22/02/09

OURO AO BANDIDO

Perder em Alvalade por um resultado tangencial não deslustra ninguém, mas olhando àquilo que se passou em campo, há que dizer que o 3-2 de ontem é enganador e peca por defeito.
Não se sabe o que se terá passado no balneário do Benfica ao intervalo. Mas se durante a primeira parte o jogo tinha sido repartido, com predominância encarnada no período compreendido entre os dois golos, e o resultado se ajustava perfeitamente ao futebol praticado – podendo até o onze de Quique ter ido para o descanso em vantagem -, a meia hora inicial do segundo tempo mostrou o pior Benfica da temporada. Erros individuais incompreensíveis, posicionamento deficiente, mas também uma inércia e uma falta de esclarecimento que não podem fazer parte do menu apresentado por um candidato ao título.
À exibição preocupantemente confrangedora de David Luíz (que saudades de Léo…) – a espaços acompanhado por Sidnei -, o conjunto encarnado juntou uma inaceitável incapacidade táctica para lidar com uma equipa como o Sporting, permitindo-lhe dominar todos os espaços do campo a seu bel-prazer, deixando-o criar oportunidades de golo em série, sem ser capaz de, por uma só vez, construir um lance de ataque com princípio, meio e fim. É verdade que o golo consentido (oferecido) logo na reabertura do jogo em nada ajudou. Mas para além desse mesmo golo ter sido revelador das insuficiências defensivas que o Benfica demonstrou ao longo do jogo, o mesmo não pode justificar a inacção que se lhe seguiu, por muito mérito que se possa (e deva) dar à equipa de Paulo Bento.
Não há como falar deste derby sem falar também de Liedson. O levezinho marcou já dez golos ao Benfica, sendo os encarnados justamente as suas maiores vítimas em todo o futebol nacional.
Não creio que esta incrível eficácia de Liedson frente ao Benfica se trate de algo meramente acidental. Na verdade, a tipologia da defesa encarnada – a começar pelo próprio Luisão – não se entende com jogadores deste perfil, que usam de uma enorme mobilidade, de grande rapidez e espontaneidade de movimentos. Se no jogo aéreo o Benfica é normalmente forte – ontem nem isso…-, para um futebol rápido, acutilante, móvel, procurando explorar uma nesga de espaço, um momento de deslize, uma hesitação, características que caracterizam o avançado brasileiro, a equipa encarnada não encontra resposta. Esta é uma boa questão para se colocar quando se pensar na preparação da próxima temporada, na qual, creio, os aspectos relacionados com a consistência defensiva terão de ser francamente melhor acautelados.
Não é ao acaso que falo desde já na próxima época. O resultado de ontem, por muito que discurso de Quique Flores o possa contrariar (e tem, obviamente, de o fazer), pôs o Benfica numa posição muito delicada para fazer face a uma luta onde chegou a dispor de todas as vantagens. Quem conhece o futebol português sabe que, com de quatro pontos de avanço a doze jogos do fim, dificilmente o F.C.Porto deixa fugir um campeonato.
Não sei se o escrevi, mas pensei-o. A equipa que chegasse ao final desta série de cinco jornadas em primeiro lugar seria, com grande probabilidade, campeão. Ora mesmo que perca com o Sporting, a equipa portista terminará sempre a próxima ronda na liderança, sendo a única a depender de si própria para alcançar os objectivos. Se ganhar, então poderá mesmo encomendar as faixas.
Este derby era na realidade mais decisivo do que poderia parecer, e o Benfica fracassou completamente. No plano individual, no qual só Moreira e Cardozo (nos minutos que esteve em campo) se salvaram, e nos aspectos colectivos, onde a estratégia do técnico espanhol, as carências de movimentação e articulação, e a atitude demonstrada deixam muitas interrogações quanto à hipótese de o Benfica evitar mais uma temporada ancorada na frustração e no adiamento.
Olegário Benquerença deixou passar em claro duas grandes penalidades, uma para cada lado. A do Benfica (sobre Aimar) aconteceu primeiro. Mas com honestidade, terei de dizer que no estádio não me apercebi de nenhuma delas.

24 Comments:

Blogger Aurélio Estorninho said...

é lixado quando se perde e o arbitro faz tudo para que isso não aconteça.
o benfas foi levado ao colo, o yebda vinha para rua as 20segundos de jogo.
mais vergonha na luz.
já estão a 4!

22.2.09  
Anonymous Peter said...

1º que tudo acho que o Benfica não teve a atitude que se adequa a estes jogos,teve medo, o que não se compreende tendo em conta que ia em vantagem pontual para o derby. Embora na 1ª parte o jogo fosse repartido o Benfica correu riscos desnecessários por causa de má atitude. O D.Luiz tem qualidade mas tem que compreender uma coisa simples: nem sempre se pode sair com a bola a jogar, cortar bolas para fora limpando os lances de imediato é simples e eficaz e atrasar a bola ao gredes tb, especialmente em jogos desta natureza. Mas fazer do D.Luiz bode expiatório tb não é correcto,o Reyes nunca o ajudou e jogou mal para 1 jogador de quem se espera muito, o meio campo foi uma lástima nunca conseguiu segurar a bola com segurança para construir jogadas, perdiam a bola constantemente, o katsouranis esteve a anos-luz do que pode e sabe fazer.Destaco pela positiva o Aimar (nunca desistiu e não esteve letárgico como os outros),Luisão (neste jogo não tem qq culpa nos golos sofridos), e o Cardozo que voltou a marcar e que volto a frisar que para mim era titular indiscutível e é perfeitamente compatível com o Suazo,Aimar e Reyes. O scp mereceu vencer porque teve a atitude competitiva correcta não teve medo e foi sério, e só por isso venceu o jogo, porque para mim o Benfica tem muito melhor equipa que o scp, tem é que ter a atitude correcta que infelizmente não teve. Quanto á Liga, se o scp perder no dragão fica entregue ao fcp que pelo 4º jogo consecutivo é beneficiado pelas arbitragens,e se for campeão este época é mais uma vez á conta disso.O apito está vivo e bem vivo.

22.2.09  
Anonymous Anónimo said...

duas grandes penalidades??? Eu só vi uma e claríssima! Mão na bola do Maxi Pereira! Vergonhoso!!!

22.2.09  
Blogger mafegos said...

LF
o que me preocupa é esta resignação dos benfiquistas,não só perdemos ontem,se o Leixões ganhar iguala o Benfica ,isto é uma coisa impensavel e o Rui Costa ainda diz que não vamos atirar a toalha ao chão?
E eu pergunto,um grande jogador que ele foi e que aceitou ser director desportivo e que parte para a segunda volta do campeonato,com um plantel coxo,sem laterais ,sem extremo direito,com dois extremos esquerdos "prima donas",sem um organizador de jogo,com um Suazo que esta emprestado e a jogar mal e a desmotivar um jogador que é nosso,o Cardozo e ainda por cima com um treinador,que tacticamente é uma nulidade,já é tempo do Rui Costa assumir a responsabilidade do fracasso desta época porque ele podia perfeitamente ter feito mais uma época,mas fez o que o tipo que esta a mais no Benfica queria,o Luis Filipe Portista Vieira.

22.2.09  
Anonymous Xupa Térêsa said...

Parabéns!
Vejo que os lampiões começam a saber ver futebol com isenção!
E depois digam que não somos amigos, só marcámos 3 golos e ainda oferecemos 2...

22.2.09  
Anonymous Silva Barqueiro said...

pois claro... e a falta sobre Liédson entre dois contrários já na segunda parte não conta...
Acima de tudo aqui tem-se sempre que limpar as más arbitragens a favor do benfica... já em Braga, os erros do árbitro só davam o empate aos minhotos...
O que vale é que contra tudo e contra todos continuamos em primeiro rumo ao tetra... Mesmo sem Alan, Renteria e Luís Aguiar...

22.2.09  
Blogger jfk said...

Francamente e preocupantemente mau.

No plano individual gostei também de Aimar.

Não compreendo a letargia mental colectiva. Os jogadores não se desmarcam para receber bolas, estão todos a olhar uns para os outros.

Não compreendo a insistência em Suazo, ainda por cima lesionado. A equipa não consegue ter posse de bola com ele. Como o meio campo (Yebda e Katso) não tem criatividade, o jogo é atirar bolas para a frente, só que Suazo, ao contrário de Cardozo, não segura uma. E como Reyes não fez nada de construtivo...ficamo-nos pela total inoperância da equipa.

Falta claramente um líder em campo, e também no balneário. E não será fácil encontrá-lo, é daquelas coisas que não se faz por encomenda, demora anos a consolidar.

23.2.09  
Anonymous Anónimo said...

DESCULPEM LÁ EU NÃO VI O JOGO, ESTAVA A TRABALHAR, MAS FALAM NUM PENALTY AOS 9 MINUTOS A FAVOR DO BENFICA, É PENALTY OU É DUVIDOSO, AGUARDO RESPOSTA....

23.2.09  
Blogger Jotas said...

houve muito Sporting, para pouco Benfica e quando assim é, nada mais resta do que ter o fairplay necessário e dar os parabéns aos justos vencedores.
Pena que por vezes nos adversários não haja a mesma clarividência.
O estorninho, mais uma vez a dizer banalidades e estupidez natural, você não se enxerga, é uma vergonha para quem aprecia futebol.
Se o Benfica ganhasse como o Porto ganhou nos ùltimos 3 jogos, o que não se diria por aí.

23.2.09  
Anonymous Anónimo said...

os benfiquistas andam cabeçudos!!
hahahaha
agora o campeonato da segunda circular anda ao rubro... ups, ainda podem ganhar a taça da liga
hheheheh

23.2.09  
Anonymous Peter said...

Os comentários dos portistas aqui neste blogue são sempre hilariantes falam eles que o Benfica foi levado ao colo, tudo bem que estamos no carnaval, mas efectivamente quem foi levado ao colo mais uma vez foi o fcp, é simplesmente o 4ºjogo consecutivo em que são beneficiados escandalosamente e depois falam é do Benfica,lol.Como diria o outro "perdoai-lhes que eles não sabem o que dizem".Podem crer se para a semana o scp no dragão marcar primeiro lá vai cair mais 1 penalty do céu para ajudar o fcp. Sinceramente esta época está bem parecida com os finais da década de 80 e década de 90.E ainda há quem acredite que com o apito dourado as coisas mudassem, vê-se claramente que não.

23.2.09  
Anonymous Vitor G Esteves said...

A análise de LF, como quase sempre,é eloquente e precisa.Deste jogo retiro duas notas:
1-O SLB continua a substimar Liedson, passam os treinadores e continuamos a não criar mecanismos que o anulem;
2-Confirmadíssima a candidatura de Paulo Bento ao lugar de Jesualdo( mais um depois de Jesus, Cajuda, e um largo etc...), depois do jogo, ganho por vantagem mínima, achou a vantagem escaça, após o jogo com o FCP para a Taça da Liga, com vantagem de 3 golos,achou o resultado exagerado.
No final o Paulinho levou banho de humildade, na conferencia de imprensa, de Quique. Continua a ser para mim um mistério esta arrogância e hostilidade do treinador do SCP para com o SLB, clube que o ajudou a promover profissionalmente.
O Soares Franco dizia em tempos que lhe era dificil ser presidente na tribuna por não poder festejar os golos por deferencia como os convidados( para quem criticou Vale e Azevedo por comportamento identico),até esteve particularmente efusivo, até com ar de algum alivio como o condenado a quem tiram acorda da garganta.No jogo da Taça da Liga nem miou...

23.2.09  
Anonymous Anónimo said...

Então, meus amigos, não á uma análise detalhada e desunhada ao sr. árbitro?

23.2.09  
Anonymous Anónimo said...

falemos um pouco de felicidade:
o FC Porto continua com o seu prestigio internacional intacto, como o atesta o convite (agora confirmado) para disputar a Peace Cup 2009, uma espécie de Mundialito de clubes e em que também já estão confirmadas as presenças do Olympique Lyonnais, Real Madrid, Sevilha, Liga de Quito (vencedor da última edição da Taça Libertadores) e Juventus.

A Peace Cup irá decorrer de 24 de Julho a 2 de Agosto e, para além dos prémios monetários de presença, em jogo estará o prestigio, dois milhões de euros para o vencedor, um milhão de euros para o finalista e 500 mil euros para os semi-finalistas vencidos.
Nada que se compare com o Torneio Guadiana...

23.2.09  
Anonymous Anónimo said...

O t+itulo está entregue...

23.2.09  
Anonymous Anónimo said...

2 grandes penaliades não... 3

sobre o Aimar, a mao do Maxi Pereira...

e a 3ª qual é?

tcharam... logo a seguir a bola no poste do Pereirinha, o Liedson ao disputar a bola com um jogador do Benfica (nao e lembro qual, porque a Sport Tv, esse canal isento não repetiu esse lance, pelo menos durante o jogo) é rasteirado.

23.2.09  
Blogger sestrela said...

concordo com a analise ao jogo mas descordo das ilações que tira meu caro LF.
o benfica tem limitações, é verdade.o porto e o sporting também têm muitas limitações e isso já se viu por varias vezes durante o campeonato.
Qual dos 3 é melhor? não sei responder...nem eu nem ninguém.Com as vigarices que tenho visto neste campeonato a tabela classificativa já está adulterada...e quem achar o contrario é bom que acorde para a realidade: este pais está impregnado de corrupção em todos os sectores de actividade...no futebol é por demais evidente.
Já fiz uma denuncia na policia judiciaria.O jorge costa que agora treina o olhanense disse-me há algum tempo em cabo verde que a mulher do reinaldo teles utilizava uma das tascas do marido no porto como escritorio para negociatas...pagavam na altura 50 contos a cada arbitro.os que já tivessem recebido alguma vez este pagamento mas que quisessem deixar de "roubar" eram ameaçados de morte, eles e familia.(o pai do secretario, ex jogador do porto, sabia bem do que eu estou a falar).

tenho muita vontade de criticar o benfica, de criticar a atitude passiva do suazo,a dispnsa do léo e do petit, o posicionamento do david luiz no 2º golo do sporting...mas porra, depois do que tenho visto nos jogos do porto(joga bem e ganha, joga mal, os abrbitros ajudam e ganha..e ganha moral..)
já nem falo de uma analise de caso a caso nos jogos do porto...falo de tendencia...é sempre a favor do mesmo.corrupção? claro. eu faria o mesmo no lugar deles.a justiça só é fraca para os fortes.as escutas?ninguém quer saber...devia ser o canto e castro a imitar algumas vozes...

LF, peço-lhe do fundo do coração.faça um apelo á greve dos adeptos.A culpa do futebol estar como está é dos palhaços que ainda vão aos estadios e dão guarida a esta mafia.

23.2.09  
Blogger sestrela said...

problemas do benfica no jogo com o sporting e em geral:
Qualquer equipa de topo tem um denominador comum.patrão na defesa,patrão no meio campo e referencia no ataque.se é verdade que na defesa o luisão é um patrão(pese o facto de ter medo do liedson ou de qualquer jogador movel e rapido), no meio campo isso não acontece.acho o katso um bom jogador mas não um grande jogador.não sabe sair com a bola no pé, é lento e não tem imaginação para um meio campo como o do benfica.no ataque nem sei o que dizer...este suazo é o que jogava no inter?não me venham falar do mau aproveitamento tactico, da falta de jogo que o insonso aimar transporta até ele.a diferença está na atitude. ele parece estar de férias no benfica, á espera que o emprestimo termine para voltar a jogar com garra.
aimar:percebo o dilema do treinador.coloca-o em campo sempre na ilusão que o acumular de jogos tragam de volta o aimair de outros tempos,mas por outro lado ve o rendimento do aimar resumir-se a zero.o que fazer,colocar o nuno gomes ou o cardozo?a ideia de futebol do quique precisa de um jogador como o velho aimar...ele nunca vai jogar com suazo e cardozo. com o nuno gomes por vezes até disfarça uma vez que este vem buscar algum jogo atrás, mas não é bem isso que o quique pretende...
sidnei e david luiz são bons jogadores.nota-se perfeitamente que vão ser jogadores de topo, mas...ainda são miudos.o benfica precisava já daquilo que eles vão ser daqui a 3/4 anos.
ruben amorim:para mim a chave do benfica desta época, e o jogador que mais vai marcar o benfica nos proximos anos.como medio centro tem tudo para ser um jogador de elite.é fino a jogar, sabe ler o jogo, defende com criterio e ataca minimamente bem para jogar na posição 6. LF,acha mesmo que o benfica joga em 4-4-2?eu acho que não.para mim o benfica joga em 4-3-3, sendo o ruben amorim o medio que fecha na direita.no maximo admito o 4-2-3-1, em que o amorim acaba sempre por tirar expressão atacante ao benfica, e talvez seja este o erro que o quique mais vezes comete, por falta de visão, e que nos vai atrasar o crescimento da nossa equipa por muito mais tempo(se viram logo que o balboa não era solução tinham 3 meses para procurar um extremo direito e contratalo no mercado de inverno).
ps:LF, CONCORDO CONSIGO QUANDO FALA NO FERNANDO SEARA.AQUELES PROGRAMAS SÃO OUVIDOS POR MUITA GENTE DO FUTEBOL, E SERVEM PARA PASSAR MUITAS MENSAGENS QUE VÊM DOS CLUBES...O FERNANDO SEARA ATÉ DÁ PENA DE VER...NÃO SE SABE IMPOR, PARECE UM GATINHO DOMESTICO NO MEIO DOS TIGRES.

23.2.09  
Anonymous Vitoria do Benfica said...

Apesar de estar longe tenho pena de tudo o que aconteceu.

No entanto recomendo o Benfica tElecom porque mesmo no aerporto de sydney conseguia receber os golos que se iam passando em campo. Pelo que dizem felizmente que nao assisti a esta confragedora exibicao da equipa.

De tudo o que resta fica-me a Benfica Telecom como um grande efeito de Luis Fiipe Vieira e que mesmo na Australia eu fui capaz de saber com a mesma velocidade dos que nao estavam no estadio que o nosso clube estava a fazer uma triste figura.

Saudacoes Benfiquistas

23.2.09  
Anonymous Anónimo said...

Capa Record de hoje dia 23, "agressão a roupeiro pode interditar Alvalade"
Qnd um adpeto do Benfica agrediu um fiscal de linha DURANTE um jogo de futebol,não vi esse castigo a ser posto em pratica...

23.2.09  
Anonymous Silva Barqueiro said...

falam bem masnão me alegram...
O que vale é que o meu clube me dá as alegrias que preciso... E qual é a desculpa benfiquista? Corrupçao...

23.2.09  
Anonymous Nuno Figo said...

Relativamente ao jogo do Sporting, se me permitem, vou por partes.

A actuação do Benfica não me escandalizou. Creio que o jogo correu de feição ao Sporting, que conseguiu uma vitória sem mácula e acabou por fazer uma exibição portentosa... nomeadamente a partir do 2-1. Mas como marcou os dois primeiros golos? Num golo "vindo do espaço" conseguido a partir de um canto infatilmente cedido por David Luiz (o 2º golo de canto do Sporting em toda a época) e noutro nascido de um alívio sob pressão de Polga... que inúmeras vezes é criticado pela quantidade de lançamentos longos inúteis para os avançados.
A 1ª parte leonina foi sobretudo um espelho do que é o futebol de Paulo Bento: um ferrolho "à Inácio" sobre a estratégia "Peseira", com 2 laterais meramente destruidores e um processo de ataque simples: pontapé para a frente e crença na capacidade pressionante do ataque e da 2ª linha de meio-campo.
Como a defesa do Benfica pouco falhou na dissolução destes lançamentos longos, no 1º tempo, o Sporting foi quase sempre uma equipa sem ideias. Tudo mudou no 2º tempo, quando a 1ª falha da defesa (melhor dizendo, 2ª. A primeira tinha dado origem ao canto do 1º golo do Sporting) dilacerou o moral da equipa... o débil ego da defesa e meio-campo benfiquista fez "das suas" e nunca mais conseguiu arrumar os básicos ataques do Sporting. Depois, Pereirinha entrou e "matou" um David Luiz já fragilizado.

A verdade é que o Sporting acaba por marcar 2 golos no seu pior período e apenas 1 quando controlou a partida.
Mais impressionante ainda, o Benfica ainda marcou um 2º golo, num lance simples, até demasiado fácil para ser verdade, onde - a meu ver - ficou exposto qual deveria ter sido o "caminho" do Benfica: a exploração das alas do Sporting (Pedro Silva e Grimi!!) por laterais capazes de subir, servindo 2 homens de área.
Pensemos nesse golo e imagine-se se uma equipa do Benfica "diferente" não poderia ter feito outra coisa. Imagine-se um onze com Moreira; Maxi, Luisão, Miguel Victor (mais rápido e mais simples que Sidney), Jorge Ribeiro (também a mim já doem as saudades de Leo); Katso e Ruben Amorim no centro; Reyes e Aimar; Suazo e Cardozo.

Mas enfim, o onze de Quique foi outro e o resultado sorriu ao Sporting. Que, insisto, mereceu ganhar. Liedson é um jogador "bizarro", que tanto admiro como odeio. "Bandido", inteligente, capaz de golos brilhantes. E desta feita nem abusou no anti-jogo e chico-espertice onde tantas vezes resvala (neste particular, penso que Liedson é também ele um espelho do nosso futebol: já que todo o contacto viril é punido e que quase todas as quedas dão falta; Liedson limita-se a abusar do contactoZITO e da queda. Esperto...)

Sobre o que daqui resulta para o campeonato... Para mim, nenhuma surpresa. Tenho mantido bem despertas as minhas expectativas para esta época: poucas.
Tivemos o investimento "financeiro" mas falta investir "tempo" (e paciência). Há lacunas por corrigir e outras que acabaram por aparecer. Falta laterais direito e esquerdo. Falta um extremo direito. Falta experiência no eixo da defesa - fora Luisão.
(Ricardo Rocha, Paulo Ferreira... e Alan... não seria "engraçado"?)

Finalmente, para uma verdadeira candidatura ao título, falta o resto. Falta que tal fosse possível. Que os poderes nas sombras, os tais já CONDENADOS por corrupção e coacção, permitissem tal coisa. Qualquer pedaço de esperança que ainda tivesse esfumou-se quando Lisandro caiu na área do Benfica.

Lutemos até ao fim, claro.

23.2.09  
Anonymous Anónimo said...

ho aurelio burrinho ve bem,nao era aos 20 segundos,mas sim antes de comecar o jogo gande besta lol

23.2.09  
Anonymous Anónimo said...

Mesmo levados ao colo incharam. Esaa é que essa.

25.2.09  

Enviar um comentário

<< Home