23/11/10

PONTO DE VIRAGEM?

É em Israel, terra prometida a muita gente, que o Benfica vai decidir grande parte do seu futuro europeu na presente temporada.
É imprescindível ganhar, pois se o Schalke vencer o Lyon, só uma vitória permitirá ao Benfica acalentar fundadas esperanças para a última jornada. Há combinações de resultados que abrem espaço a um empate, ou mesmo a uma derrota, mas sendo ambas as partidas disputadas em simultâneo, não se conhecendo de antemão o desfecho de Gelsenkirchen, a atitude da equipa não pode apontar em mais nenhum sentido que não o do triunfo.
Não será fácil. Trata-se de um adversário aguerrido, que joga num ambiente extremamente adverso para quem o visita. Mas é justamente esta a oportunidade para o Benfica mostrar a sua força, força essa amplamente exibida na temporada passada, e ultimamente escondida atrás de muita intranquilidade. Este pode pois ser o ponto de viragem, não só neste grupo de apuramento, como em toda a época encarnada.
Equipa provável: Roberto, Maxi Pereira, Luisão, David Luíz, Fábio Coentrão, Javi Garcia, Ruben Amorim, Aimar, Carlos Martins, Saviola e Cardozo
Recordemos o ponto de situação face ao apuramento, olhando para os dois jogos que faltam disputar ao Benfica:

1 Comments:

Blogger Jotas said...

Caro LF, espero que nao seja preciso tantas contas, que ganhemos o jogo e depois na nossa Catedral resolva-mos a questao.

23.11.10  

Enviar um comentário

<< Home