09/02/09

PROENÇA, 1- BENFICA, 1

Devo dizer desde já que título desta crónica não pretende crucificar ninguém. Apesar do modo lamentável como Pedro Proença interferiu no resultado – e estragou um belo clássico - o que é justo salientar em primeiro lugar é a forma brilhante como o Benfica abordou e disputou este jogo, mostrando inequivocamente estofo para discutir o campeonato até ao fim – algo que, diga-se, ainda não tinha ficado totalmente claro até esta noite.
Os encarnados foram a melhor equipa em campo e mereciam a vitória. Conseguiram-na, mas uma decisão de arbitragem retirou-lha das mãos. Todavia, o erro não deve e não pode impedir-nos de, terminada a partida, olhar para os jogadores do Benfica da mesmíssima forma como se tivessem alcançado os três pontos. Fizeram tudo para isso. Não lhes foi permitido mais.
Acredito que Pedro Proença seja uma pessoa séria, e se marcou penálti foi porque viu mal o lance. São coisas que acontecem no futebol, e creio ser agora uma boa oportunidade para os benfiquistas mostrarem alguma distinção na forma como em Portugal se reage a estas situações, que no passado tinham inegavelmente carácter subterrâneo, mas hoje acredito circunscreverem-se aos meros terrenos da fortuna e do azar. O Benfica teve azar com a arbitragem, e por isso não ganhou no Dragão.
A forma desinibida como o conjunto de Quique entrou em campo marcou o jogo. Nunca se notou um pingo de medo ou ansiedade, e foi paradoxalmente o F.C.Porto a revelar alguma intranquilidade, sobretudo nos minutos em que esteve em desvantagem. Foi na força mental com que se apresentou que o Benfica começou a desenhar o destino da partida, algo que representa uma novidade face ao que tem sido comum suceder, ano após ano, naquele estádio.A primeira parte foi equilibrada, com situações de perigo junto de uma e de outra baliza, ainda que fosse Reyes a estar, por duas vezesm mais próximo do golo. Um empate ao intervalo talvez se aceitasse, mas o golo de Yebda, já no tempo de descontos, foi o golpe de que o Benfica precisava para se afirmar definitivamente como a melhor equipa em campo. E foi isso que aconteceu ao longo do segundo período, no qual o F.C.Porto nunca encontrou formas de suplantar a organização benfiquista, e em que os minutos foram passando à medida que a vitória do Benfica se ia tornando cada vez mais previsível e natural, face à forma como os encarnados controlavam o jogo e neutralizavam as principais armas do adversário. A situação de vantagem transmitiu segurança ao onze benfiquista, que teve as linhas defensivas em excelente plano, e por via de Aimar ia encontrando espaços por onde pôr em sentido o adversário. Suazo esteve muito perto do 0-2, Ruben Amorim também, mas quando menos se esperava, e o F.C.Porto menos merecia, surgiu o momento do jogo - o momento do penálti.
A partir daí pensou-se que os azuis-e-brancos - com tamanha dádiva caída dos céus - poderiam encontrar forças e moral para chegar à vitória. Não foi isso que aconteceu, e acabou por ser o Benfica a estar novamente mais perto do golo, acabando o jogo em cima da área portista, numa atitude corajosa e digna de um verdadeiro campeão.
O apito final de Pedro Proença soou a desilusão para os benfiquistas. Não me recordo de um empate tão frustrante no estádio do F.C.Porto, por muito que as contas do campeonato permaneçam em aberto, e por muito que a derrota tivesse sido bem pior. Fica contudo a exibição personalizada, confiante, segura e, por momentos, brilhante do Benfica. Uma exibição carregada de motivos de optimismo para o futuro próximo dos encarnados nesta temporada.
O F.C.Porto provou uma vez mais estar muito distante da equipa dominadora da época passada, e não fosse Pedro Proença estaria agora a chorar a derrota e a perda da liderança.
Segue o campeonato.

59 Comments:

Anonymous mário said...

deculpa senhor Lf deixei de ler o seu post quando diz que são coisas que acontecem no futebol!!! pois o problema é que coisas destas acontecem á mais de 20 anos!! isto foi um roubo mais um, este ano já lhes perdi a conta. este futebol está podre isto é uma vergonha,assim nem com os melhores jogadores do mundo seriamos campeões, o coitado do yebda nem está à acreditar o que lhe aconteceu, vei de um capeonato em que equipas que roubam descem de devisão onde o futebol a sério, para um futebol de corruptos, de um polvo que domina tudo desde os jornais aos treinadores adversários.


viva o benfica

9.2.09  
Blogger Aurélio Estorninho said...

o penaltie do lisandro é fantasma, mas na primeira parte existe um penaltie sobre o lucho que não é marcado.

o golo do benfica começa numa falta que é marcada ao contrario e depois dá canto e depois golo.

LF, o benfas jogou melhor e o kiki deu banho de tactica, mas o resultado é justo para ambas as partes.

9.2.09  
Anonymous Anónimo said...

Opiniao benfiquista bem vincada.

Quanto ao penalty, nao tenho duvidas que nao existiu mas quanto a superioridade do benfica sobre o porto penso que nao existiu.

9.2.09  
Anonymous Jorge Pereira said...

Caro LF. Hoje apetece-me dizer que o Benfica não ganhou o jogo mas ganhou uma equipa. Gostei muito da entrega e da forma como se apresentou em campo trocando por completo as voltas ao fcp. Acho que estamos no bom caminho. Temos que apoiar mais a nossa equipa e acreditar nela.
Grande abraço

Jorge Pereira
PS
Quando o Benfica marcou o golo e a tv mostrou o desalento dos adeptos tripeiros imaginei por momentos o estorninho no meio daquela turbe e a pensar que aquilo não passava de um pesadelo. Acredite que este pensamento fez-me ganhar o dia...

9.2.09  
Blogger Dylan said...

O Benfica deu uma resposta cabal a quem ridicularizava esta equipa: a comunicação social e aquele tipo que ironizou com os seis milhões. Como é o nome desse tipo condenado por tentativa de corrupção...?

9.2.09  
Blogger pedrove said...

Corrupção, usurpação, roubo, extorsão, prostituição, burla, tráfico de influências, chantagem, persuasão, perseguição tudo isto são adjectivos com dois dominadores comuns PORCOS DE CONTUMIL (FCORRUPTO DO PORTO) e APAF

9.2.09  
Anonymous Maradona said...

O arbitro está a um metro meio do lance, por isso não tenho duvidas nenhuma que ele viu que não foi penalti. O Proença deu um golo descaradamente ao Porto, pois viu que o porto não ia conseguir marcar um golo sem ajuda de fora.

9.2.09  
Blogger TabernaBermelha said...

30 anos da mesma merda nao pode ser so coincidencia nem coisas que acontecem...

http://tabernabermelha.blogspot.com/

9.2.09  
Blogger luís Vintém said...

São 30 anos a ter "azar" em jogos contra o Porto...

9.2.09  
Anonymous Brytto said...

É pena, mas foram três pontinhos (mais dois pela vitória e masi um pelo critério de desempate) roubados... E o arbitro mesmo em cima do lance, se fosse a favor do Benfica o que não se diria, por isso não é a altura ideal para cavalheirismos... foi roubo e pronto! Mas acredito que não tenha sido premeditado...

9.2.09  
Blogger João said...

Ricardo Araújo Pereira n'A Bola:

É importante não esquecer que hoje o Porto tem um trunfo muito forte: o árbitro da partida vai ser Pedro Proença. E Pedro Proença é mais um daqueles árbitros que anuncia em público que é adepto do Benfica e depois passa a carreira a demonstrar a sua isenção prejudicando sistematicamente o clube. Para que Pedro Proença assinale um penalty a favor do Benfica é preciso que haja um homicídio na área adversária - e mesmo assim não há certezas. Para que assinale um contra o Benfica, basta que o vento agite a camisola de um adversário - ou nem isso.


O homem é bruxo...

9.2.09  
Anonymous Anónimo said...

Excelente vitória do Glorioso Sport Lisboa e Benfica por um a zero no Estádio onde a corrupção o putedo e as ameaças a jornalistas a jogadores árbitros e demais entidades são pratica habitual. Excelente jogo dos bravos jogadores do Benfica contra tudo e todos conseguiram ganhar neste estádio neste momento estamos em primeiro lugar sobre essa equipa corrupta que equipa da cor das barracas da praia ,
Sobre a arbitragem não falo.tenho vergonha.
VIVA O BENFICA.
Abelourinha

9.2.09  
Anonymous Anónimo said...

Eu, sou o imbecil do ano.

Imbecil por acreditar que proença seria isento.

Imbecil por ainda acreditar em di maria.

Imbecil por acreditar que basta ter bons jogadres e treinadores para ser Campeão.

Imbecil, efectivamente sou.

Mas proença é um FILHO DAPUTA. UM GRANDESSÍSSIMO FILHO DA PUTA!!!

Se este FILHO DA PUTA se diz sócio do Sport Lisboa e Benfica, convoque-se uma AG e expulse-se este FILHO DA PUTA do Clube.

VAMOS SER CAMPEÕES! VIVA O SPORT LISBOA E BENFICA!!!

9.2.09  
Anonymous Pedro Silva said...

Ricardo Araújo Pereira escreveu no jornal abola de domingo o seguinte:

" É importante não esquecer que hoje o Porto tem um trunfo muito forte: o árbitro da partida vai ser Pedro Proença. E Pedro Proença é mais um daqueles árbitros que anuncia em público que é adepto do Benfica e depois passa a carreira a demonstrar a sua isenção prejudicando sistematicamente o clube. Para que Pedro Proença assinale um penalty a favor do Benfica é preciso que haja um homicídio na área adversária - e mesmo assim não há certezas. Para que assinale um contra o Benfica, basta que o vento agite a camisola de um adversário - ou nem isso. "


Aqui esta explicado o motivo para o penalty marcado por pedro proença contra o "seu" clube...vento... sim porque eu ainda estou para perceber o que ele viu =S

Saudações Benfiquistas

9.2.09  
Anonymous Anónimo said...

Ó cornélio se a minha avo tivesse colhões era o meu avô...

Vá plantar batatas, e dorma bem com o empate roubadinho, e depois ainda se fazem de anjinhos...

Ps.: O pc que não se esqueça de pagar as quotas ao proença no SLB...

9.2.09  
Anonymous Anónimo said...

"A Chama Imensa - Pedro Proença é tão benfiquista como Vale e Azevedo

Se houvesse justiça, hoje o Benfica ganhava no Dragão por 0-3, com três golos na própria baliza do Fucile. O jogador, sem que nenhum treinador do Porto lho tivesse ordenado, segundo garantiu à Sport TV o inocente Jesualdo Ferreira, fez de propósito para ver um segundo cartão amarelo com o objectivo de poder jogar contra o Benfica. Significa isto que Fucile manda mais na equipa do Porto do que o treinador. Jesualdo podia ter pretendido utilizar Fucile no jogo de Alvalade, mas o lateral decidiu, por sua própria iniciativa, que só voltaria a jogar nas Antas. Talvez a intenção de Fucile tenha sido evitar a vergonha que os colegas passaram contra o Sporting, mas ainda assim não deve substituir-se ao treinador.

Tenho fortes dúvidas relativamente à gestão do plantel feita por Jesualdo Ferreira no jogo da Taça da Liga. É certo que o Porto não marca um golo em casa há mais de dois meses. Mas, tendo em conta a humilhação sofrida em Alvalade, onde foi goleado por um Sporting sem Liedson, não sei se Jesualdo não terá sido demasiado cauteloso. É importante não esquecer que hoje o Porto tem um trunfo muito forte: o árbitro da partida vai ser Pedro Proença. E Pedro Proença é mais um daqueles árbitros que anuncia em público que é adepto do Benfica e depois passa a carreira a demonstrar a sua isenção prejudicando sistematicamente o clube. Para que Pedro Proença assinale um penalty a favor do Benfica é preciso que haja um homicídio na área adversária - e mesmo assim não há certezas. Para que assinale um contra o Benfica, basta que o vento agite a camisola de um adversário - ou nem isso.

Os leitores de jornais desportivos terão certamente estranhado, mas esta semana Pinto da Costa ainda não fez qualquer comunicado através de Filipe Soares Franco. É possível que os jornalistas que pretendem recolher informações sobre o Porto se tenham aglomerado em Alvalade, à espera de novidades, mas a verdade é que o presidente do Sporting não divulgou qualquer facto novo. Sei que há quem tenha criticado Soares Franco por ter relatado impecavelmente a conversa telefónica que manteve com Pinto da Costa, mas eu, pessoalmente, não lhe levo a mal: toda a gente sabe que, mais tarde ou mais cedo, as conversas telefónicas de Pinto da Costa passam a ser do domínio público, quanto mais não seja para que os tribunais possam ignorar oficialmente os factos gravíssimos que elas contêm. Além disso, aqui há tempos Pinto da Costa insinuou que Soares Franco não diz coisa com coisa depois do almoço, e deve ser muito agradável falar ao telefone com quem faz afirmações tão divertidas sobre nós. No entanto, ninguém fez os dois reparos essenciais que Soares Franco merece ouvir no âmbito da sua nobre actividade de moço de recados de Pinto da Costa: primeiro, Soares Franco não adiantou se ouviu algum árbitro a perguntar ao presidente do Porto se, por acaso, tinha adoçante. É sabido que certos árbitros visitam a casa de Pinto da Costa para tomar café, e é natural que quem pratica uma actividade física evite o açúcar. Segundo, os jornais esqueceram-se de referir que a atitude correcta de um dirigente decente que recebe um telefonema de Pinto da Costa é dizer: «O quê? Quer comunicar-me decisões tomadas pelo seu clube referentes a competições oficiais? Então passe o telefone a alguém que não tenha sido condenado por tentativa de corrupção, porque o senhor está suspenso durante dois anos e, nessa medida, encontra-se impedido de participar na vida do clube.» Era mais ou menos isto que, num clube normal, sucederia. Mas os adeptos leoninos bem dizem que o Sporting é um clube diferente."

9.2.09  
Anonymous Anónimo said...

Caro Aurélio,

No penalty que fala na primeira parte o Lucho seguiu com a jogada...Queria o quê? Que depois de ter seguido a jogada e o Fucile (se não estou em erro) ter chutado à vontade à baliza do Benfica tivesse sido marcado o penalty?

9.2.09  
Anonymous Anónimo said...

bem dizia o aurelio tarouquinho que lhe cheirava a empate,o jesualdo na confrencia diz que foi penaltie tu dizes que e fantasma afinal em que ficamos,nao te esquecas de devolver as armas e a droga aos benfas basta de roubalheira,vai buscar noticias velhas porque esta semana estas cagado,pirata de merda saudacoes da ilha e do teu amigo que nunca te esquece leva o garrafinho da vaselina tens os beicos rebentados vaselina e bom pra tudo tens de andar percavido tempos frios manda vezitas

9.2.09  
Anonymous Anónimo said...

grande arbitro havia de levar um tiro mal meteu-se os pes na rua ,e a cara do pais assim vamos andando devagar devagarinho e parados republica de bananas

9.2.09  
Anonymous Anónimo said...

Faz bem em assumir o seu clube só que também podia aproveitar para falar na grande penalidade não assinalada na 1ª parte sobre o lucho.

9.2.09  
Anonymous Anónimo said...

será que não conseguem ver a mão do yebda no peito do Lisandro? e tiveram sorte porque o Lucho é um desportista como poucos... se fosse um jogador vermelho tinha-se mandado parao chão no lance da primeira parte...
Apesar de tudo o resultado é justo.

9.2.09  
Anonymous Anónimo said...

Quem nunca jogou à bola é que vê penalty no lance do lucho, o lucho fez o que lhe competia, mandou-se po chão e de seguida pensou...que era melhor levantar-se depressa porque o arbitro nao tinha ido n cantiga...o futebol é um desporto onde ha contacto fisico...podes levar toques nas pernas e continuares a jogar...só em portugal é que se pensa q os penaltys devem ser marcados quando os jogadores se mandam pro chão...o lucho ainda faz um compasso de espera e depois finge q foi do toque q leva...pergunto eu:

Lucho foi impedido de prosseguir o lance?

Foi o toque de reyes que impediu lucho de jogar a bola? Reyes ficou com a bola depois de ter metido o pé, ganhando vantagem do seu acto?



Só é penalty quando o jogador atacante é impedido de jogar a bola...e como vimos lucho não o foi...tanto que até a passou pa um colega...podemos é perguntar...e se ele tem ficado mesmo no chão como o lisandro a pedir falta??? Isto dos penaltys não é a pedido nem é porque se cai...não deve ter interpretações dubias...só mesmo para quem nunca jogou à bola é que se pode falar em toques ...oh meus amigos, se isto fosse inglaterra que é a patria que inventou as leis do futebol...ito nunca se estaria a discutir...mas sim, como é que era possivel haver arbitros a 2 metros dos lances e verem coisas absurdas ou terem interpretações assustadoras dos lances que nem seuqer lembra ao diabo. A culpa da arbitragem é mas é daquelas reunioes de inicio de época em que se vêem e revêem lances e exemplos de como aplicar as leis...

PS: o "penalty" do lucho é tão penalty como o do suazo em belém em que adianta a bola depois de ter passado pelo keeper...discutiu-se se foi tocado, se nao chegou á bola porque foi do toque ou se mandou pro chão..etc...acho que não foi como o do lucho não o foi pela razão que o defesa também tem que ser protegido da vigarice de ter que jogar contra a deslealdade dos avançados que sistematicamente se jogam po chão

9.2.09  
Anonymous rui said...

Eu tambem vejo isto como um azar. Mas sao muitos anos de "azar" naquele e noutros estadios - para depois sermos acusados de colo ao primeiro benficio...
Enfim. Bom jogo de parte a parte. Se jogarmos sempre assim, seremos CAMPEOWS

9.2.09  
Anonymous ulisses said...

Na área do porto este penalty nunca seria marcado. São estas pequenas (grandes) diferenças que embalam equipas para os títulos.
Quique Flores com o seu discurso mostrou que os treinadores portugas são pouco mais grunhos. e mais uma vez ficou bem visível a desonestidade intelectual do Jesualdo Ferreira.

(os processos inteligentes- fucile, suplentes em alvalade- afinal não deram frutos)

9.2.09  
Anonymous copiado said...

Antes de mais digo desde já que sou sportinguista, acompanhei o jogo do dragão na pela net (atdhe.net), enquanto via o meu Sporting a levar um banho de bola em Alvalade (mas isso são outras conversas).
Só decidi escrever aqui qualquer coisa, devido ao fato de tratar-se de um jornalista ingles a relatar o jogo do Dragão, e por várias pessoas criticarem o profissionalismo do jornalista do Público que escreveu a crónica ao jogo, que tem sido falada em diversos blogs nacionais.
Como os 2 jogos estavam a dar simultaneamente nas televisões, em relação ao jogo do Dragão, ouvia os comentários, e depois desviava o olhar para o pc para ver as repetições.
No "tal" penalty sobre o lucho, ele não fez referencia a nada. Nada mesmo. Em inglaterra deve ser um lance normal, e os jogadores n se atiram deliberadamente para o chão.
No do Lisandro: " there's absolutily not real contact"
No amarelo do Katsouranis : "Beautifull simulation, taking the yellow card off his direct opponent", entre uma timida gargalhada.
Eles (jornalistas ingleses) pagos para comentar estes jogos tristes e falsos do campeonato português, (e não falo só deste) devem ser uns tristes da vida, por estarem no patamar mais baixo da sua carreira profissional.
Só digo mais uma coisa, peçam pra despedir também esse comentador inglês, que com certeza também não percebe nada de bola.

9.2.09  
Anonymous Anónimo said...

Ah, amigos, não posso deixar de manifestar o meu júbilo; só tenho pena de que não tenham sido muito muito muito muito muito roubados; fica para a próxima, está prometido.

9.2.09  
Anonymous Anónimo said...

ó PEDROVE não sejas tão ácido; respeita o lugar onde foste concebido!

9.2.09  
Anonymous Jota said...

Já se esperava que os adeptos do Porto se agarrassem com unhas e dentes ao pretenso penalty sobre Lucho na primeira parte para rebater quaisquer suspeitas. Parece-me que esse lance é tão penalty como o que deu origem ao empate...ou seja, ganhem juízo! Ainda assim, se Proenca queria ser menos escandaloso, então que assinalasse esse (se Lucho tem caído como Lisandro caíu, era certinho). Além disso não se queixem muito porque esse lance do Lucho com certeza ficou a pesar na cabeca do Proenca e foi decisivo para marcar o da segunda parte. Parece que já estou a ver o corredor do inferno e as conversas de balneário..."Olha que já falhaste um penalty"...depois estando o Porto a perder, e sem dinêmica para chegar ao empate, aquele mergulho argentino foi mel...

9.2.09  
Blogger M said...

soube muito bem gritar GOLO do meu Benfica em pleno Dragão até a garganta doer e a voz falhar...

o resto..voltei a sentir uma revolta imensa como senti na Luz, muitos anos atrás, num penalty tambem inventado sobre o Luis Filipe, em jogo contra este mesmo clube, e que perdemos por 3-2 com menos um jogador..

anos e anos nisto...

tenho dito que este ano não vale a pena, esta VICIADO o campeonato..
ontem, foi uma das piores bofetadas de desonestidade desportiva que ja levamos...num ano complicado, cheio de polémicas, cheio de prejuizo contra o meu Benfica, somos mais uma vez prejudicados, em pleno campo adversario, a jogar melhor, num lance miserável, com arbitro a poucos metros....

a a falta da puta da vergonha!!!

e sao este, e mais aqueles, e os outros pontinhos que nos vao retirando que vao fazer que nao sejamos capazes de sermos campeões..

ora ai esta o DRAGAOGATE!!!!!!

saudaçoes mais benfiquistas que nunca!!!!

9.2.09  
Anonymous Vitória do Benfica said...

Bom Dia Luis Fialho e restantes visitantes do blog

Gostei de ver o nosso clube a nossa equipa. Gostei de ouvir SLB no Dragão ouviu-se mais do que o Porto. Goostei de ver o Rui Costa na tribuna.

Continuo a gostar muito do Quique. Continuo a considerá-lo um amigão do Benfica.

E há uma coisa que me enche de orgulho o Porto não consegui marcar um golo ao Benfica sem ser de penalty. Grande defesa. E aqueles que achavam que o Benfica precisava de defesas aqui está a prova. O que comprou foi muito bom e o que adquiriu dos juniores foi muito bom.

Mas continuo a não gostar de suazo, considero um bluff este jogador. Aimar cresceu e Yebda foi excelente. Katso, esteve um pouco nervoso. Di Maria é fantástico mas muito egoista.
Tenho pena de Cardozo não ter jogado, acho que Quique ão gosta dele, mas começo a considear que cada vez mais é um pensador e jogo.

No fundo tenho a dizer

VIVA O BENFICA

9.2.09  
Anonymous djeiti said...

As palavras do Andrés Madrid (contratado apenas há 1 semana pelo Clube Recreativo da Associação Criminosa do Norte) são suficientemente esclarecedoras para quem não se tenha apercebido ainda: “o clássico não é para jogar, mas sim para ganhar”…ou seja, traduzindo, ele já sabe que para aquelas bandas da Camorra do conluio da província batoteira não é preciso jogarem para conseguirem ganhar….seguramente que alguém já terá tratado disso por eles!
Na nossa equipa gostei da atitude e esforço no geral, mas destaco a actuação do Maxi, que conseguiu mais uma vez secar a Meretriz Uruguaia Cebola Mal Cheirosa que apenas conseguiu passar uma vez pelo Maxi no início do jogo e não mais o conseguiu ultrapassar. Não gostei foi de o Quique ter posto o Suazo a jogar pois obviamente ele não estava em condições físicas como depois se viu em campo. Pior mesmo, só a entrada do atrasado mental do Di Maria (porquê meu Deus, porquê metê-lo a ele?????), como não podia deixar de ser…a partir daí era previsível que todas as jogadas que passassem pelos pés do caramelo iam resultar em contra-ataques dos tripeiros…um dos quais deu oportunidade ao palhaço do apito inventar o penalty decisivo e que lhe garantiu certamente uma viagem a uma ilha paradisíaca nas próximas férias do Carnaval (isto se por acaso o palhaço não tiver de ir trabalhar nalgum circo).
Cada vez me desiludo mais ao não conseguir ver verdade na classificação desportiva. Terminado o jogo no Ecoponto Azul tb vejo renovada confiança de que tínhamos tudo para ser campeões esta época…mas ao contrário do D'ARCY cada vez tenho mais receio de não teremos forças para lutar contra tanto resultado combinado!
Saudações Benfiquistas!

9.2.09  
Anonymous Anónimo said...

O lance do Lucho na 1ª parte é penalti mais que nítido e n foi assinalado! Para quem diz que o Lucho se levantou e seguiu a jogada, n percebe absolutamente nada de futebol.
Tto qto sei, e o senhor LF tb sabe de certeza, n há lei da vantagem em jogadas de grande penalidade!!!
Penalti por marcar a favor do Porto com 0-0. Foi um brinde do Proença!
E mais uma vez, num canto, falta merecedora de grande penalidade sobre o Hulk tb n assinalada. Acredito que fosse dificil ao arbitro ver a jogada, mas que existiu de facto, lá isso existiu.
Portanto, razões de queixa do árbitro, tem mais o FCP q o Benfica...

9.2.09  
Anonymous Anónimo said...

É evidente e visível nas imagens da TV que Yebda, com o braço impede a progressão normal de Lisandro, n o deixando arrancar. Que eu saiba, n se pode agarrar na área, e ainda há pouco tempo se queixavam numa jogada do Cisshoko contra o Braga que era penalti numa situação mto idêntica. Agora, nesta jogada, toda a gente diz q n há penalti!
Lá está, é a parcialidade obtusa do costume...

9.2.09  
Anonymous Anónimo said...

Eheeheh Só Aziaa.

9.2.09  
Blogger Aurélio Estorninho said...

acho piada aos adeptos do benfas, que se esquecem que o unico prejudicado aqui foi o FC PORTO.... se o penaltie que o reys comete sobre o lucho tivesse sido marcado outro galo cantaria...se alguém se sente prejudicado são os adeptos do PORTO.
assim o arbitro sentiu-se obrigado a limpar a cara e a marcar um penaltie que não existe.

para que fique registado, nunca vi o benfica jogar tão bem como jogou desta vez no dragão, nem mesmo quando ganhou.
o benfas jogou muito bem e o kiki deu banho de tactica ao jesualdo.

9.2.09  
Blogger Aurélio Estorninho said...

o benfas é como um balão, enche e joga bem, a seguir esvazia e apanha na cabeça em casa.
jogaram muito bem no Dragão, como eu nunca os vi jogar !

agora não se armem em virgens ofendidas que o arbitro influenciou o resultado ao não marcar o penaltie a favor do porto na primeira parte, o marcador do yebda vinha para a rua e já nem marcava o golo, o reys idem...
mas continuem a achar que foram prejudicados que eu não me importo.

quero ver a seriedade do sr Fialho na sua analise ao lance do Lucho.

9.2.09  
Blogger Aurélio Estorninho said...

M:
você diz que o campeonato está viciado, certo?
ou seja se o benfica for campeão estava tudo previsto e viciado, certo?
quero ver a sua coerencia...

9.2.09  
Anonymous Anónimo said...

Para os benfiquistas ver o seu clube ir ao Dragão e passar mais de 5 vezes do meio-campo já é rubricar uma exibição portentosa.

ehhe. mantenham o nível.

9.2.09  
Blogger jfk said...

Grande personalidade, tanta entrega ao jogo, tamanha disponibilidade, enorme força mental!

Grande Equipa esta que ontem nos brindou (e baralhou por completo o adversário que nunca percebeu em campo o que lhe estava a acontecer) com belo espectáculo de profissionalismo.

Sobre a vaca fria, não creio ser azar. Estou habituado a ver PP a apitar facilmente contra nós e dificilmente a favor.

E estou habituado a que se apite facilmente contra nós e dificilmente a favor nos jogos com o Porto.

Ontem, logo no início 2 lances mostraram-me o que podia esperar:

Katsouranis corta uma bola por trás, creio que com Lucho, toca no advesário: falta (não contesto mas penso que aquilo não é falta, apesar de em Portugal sistematicamente se assinalar).

Na jogada seguinte Suazo vai embalado, é derrubado por trás sem que o jogador do Porto toque na bola (quando tocam os 2 na bola já o Suazo vai no chão - em lance que pelo menos o assistente viu claramente e daria uma livre com possibilidade de golo): segue o jogo!

Ficou clara a dualidade de critérios.

Alguém acredita que se fosse na àrea contrária o Porto se estaria aqui a queixar de azar?

Espero que pelo menos tenhamos ganho uma equipa, a equipa que Quique e todos os Benfiquista (e por certo todos os jogadores do clube) perseguem desde o início da época.

Para aferir nos próximos jogos.

9.2.09  
Anonymous Anónimo said...

E depois admiram-se de alguns jogadores de renome não aceitarem jogarem no SLB?

PARA QUÊ?

LUTA-SE CONTRA TUDO E TODOS, OS ANOS DE GLORIA DO BENFICA ESTÃO-SE A PAGAR CAROS, BEM CAROS...

AFINAL FICO CONVENCIDO DE UMA VEZ POR TODAS QUE O BENFICA DEVE DEIXAR DE JOGAR NO NOSSO CAMPEONATO. DEVIA SER COMO OS "Globetrotters", JOGAR SÓ PARA DIVERTIR, DISTRAIR, ANIMAR O DESPORTO REI QUE AFINAL AINDA APAIXONA MILHOES E MILHOES....

9.2.09  
Anonymous Anónimo said...

caro LF:

este titulo é do piorio!
pq razão você não escreveu um titulo deste genero quando o braga foi roubado indecentemente no estadio da luz?

você tem noção que se tirasse 3 pontos ao benfica e 3 pontos ao porto e os colocassem no braga, estariamos a lutar pelo titulo????

o penaltie ontem não existe, mas o arbitro ajudou o benfica e você sabe bem que sim.

A.S.

9.2.09  
Anonymous Anónimo said...

Ó Aurélio, merecias perder e ponto final.

9.2.09  
Anonymous Peter said...

Antes demais meus caros o f.c.p não sabe organizar jogos de futebol.Há-dem me explicar porque é que uma pessoa chega ao dragão uma hora antes do jogo e só entre para o estádio aos 35m da primeira parte (ainda deu para ver o golo do Yebda mas paga-se é para ver o jogo todo).Tive que me descalçar á entrada...que rídiculo.Quanto ao jogo em si o Benfica do que eu vi foi sempre a melhor equipa e merecia a vitória. O sr.pedro proença mais uma vez por ser benfiquista prejudicou o Glorioso (quem nomea sabe o que faz).O Ricardo Araújo Pereira estava certo, qualquer dia tira o lugar à Maya,lol.Curiosamente a 1ª pessoa a enviar-me uma sms dizendo que não era penalty foi 1 amigo portista daqueles poucos que são sérios e que admitem quando são beneficiados, e ele nunca se referiu a penalty nenhum sobre o lucho, porque se assim fosse diria-me logo. A verdade é que depois de levar 4 do scp e depois perder contra o Benrfica em casa seria uma catástrofe para o fcp, e como continua tudo igual ao tempo pré-apito dourado isso é humanamente impossível.


P.S.Se não fossem as arbitragens neste momento já tinhamos 8 pontos de avanço,mas a batota continua. Mais um caso Freeporto caro LF.Viva o Benfica e 1 abraço para todos os que tiveram no dragão que nunca desistiram de apoiar a equipa ao contrário dos portistas que estavam caladinhos que nem uns ratos.

9.2.09  
Blogger Vitor Esteves said...

Foi bonita a festa, pá !
Foi bonito ver o BENFICA jogar sem medo, foi bonito ver o BENFICA dominar, a espaços, no dragão.
Apesar do resultado ficou provado que o BENFICA tem equipa para sermos campeões, assim joguem com a mesma vontade e garra todos os outros jogos que faltam. Para isso os apoiamos e isso exigimos, depois de ontem não há desculpas.

9.2.09  
Anonymous Anónimo said...

Também acredito que Proença seja sério, que eu saiba não foi condenado por corrupção. Contudo marcou penalty porque se decidiu por uma atitude de ostensiva auto-contrição, tal como já o fez em Penafiel em 2005 e com o Sporting na Luz concedendo penaty ao "pistoleiro" do Sporting.
Sério mas não suficientemente corajoso para pedir escusa de arbitrar jogos do Benfica.
Discordo em absoluto do apelo de LF
aos benfiquitas para que reajam de forma distinta a essas situações.
É que, contrariamente ao que afirma LF,
o passado continua presente,através de processos mais subtis,mas igualmente subterrâneos,
talvez até mais profundos.
Erros a beneficiar o Benfica continuam a pesar muito negativamente no corriculum de qualquer árbitro,porque o sistema está vivo e actuante.
E LF sabe isso muito bem, tendo por base muitos dos seus post.Será que está a passar de benfiquista a benfiquisto? Nem quero acreditar nisso. Quero admitir que foi antes um mau momento
Viva o Benfica
M. Vieira

9.2.09  
Anonymous Anónimo said...

"Drágoun!
Serviu a minha estreia futebolística na bela cidade do Porto para comprovar os factos que já me haviam sido confidenciados por amigos e para confirmar que aquela agremiação, desde que um determinado senhor se colocou à sua frente, se rege por critérios absolutamente anti-desportivos. Não fossem uns milhares de adeptos estranhos no estádio e uma equipa que se decidiu a equipar de vermelho e pensar-se-ia que o Porto iria actuar sozinho. Bandeira do Sport Lisboa e Benfica, nem vê-la. A do fêquêpê lá estava, ladeada pelas da LPFP e pelo símbolo nacional. Constituição de equipa, inexistente. Pormenores de menor importância, dirão uns, mas que para mim caracterizam na perfeição aqueles que dirigem o nosso sócio honorário. É esta cultura do ódio que nos obriga depois a presenciar episódios absolutamente ridículos. Que fique bem claro: animais há em todo o lado e qualquer adepto com pouco cuidado se sujeita a passar por dificuldades em recintos rivais. Mas em nenhum lado se sente tanta hostilidade, ao ponto de no interior do estádio ter visto um portista a insultar e ameaçar uma benfiquista que acompanhava o seu namorado, adepto da casa. Tendo eu partilhado 5 anos da minha vida com uma sportinguista que levei à Luz sempre que possível, que incentivei a levar os adereços clubisticos que quisesse e que se manifestasse sem problemas (sem entrar em provocações, obviamente), encaro estas coisas com total repulsa. Não quero, ainda assim, colar a maioria dos portistas a este rótulo. Tenho muitos amigos naquela cidade que sofrem pelo seu clube do coração num espírito de lealdade e respeito. Mas que há muito taliban que segue a cartilha do Papa à letra, há.


Filhos da puta!
Fiiiiilhos da putaaa!

Um otoverme por excelência que ainda hoje ecoa na minha cabeça e continua a causar-me riso. São violinos, música para os meus ouvidos. O Sport Lisboa e Benfica é de facto muito grande.

O jogo foi bom. Muito bom mesmo. Talvez nspirado por um dado estatístico muito particular (em 29 anos de existência, nunca o Nosso Clube perdeu no dia do meu aniversário), sentei-me naquela bancada absolutamente tranquilo. Comentei isso mesmo com o meu companheiro de viagem enquanto sorria para os outros 5 benfiquistas que nos envolviam naquela fila (curioso alinhamento clubístico em localização adversa). O Benfica entrou como se exigia, aguentou o ímpeto inicial da tripeirada e foi colocando a defesa adversário em sentido (a mera presença de Suazo, apesar do jogo apagado, fez com que o sector defensivo do Porto tenha jogado muito mais recuado que o habitual). O meio-campo do Porto jogava com muita cautela e nós apresentávamos uma serenidade algo surpreendente até. E chegou o momento em que o quarto árbitro anunciou o minuto de compensação. Reyes ajeitou a bola e senti que algo ia acontecer. É um pensamento que passa pela cabeça de qualquer adepto dezenas de vezes por época. E há sempre aquele dia em que acertamos. Foi ontem e ainda bem. Festejar um golo ali (mesmo que de forma contida) é delicioso.

A segunda parte foi encarnada. Mais concentrados, mais rigorosos, mais serenos. E pela primeira vez em meses, terminámos um jogo a controlar sem problemas, enquanto o adversário acusava a pressão deixava escapar bolas pela linha lateral. E verdade seja dita, só a inconsequência de Di Maria nos impediu de vencer. Com Aimar e Reyes isolados, o argentino optou sempre por individualizar e perder a bola. Duas situações de golo transformadas em nada.

Jesualdo lá voltou a ser avaliador de árbitros. Como repito entre amigos, é incrível como ninguém o entala numa conferência de Imprensa. Ele já era assim em Braga, na Luz ou em Alverca. O homem que diz "raramente" falar de ábitros é dos que mais os pressionam. E ninguém ousa dizer-lho na cara. Veremos o que se vai passar agora no Olival. Podem os portistas alegar que continuamos atrás e que cabia ao Benfica vencer. Nada mais falso. Foi Jesualdo quem atirou a pressão para cima da sua equipa ao descansar um 11 inteiro. E perdeu em toda a linha. Nos pontos e na vertente anímica.

Acredito que só o Benfica mereceia vencer, mas não me sinto desiludido. Este é o ponto que nos vai dar o título. Tenho dito.

O melhor em campo: AIMAR!!! Bem acompnahdo por Sidnei, Luisão, Amorim e Maxi (apesar de alguma quebra durante a segunda parte). No Porto destaco Fernando e Fucile. E Lucho. As desilusões foram mesmo os supostos desiquilibradores: Suazo e Reyes, Hulk, Lisandro e cebola. Uns mais que outros, mas todos apagadados. Semi-desilusão: Katsouranis. Muitos passes errados, que acabaram compensados pela forma como organizou a equipa em campo. Foi uma voz de comando importante."

9.2.09  
Anonymous Anónimo said...

Gostava de saber de q forma é q o penalti sobre o Di Maria contra o Braga foi diferente do do Yebda sobre o Lisandro.

9.2.09  
Anonymous ulisses said...

pedro proença:um árbitro benfiquista


http://www.youtube.com/watch?v=hIRX4AZSIrM&feature=channel

9.2.09  
Anonymous Anónimo said...

O Quê???
"Acredito que Pedro Proença seja uma pessoa séria, e se marcou penálti foi porque viu mal o lance"

E no pai natal e na inocencia do flatulento também??

9.2.09  
Blogger Jotas said...

Foi uma vergonha aquilo a que se assistiu o estádio do Dragão, num bom jogo de futebol, em que a correcção imperou e os jogadores facilitaram a vida ao árbitro, eis que mesmo assim Pedro Proença, o benfiquista?!!!!!, resolveu tirar um coelho da cartola e deixar o Porto na liderança, atrevo-me mesmo a dizer que a máfia contínua viva e bem viva e a dar antecipadamente os parabéns ao Porto por mais um título à semelhança de tantos outros, conquistado ao seu mais nobre e velho estilo, pois não tenho dúvidas nenhumas depois deste clássico, que o campeão está há muito encontrado, o que é triste

9.2.09  
Anonymous Anónimo said...

aurelio estorninho es estupido que nem uma porta tu nao mereces que se perca tempo mesmo para dizer mal de ti como e habito,tenho pena da tua mae que pensava que eras um tesouro em crianca mal sabia ela que era uma besta com tanta prefeicao que ela pos no mundo-----esta e a segunda vez que eu riposto aos teus comentarios nem mais uma es diabolico,se eu fosse lf eu barrava tudo o que viesse de ti, nao trazes nada de bom ao blog --o outro encarrega-se de ti bye bye ate um dia nunca mais saite burro

10.2.09  
Anonymous Anónimo said...

Que ALEGRIA SUPREMA, vê-los a espumar.....
Wuero mais, quero mais, muito mais...

10.2.09  
Anonymous Anónimo said...

Há quem não perceba mesmo de futebol...tipo os comentadores da rtp...que também nunca devem ter jogado futebol...a avaliar pelas barriguinhas, mas isso sao outras conversas...

Pros porkistas, so tenho uma coisa a dizer, andam voces pagar a luchos e companhia limitada pa eles e mandarem po chao com toquezinhos que so derrubam atenticas orincesinhs sissis...epá...eu jogo todas as semnas e levo toques nas pernas como o que levou o lucho e nao me mando po chao passado 1 segundo...fdx...querem ver que tenho mais cabedal q o lucho?? querem ver que sou eu que sou um valente, se calhar nao me pagam pa fazer fita..se calhar é mais por aí...vcs do porto deviam ter vergonha de admirar autenticos fantoches em campo...opá..joguem à ola e depois venham falar dos cumentadeiros e dos lances...aposto que nem sequer sabem distinguir penaltys de livres indirectos dentro da área...na volta nem sonam que pode ser assinalado livre indirecto dentro da área...acham q é tudo penaltys..lol, opá cresçam...e joguem..deixem-se de ser mariquinhas

10.2.09  
Anonymous Silva Barqueiro said...

Caro Aurelio, se o benfica fosse campeão este ano a desculpa seria a do costume... ganhou porque lutou contra tudo e todos, mas se o Porto for campeão já é o campeonato que está viciado... enfim, já estamos tão habituados que o melhor é nem ligar...
Em suma, o resultado foi justo, mas se qualquer uma das equipas ganhasse não era escandaloso, contudo os benfiquistas devem estar a sentir o que nós sentimos na 1a volta, quando merecíamos ter ganho na luz e isso não aconteceu...
Mas o futebol é isto...
Paciência, para o ano há mais.

10.2.09  
Anonymous Silva Barqueiro said...

os comentadores da rtp nunca jogaram futebol e isso nota-se pelas barriguinhas, diz este anonimo...
Se calhar o Maradona também nunca jogou futebol, a julgar pela barriguinha... Tira as palas mouro!

10.2.09  
Anonymous Anónimo said...

Ó SR. LUIS FICALHO, OLHE QUE ÀS GRANDES PENALIDADES NÃO SE APLICAM OS PRINCÍPIOS DO BENEFÍCIO DO INFRACTOR OU DA VANAGEM; QUE ME DIZ DA GRANDE PENALIDADE SOBRE LUCHO GONZALEZ; VÁ LÁ, CONTABILIZE-A; SEJA, POR UMA VEZ, SÉRIO.

10.2.09  
Anonymous Anónimo said...

"Reyes pisou e prendeu o pé direito de Lucho, fazendo penálti. O médio portista não foi artista, procurando jogar a bola e não ficar no solo como outro faria. Nas grandes penalidades não há lei da vantagem."
Jorge Coroado, in 'Tribunal de O JOGO'

10.2.09  
Blogger Paulo Santos said...

Falar em blocos altos ou baixos ou pressing zonal em largura ou profundidade, deixa de fazer qualquer sentido quando um descarado embuste é sancionado por um árbitro, que desse modo, acaba por ter influência directa e objectiva no resultado do jogo.

Espero ansiosamente pelas reacções daqueles indivíduos que, despudorados, têm vindo a berrar, pateticamente, desde o Benfica-SC Braga, à semelhança do que já tinha sido feito durante toda a época 2004-2005. É preciso ter coragem para fazer este papel, quando se é adepto de um clube cujo presidente se encontra “suspenso” pela prática de corrupção desportiva.

Neste sentido, por exemplo, Rui Moreira é um bravo. Nos últimos tempos, o ilustre comentador tem revelado uma excitação, que até nem é habitual nele, barafustando, fazendo trocadilhos com a palavra “calabote”, entre outras recreações. É preciso audácia, de facto, para andar a figurar em público com um argumentário que se restringe ao desgraçado do Calabote num dos pratos da balança, quando no outro prato existem os casos Calheiros, os “quinhentinhos”, a agência Cosmos, o guarda Abel, a “fruta”, e tantos outros episódios que constituem a vergonha do futebol português das últimas décadas, e que este senhor e outros ignoram de forma olímpica.

Entretanto, Jesualdo Ferreira continua a brindar-nos com o seu já vasto repertório de velhacarias. Agora o professor, para além do futebol, parece também ter estendido os seus conhecimentos ao domínio da Física e quis partilhar as suas recentes descobertas com o grande público.

11.2.09  
Anonymous Anónimo said...

O jorge coroado nao sabe distinguir pé preso de toque no pé...mas é natural porque ele confunde azia com falta de senso na cara e por isso foi a merda que foi como árbitro...o lucho atirou-se pro chão como o lisandro e mais nada...é tocado no pé direito e o esquerdo é que resvala..lol. E lá por ser tocado no pé, isso também quer dizer que eu durante o jogo nao posso tocar com o dedo mindinho nas costas do adversário???Na volta não, assume-se como tentativa de agressão ou coisa parecida e claro que é caso para se mandar po chão logo logo.
Mas a culpa lá está, é das regras...dão azo a completos espectaculos de ilusionismo, hoje em dia quem vai ao futebol, vai ver como se faz ilusionismo puro em 90 minutos e tudo porque as regras levam a interpretações duvidosas e porque aos arbitros compete interpretar conforme quiserem as ditas leis. Pode ser marcada falta pa penalty em 10 situações, as mesmas que são merecedoras de pontapé livre directo (lei 14 -lei da grande penalidade). o lucho manda-se po chão passado um segundo, na volta cai a retardador, eu ainda compreendia que o lucho em corrida, levando um toque na perna caísse, agora estando com os dois pés fixos no chão, estático, só cai se fosse um bruta tackle mesmo pa partir-lhe as pernas, agora num toque que nem sequer se pode conferir intencionalidade ou tentativa de fazer o jogador cair, impedindo-o de jogar o lance...quem quer ser ingénuo e vestir a pele...que vista, não ponho a mao no fogo por nenhum jogador porque eles sabem mto bem tirar partido das interpretações várias que os arbitros fazem das leis de jogo.

PS: Silva Merdeiro, deixa de ser porkista avençado, porque comparas o maradona ao que eu disse, só podes sofrer da azia do coroado. Os cumentadores dizem o que lhes pagam pa dizer e pronto, eles nunca jogaram à bola e estão gordos porque lhes pagam bem para dizer a merda e o vomito que lhes para na boca...por isso é que eu nao vejo sporttv...liderada por gajos do teu clube da treta, os debates da rtpn sao nojentos...está lá o teu consorcio ruizinho pintinho e pronto...essa gente nunca tocou numa bola, pra que tar a dar tempo de antena a gente ignorante que só tem em vista a sua autopromoção???

11.2.09  

Enviar um comentário

<< Home