com eles, as hipóteses de conquistar os troféus que bem merecia. Se a Liga dos Campeões ficou para trás, no Campeonato tem o Manchester com os mesmos pontos e menos dois jogos, a poucas jornadas do final, pelo que a vitória desta noite era imprescindível.
É também de lamentar que a Sport Tv tenha retirado da sua programação a repetição do jogo que estava prevista para hoje, pois futebol como aquele merece ser visto, gravado e revisto.

10 Comments:

Blogger Aurelio Estorninho said...

a diferença entre o futebol Português e o Inglês é que o em inglaterra joga-se á bola em Portugal queixam-se dos arbitros.

22.4.09  
Blogger M said...

de facto, para quem gosta de futebol, estes 2 ultimos desempenhos do Liverpool sao dignos de memorias futuras...para quem é adepto do Liverpool, a coisa fia mais fino, pois se de facto, como jogo jogado, é algo para recordar, também o facto de estarem ambos os jogos associados a revesses desportivos e á lgo que vai prevalecer...

é a diferença entre o 4-4 de leverkusen e o 4-3 de milao....

saudaçoes benfiquistas

22.4.09  
Blogger zephirus said...

O que é de lamentar é o preço assassino cobrado pela sportTV. Isso e o preço dos bilhetes para os jogos de futebol que 99% das vezes são espectáculos miseráveis.

22.4.09  
Blogger angelodias said...

Também podes ver a coisa por outro lado. Se aquilo é uma defesa para seguir em frente na liga dos campeões e ganhar a liga inglesa eu vou ali e já volto. Tantos mas tantos erros defensivos...

22.4.09  
Anonymous Vitória do Benfica said...

Meu caro (Sturnus vulgaris) Aurélio Estorninho

Ainda bem que estamos de acordo que o futebol inglês tem muito nível e é neste momento o futebol que faz jus à terra onde foi inventado-

A difereença é que em Inglaterra os oarbitros não podem ir a casa dos Presidentes dos clubes, que vão arbitrar ou outros que tais porque existe uma grande separação e ética desportiva.

A diferença é que o Liverpool apesar de ter 60 jogadores e ser o clube do mundo com maior número de plantel, não pode emprestar os jogadores a outros clubes da primeira liga, com quem vai jogar.
È PROIBIDO.

È nesta regras que se vê porque a liga inglesa é uma das maiores fontes de receitas do produto interno bruto da economia inglesa.

Saudações Benfiquistas

22.4.09  
Anonymous Miguel said...

Vitória do Benfica:

O manucho está emprestado pelo manchester a uma equipa da mesma liga... não me parece que essa regra exista... em portugal era fantástico que o porto tivesse que jogar contra as mesmas equipas que o Benfica! Joga sempre contra equipas desfalcadas dos emprestados...

22.4.09  
Anonymous Peter said...

Mais um hino ao futebol, o arshavin começa agora a brilhar na premiere league,mesmo assim dos big four ingleses na minha opinião está na pior equipa, o arsenal, que é certo que tem muito talento mas tb muita inexperiência.Fez bem em mandar o sócrates às malvas,caro LF, foi mais um espectáculo deprimente de vitimização, parecia o paulo bento em guimarães (lol).

22.4.09  
Anonymous Vitória do Benfica said...

Meu caro Miguel


Não é verdade se ler a imprensa britânica e os regulamentos verifica que casos como o Claudio Pitbull o Leandro lima o Alan e outros que tais jogam contra o POrto, veja a pinta com que o Leandro Lima falhou o penalty contra o Porto.

Mas diz muito bem certas equipas quando jogam contra o POrto estão sempre desfalcadas. E até algumas expulsões são forçadas para que possam descanbsar depois da carga nos jogos com o Benfica

E já agora recordo-lhe que aquilo que o ex Portista Pepe fez ontem ao jogador do Getafe seria normal em Portugal, ou já se esqueceu do jogador do Leixões que teve de ir para o hospital depois daquele beijo ternurento do Bruno Alves.

Ou já esqueceu os beijos ternurentos e os abraços que o Bruno Alves dá aos jogadores.

Ou já se esqueceu da maneira como Fábio Coentrão foi intimidado pelo FCP depois do jogo do Rio Ave nas Antas. E já agora daquilo que a Direcção do Rio Ave teve de fazer( segundo a imprensa desportiva.

è um exerciicio muito interessante a comparação entre a estrutura do Futebol português e a estrutura de paises onde o futebol é evoluido e por isso tem muitos sponsors.

Porque será que o FCP sempre quis na Liga dos clubes ficar com a arbitragens e o conselho de disciplina.

Porque será que será (parafraseando Chico Buarque de Holanda)

22.4.09  
Anonymous Silva Barqueiro said...

Dona Vitoria,

Quando a imprensa desportiva fala em reforços para o benfica, uns atrás dos outros, estão a destabilizar a equipa porque é tudo mentira. Ao invés disso, quando surge uma notícia contra o Porto, aí já é tudo verdade...

Vocês realmente gostam bastante de ver as coisas à vossa maneira...

23.4.09  
Anonymous Vitória do Benfica said...

Meu caro Silva

Muito obrigado, pela leitura atenta aos meus comentários, neste blogue.

Mas na realidades desta vez parace quenão leu atentamente o meu comentário eu falo de 40 jogadores do Porto, cujo relatório foi entregue à CMVM ou seja números oficiais e você contrapoe com noticias de jornais. O meu caro sabe a diferença é que uns podem ser falsos e especulativos e os outros são verdadeiros.

Claro que o Porto devia de ser banido, mas tem dúvidas que estas practicas do POrto eram aceites em Itália, Espanha, França ou inglaterra. Vá consultar os regulamentos das Federações de Futebol destes países e verifique a diferença.

Um clube com estas practicas ERA BANIDO do futebol inglês, italiano, francês ou espanhol

23.4.09  

Enviar um comentário

<< Home