11/03/14

PARA ALÉM DO FUTEBOL

As modalidades do Benfica estão bem e recomendam-se. Decorrida parte significativa das temporadas regulares, todas elas se mantêm firmes na luta pelo topo das respectivas classificações, exibindo uma impressionante percentagem de vitórias (86%). A título de exemplo, e servindo de referência, poderemos aferir que a percentagem de triunfos no Futebol – também ele, como sabemos, a fazer uma excelente época – anda pelos 77%. Acresce que, quer Voleibol, quer Basquetebol, quer Atletismo, quer, sobretudo, Hóquei em Patins, já conquistaram troféus em 20013-2014. Certamente não serão os únicos, nem os últimos. Voleibol e Basquetebol são, de resto, aqueles que apresentam números mais significativos: além de liderarem, isolados os seus campeonatos (confirmando o favoritismo), somam, em conjunto, 48 vitórias em 51 partidas oficiais realizadas. O Hóquei, por seu lado, venceu dois importantes troféus internacionais, sagrando-se Campeão do Mundo. Enfrentou algumas dificuldades intra-muros, mas conseguiu manter as portas abertas para o título. Também na Euroliga tem dado cartas, vencendo facilmente o seu grupo, e tendo todas as possibilidades de chegar novamente à “Final-Four” da competição. O Andebol está apenas a um ponto do 1º lugar, à entrada para a segunda, e decisiva, fase do campeonato. É altura de mostrar a raça benfiquista, e recuperar um título que nos escapa desde 2008. Já o Futsal tem tido os altos e baixos que seriam de esperar numa temporada de transição, em que saíram e entraram vários jogadores. Tudo se decidirá no Play-Off, momento em que, certamente com a máquina já bem oleada, os encarnados estarão na luta pelo triunfo. Se, além de tudo isto, acrescentarmos que o nosso clube ainda se mantém em todas as cinco Taças de Portugal em questão, que o Atletismo já venceu Estrada e Pista Coberta, e que nos sectores feminino e de formação todas as ambições são ainda legítimas, podemos ter esperança numa grande temporada à Benfica, seja nos relvados, nos pavilhões, ou nas pistas.