26/06/12

AGORA ESCOLHA...

HIPÓTESE A: Troca por troca, Postiga por Hugo Almeida

HIPÓTESE B: Troca por troca, Postiga por Nélson Oliveira

HIPÓTESE C: Cristiano Ronaldo a ponta de lança, e Varela a fechar o flanco esquerdo

HIPÓTESE D: 4-4-2, com Custódio à frente da defesa, Veloso do lado esquerdo (facilitando as subidas de Coentrão), e Nani e Ronaldo soltos no ataque

2 Comments:

Blogger João said...

Claramente a hipótese A, sem inventar.

Hipótese B - O rapaz não tem, ainda, estaleca para estas andanças, pode ser bom para entrar a meio.

Hipótese C - Ronaldo não é ponta de lança. Ganhávamos em técnica à frente, mas perdíamos na lateral onde ela é relamente precisa.

Hipótese D - Entrar com medo frente à Espanha é assinar a certidão de óbito, jogar com eles condicionando o nosso jogo ao deles é o que eles gostam, vide França...

O Varela é para entrar aos 80min para substituir o Almeida quando já estivermos a ganhar 1-0 :D aos 65m entra o Custódio sai o Nani e aos 85m entra o Rolando e sai o Meireles e está ganho :D

26.6.12  
Blogger Ricardo Sardo said...

Luís, apesar de, mentalmente poder transmitir um sentimento de medo (que condicionaria a atitude da equipa), optaria pela quarta hipótese, mas com uma nuance táctica. Jogaríamos apenas com um homem na esquerda (Coentrão), que faria todo o corredor e, com posse de bola, seria um extremo. Arbeloa é o único que costuma aparecer na direita do ataque deles, sendo que o maior perigo deles é na esquerda, com Jordi Alba, muito rápido e tecnicista, a ser um autêntico extremo a apoiar Iniesta.
Ou seja, jogaríamos, aparentemente, com mais um médio (Custódio), que até poderia ser um 3º central a defender (os ataques deles são movimentações dos médios, vindos de trás e a aparecer nas costas da defesa), mas menos um defesa e não um atacante, pois o Fábio jogaria como médio.
Resumindo: Patrício, J. Pereira, Pepe e B. Alves (defesa), Meireles, M. Veloso, Custódio, Moutinho e Coentrão (meio campo), Nani e Ronaldo (ataque). A atacar teríamos sempre dois (Nani e Ronaldo) com o apoio de 3 médios (Moutinho, Meireles e Coentrão). Ronaldo não rende a avançado centro? Não. Mas também não jogará a avançado centro, pois (temos que assumir isto) a Espanha irá controlar o jogo e ter muito mais posse de bola e jogaremos em contra ataque e é assim que vejo que poderemos marcar-lhes, pois em jogo corrido não teremos grandes chances. Tacticamente são muito fortes (duas grandes bases, Barça e Real) e pressionam muito. Apesar de tudo, penso que, das 4 hipóteses, seria a que nos concederia mais hipóteses...
Cumprimentos.

27.6.12  

Enviar um comentário

<< Home