21/09/11

GOLPADAS HÁ MUITAS

Nenhum clube tem o monopólio da seriedade.




Há portistas sérios e portistas desonestos, tal como sucede com benfiquistas, sportinguistas, e todos os outros istas. De resto, tenho amigos em todos os clubes, os quais, descontando o maior ou menor facciosismo desportivo, considero pessoas acima de qualquer suspeita.




Não tenho, por isso, nenhum problema em aceitar como presidente da FPF alguém que seja adepto do Sporting, ou mesmo do FC Porto. Falei inclusivamente do sportinguista Hermínio Loureiro, como uma das personalidades que não me importaria de ver ocupar a função. E se quiserem falar de portistas, o nome de Rui Moreira, por exemplo (caso estivesse disponível), também não me assustaria particularmente.




Coisa diferente é o que se passa em relação a Fernando Gomes.




Não sei se o cidadão Fernando Gomes é honesto ou não. Sei sim, que não se trata de um simples adepto do FC Porto (o que por si só, como disse, não traria mal ao mundo), mas antes de alguém que pertencia, há bem pouco tempo atrás, ao círculo mais fechado do poder de Pinto da Costa. Não é pois o seu portismo que me inspira desconfiança, mas sim esta ligação estreita a alguém que, esse sim, sabemos ser um criminoso.




Felizmente, ou infelizmente, não nasci ontem. Felizmente, ou infelizmente, já não acredito em pais natais, nem em contos de fadas. Por isso, não é um mero desentendimento (simulado ou não) que me vai fazer confiar nas nobres intenções de uma dada pessoa. Mais ainda quando esse mal explicado “desentendimento” surgiu cirurgicamente antes de uma candidatura à Liga. Mais ainda quando essa candidatura trouxe com ela (coincidentemente ou não) o regresso de uma série de situações que pareciam pertencer a um passado já longínquo.




Não confio em Fernando Gomes, como não confio em nenhum membro das direcções de Pinto da Costa. Não é o FC Porto, enquanto clube, e muito menos os seus adeptos, que estão em causa. É sim um poder corrupto e criminoso, do qual Fernando Gomes fez parte anos a fio, sem abrir a boca, compactuando (por acções, omissões ou silêncios) com práticas que desvirtuaram e enlamearam o futebol português.




Um homem com estas características, e com este passado, não pode, em circunstância alguma, merecer o meu apoio. E não deveria, no meu ponto de vista, merecer o apoio institucional do Sport Lisboa e Benfica.

14 Comments:

Blogger Manuel said...

Totalmente de acordo, LF. Mas não em relação ao Rui Moreira! A ideologia é a mesma. E é esta que comanda o cérebro, quer queiramos, quer não.

21.9.11  
Anonymous Anónimo said...

És tão doentio que chegas a ser ridículo.

21.9.11  
Anonymous Águia Preocupada said...

Pois é! Vieira apoiou-o numa demonstração clara que os sentimentos e desejos dos benfiquistas são pouco ou nada importantes!
E desta, ninguém nos livra!

21.9.11  
Anonymous O Tal said...

Realço o facto de o LF não parecer sério... permitiu que um outro qualquer blogger me insultasse num dos seus posts e não aprovou a minha resposta! Se este espaço é para os seus amigos destilarem odios e estravazarem os seus demónios pelo facto de não serem ninguém na vida, fique lá com o espaço pra si e para os seus... Não falta quem valorize a minha opinião!

P.S. - este não precisa de publicar...

21.9.11  
Anonymous Anónimo said...

Nada disto me espanta, no fundo é a paz podre em que vivemos, no futebol, na política, na economia etc etc.
Exemplos? Muitos, o mais actual é o que se passa na ilha da madeira, em que um criminoso sem vergonha na cara e, com o respaldo de um povo estupidificado faz o que faz e diz o que diz.
No futebol é igual, os donos do sistema mandam e desmandam e, a coberto de uma teia de dependências e de uma multidão de adeptos de olhos tapados pelas vitórias, também eles, fazem o que fazem e dizem o que dizem.

Enfim, com multidões e órgãos de soberania a ignorarem provas inequívocas, escudando-se por trás de meras regras processuais, está tudo dito…

Também na minha actividade profissional, já acedi a um acórdão absolutório pelos mesmos motivos do apito dourado e, sim, os arguidos eram culpados, apenas tiveram a sorte das provas (escutas) terem sido feitas sem as necessárias autorizações prévias.

Cumprimentos

Guilherme

21.9.11  
Anonymous Brytto said...

...e esta agora de uma agressão sem bola dar apenas um jogo de castigo?!!!!!!!!!!!

21.9.11  
Blogger xirico said...

O FGomes,é tb o ponta de lança do Oliveira.Para além do controlo desportivo,o FGomes pretende controlar economicamente os direitos televisivos,pois pretende vendê-los em pacote,tentando limitar a livre negociação do Benfica.Se o LFV não apresentar uma estratégia de acordo com os mais elementares interesses do Glorioso,diga adeus ao meu voto.É apenas isto que tenho a dizer.

22.9.11  
Anonymous Anónimo said...

O filho da puta do fernando gomes anda num mercedes pago por uma empresa do joaquim oliveira... isto tá tudo minado! digam adeus ás tentativas de limpar o futebol português...

22.9.11  
Blogger Manuel said...

O que o XIrico diz já eu ando a dizer há algum tempo, por isso totalmente de acordo. E é isso mesmo que está a acontecer. O FGomes sempre foi o homem de mão do Oliveirinha, mesmo quando estava na SAD do Porto.

A livre negociação por parte do Benfica está a deixar em pânico tanto o Oliveirinha como o Padrinho, pois será a partir desse momento que o Benfica descola definitivamente. E o Oliveirinha ficará a ver a vida a andar para trás. E a falência no horizonte.

Por isso estão a arrebanhar os votos dos clubes pequenos, acenando-lhes com algum dinheiro a mais do que recebem dos direitos televisivos. Penso que está bem claro para todos. Estes tipos são tão previsíveis.

Só mais uma coisa. Lanço um alerta geral aos benfiquistas mais lúcidos, para estarem com atenção aos benfiquistas que, pagos por interesses e por agendas próprias, em blogues irão começar a fazer uma guerra ao LFV para o impedir de ser eleito. Já se começam a ver algumas bocas em semana de derby. E, é claro, a CS do costume que ampliará todo o ruído criado à volta disso.

22.9.11  
Anonymous Anónimo said...

oh brytto, essa tá genial... "agressão sem bola"

se fosse agressão com bola, ainda se admitia um jogo de castigo agora sem a chicha? haja decoro!


Guilherme,
não tiveram a sorte, apenas foram investigados por pessoas incompetentes...

23.9.11  
Anonymous Brytto said...

Anónimo,

Como é possível não se saber distinguir uma agressão sem disputa de bola e de mão fechada, vulgo murro, com uma agressão na disputa da dita cuja?!!!!!!!!!!

Ora se um murro dá um jogo, o que será preciso para dar pelo menos dois? O adversário ficar inconsciente!!!!!

Para mim, e não passa da minha modesta opinião, agressão sem bola e ainda por cima a murro, seja para quem for, devia levar pelo menos dois jogos. Mas enfim, são opiniões...

24.9.11  
Anonymous Círculo do Dragão said...

Uma dia dstes arranjas problemas por levantares falsos testemunhos... Dizer que JN Pinto da Costa é criminoso é uma calúnia. Ou esqueces-te que ele foi ILIBADO em todas as acusações?

Põe-te fino carago...

3.10.11  
Blogger LF said...

Circulo do Dragão,

Pinto da Costa foi ilibado apenas por questões processuais.
Se as escutas fossem válidas, teria sido condenado.
Não é pois uma questão de facto, mas sim de direito, relacionado apenas com a legalidade ou não dos meios de prova.

Além disso, foi condenado na justiça desportiva, e nem recorreu.

3.10.11  
Anonymous Círculo do Dragão said...

E um processozito por difamação não te convém?
Pode ser que hajam erros processuais e não sejas condenado...

8.10.11  

Enviar um comentário

<< Home