13/11/07

ÁRBITRO ASSISTENTE; ESSE MISTERIOSO PERSONAGEM

Ao contrário dos seus chefes de equipa, pouco se fala neles. São a antítese do mediatismo, e certamente que muitos adeptos não saberão sequer mencionar o nome de um que seja. Todavia, são pedra proeminente nas sempre tão contestadas arbitragens, ou não fossem eles a assinalar a totalidade dos foras-de-jogo e, ultimamente, também muitas das grandes penalidades, dois tipos de lance que originam, seguramente, mais de noventa por cento das polémicas geradas em redor dos jogos.
Se se falasse mais deles, o país futebolístico saberia que entre os nove árbitros assistentes promovidos a internacionais, não há nem um (para amostra) do Rio Douro para baixo, e cinco são da A.F.Porto. Estranho ? Talvez um pouco.
Seria também interessante sabermos mais sobre quem são e de onde são os observadores, outros senhores “x”, figuras ainda mais anónimas (e obscuras) no mundo do futebol.
É que, tal como à mulher de César, não basta ser sério...