05/05/10

EU, BENFIQUISTA, ME CONFESSO

Passaram apenas três noites desde o jogo do Dragão. Uma eternidade.
Ainda faltam passar mais quatro até domingo. Outra eternidade.
Sete penosas noites, sete penosos dias.

Esta é, provavelmente, a mais longa semana da minha vida.
Adormeço a pensar no Rio Ave, acordo a pensar no Rio Ave.
Vivo e trabalho com um fantasma às riscas verticais verde e brancas diante de mim, a perturbar-me o espírito, a consumir-me a alma.
Não tenho fome.
Tenho sim pesadelos com o Bruno Gama, com o Bruno Moraes, e até com o Chidi.
E, sobretudo, com uma inesperada festa azul e verde a inundar o país no domingo à noite.

Não. As coisas não podem correr mal. Afinal estarão onze craques no relvado, 65 mil a gritar nas bancadas, e milhões lá fora a torcer com muita fé.
Basta um empatezinho, mesmo daqueles que normalmente nos deprimem, e satisfazem visitantes.
Desta vez chega um desses empatezinhos, como os daqueles dias em que nada bate certo, em que o raio da bola se recusa a entrar.
E, se tudo o resto falhar, se tudo desgraçadamente falhar, se até esse empatezinho nos quiser fugir, ainda sobra uma remota esperança situada lá pelo Atlântico.
Que diabo, seria preciso muito azar...Muito azar mesmo.

Mas...são onze de cada lado.
Onze profissionais de futebol, uma bola redonda, e duas balizas do mesmo tamanho. E se ela, a bola, entrar na baliza errada?
Temo uma dramática demonstração da Lei de Murphy, temo um “Maracanazzo” à portuguesa, temo os nervos a tolher as pernas dos jogadores. Temo as ausências do Fábio, do Di e do Javi, temo a lesão do Óscar. Temo a inspiração do guarda-redes adversário. Temo a arbitragem. Temo, sobretudo temo. Temo muito. Temo tudo. Aterrorizadamente.

Mas não, não pode ser.
Em catorze jogos em casa o Benfica empatou um e venceu os restantes. Foi sempre a melhor equipa. É a melhor equipa. Muito melhor que todas as outras. Quem é afinal o Rio Ave?
Não. Nada pode falhar. Nada vai falhar.

E os dias não passam.
É terrível a angústia do adepto no momento da incerteza. Sabendo apenas que, dentro de quatro dias e quatro noites, ou irá poder dançar sobre as doces nuvens do paraíso, ou cairá desamparado nos mais profundos alçapões do inferno, não havendo quaisquer terceiras vias por onde escapar.

Mas não. As coisas não podem correr mal.
O Rio Ave tem dois centrais lesionados, há oito jogos que não ganha, e nesses só marcou um golo. Há cinco partidas que não mete uma só bola dentro de qualquer baliza. Como poderá marcar a Quim, ao grande Quim? Como? Além disso nunca ganhou na Luz, e a história sempre tem algum peso nestas coisas. E os 65 mil? E os 6 milhões?
Não. Nada pode falhar.

O futebol não nos devia fazer passar por isto. Mas faz.
Aperta o coração, brinca com as nossas emoções, divertindo-se, ele, sarcasticamente, à custa do nosso sofrimento. Se os jogadores do Benfica entrarem em campo com metade desta terrível ansiedade de adepto, estaremos todos perdidos. Nós e eles, ou eles e nós, o que vem a dar no mesmo.

Mas confio naquela gente. Em todos eles. Nos que jogam sempre, mas também no Airton, no César, no Weldon, no Carlos, no Ruben, no Nuno, e até no Pedro se for preciso. Se foram capazes de coisas fantásticas, se foram intérpretes de tantas sonatas, não iriam cair do palco agora que o pano já desce e a apoteose os espera. São fortes, muito fortes, e não vão tremer. São campeões. Vão ser campeões. Vamos ser campeões.

Ainda faltam quatro noites e quatro dias.
Quatro noites e quatro dias de inquietação e agonia. E depois, mais noventa minutos de arrepiar a espinha. Como resistirei? Como resistiremos?
Tudo em noventa minutos. Uma vida em noventa minutos. Tinha razão o Shankly. Se calhar até mesmo a Florbela, quando escreveu:
Minha alma de sonhar-te anda perdida,
Meus olhos andam cegos de te ver,
Não és sequer razão do meu viver,
Pois que tu és já toda a minha vida

E a vida, essa vida, pode mesmo acabar alí. Ou não. Como numa roleta russa em que sabemos haver uma bala, mesmo que uma só bala, para nos liquidar.

Força Benfica! Que tenhas mais força do que eu para viver os dias que faltam até nos voltarmos a encontrar na tua casa. Na nossa casa.
E lá, que Deus nos ajude a agarrar aquilo que é nosso. Depois…depois não haverá amanhã que cale a nossa alegria.

22 Comments:

Blogger Jotas said...

Caro LF, também para mim esta semana é das mais longas da minha vida.
Estes pesadelos de que falas são naturais, seria o orgasmo total para os nossos rivais um desaire no Domingo, mas sinceramente é algo que não me passa pela cabeça, julgo que como diz o Toni, até com a minha avó ao colo.
A equipa vai se esfolar toda e não vai desperdiçar esta enorme oportunidade de ser campeão.

5.5.10  
Blogger Cefas said...

Caro Amigo Benfiquista,

muito parabéns pelo teu post. Ele exprime na perfeição aquilo que eu também sinto, um misto de confiança e certeza mas por vezes assaltado pela terrível verdade de que o futebol é um jogo.

Quanto ao jogo do atlântico, está mais que ganho pelo clube do minho. Este facto explica-se pelo apoio do SLB à candidatura de Fernando Gomes à presidência da Liga, em detrimento do presidente do Nacional da Madeira, e pela enorme paixão do M. Machado pelo nosso grande treinador Jorge Jesus.

Mas no fim faremos a festa e deixaremos o país vergado perante a força do Glorioso.

RC

5.5.10  
Blogger JDF said...

É isto.

5.5.10  
Anonymous Anónimo said...

belissimo texto.

parabens

TG

5.5.10  
Blogger João Tomaz said...

Que post magnífico. Sinto inveja por não ter sido eu a escrevê-lo!

5.5.10  
Anonymous Vitória do Benfica said...

Este comentário foi removido por um gestor do blogue.

5.5.10  
Blogger Kurouki said...

Parabéns plo texto LF =)

Todos estamos a sentir a mesma dor.. mas mto sinceramente axo que estamos a fazer um bicho de sete cabeças onde ele não existe.

Como me disse o dono do bar onde fui ver o clássico: O que vai acontecer agora é que o rio ave em vez de levar 2 vai levar 4 ou 5.. e temo pla positiva que ele tenha razão pela experiencia futebolistica a que o Benfica nos tem habituado esta época.

E toda a gente sabe que depois de uma derrota, tem vindo sempre uma goleada =)

Só faltam 4 dias.. 4 dias para podermos gritar o que já anda preso desde há muito tempo.

5.5.10  
Blogger troza said...

Estou tal e qual como tu. Depois do Benfica ganhar em 2004/2005 e de ter estado neste estado prometi a mim mesmo não me deixar chegar a isto. Verdade seja dita que nem a liga dos campeões de 2005/2006 nem a taça UEFA deste ano nem as duas finais da taça da liga me fizeram ficar assim... mas agora é diferente. Falta 1 ponto, está toda a gente a dizer que o Benfica vai ganhar (e eu sempre a pensar que ainda não ganhámos nada), temos os dois melhores candidatos ao título dos últimos anos (não sei quantos anos, mas ainda são alguns), todos sabemos que há muita gente que não gosta do Benfica e fará tudo para nos prejudicar e faltam-nos 3 títulares importantíssimos...

Temos tudo para ganhar mas em 90 minutos menos bons e podemos juntar-nos aos sportinguistas: para o ano é que é

5.5.10  
Anonymous Anónimo said...

blá blá blá.
mas campeões ainda não são.
podem ser,
mas ainda não são.

5.5.10  
Anonymous BENFICA CAMPEÃO said...

NÓS SÓ QUEREMOS
O BENFICA CAMPEÃO
BENFICA CAMPEÃO
OOOOOH
E O BENFICA
É CAMPEÃO

5.5.10  
Blogger Éter said...

Também eu ando assim nestes dias...

5.5.10  
Anonymous Anónimo said...

Toda a semana
a pensar nesse dia
pra poder tar na curva
a cantar so por ti...

DV Luxemburgo presentes na Luz...

5.5.10  
Anonymous frank said...

Que bonito post muito realistico,mas nada ira falhar eu sentia o mesmo quando da vizita do olhanense ao nosso estadio so de epmsar que era toda uma equipa porto b com treinador e tudo,e foi o que se vio,mas desta vez nao temos os tres musicos mais afinados da orquestra mas temos outros que os vao subistituir a altura nada ira falhar benfica ate e capaz de golear desta vez e o jogo da snossas vidas tambem temos direito carrego benfica.

5.5.10  
Blogger jfk said...

Temos uma estrutura profissional que já deu provas este ano de saber o que faz.

Os nossos jogadores deram provas de profissionalismo, qualidade desportiva e competência técnica, individual e colectiva. Mostraram que sabem o que devem fazer em campo.

Muitos deles são Brasileiros ou Argentinos, todos com bastante fé em Deus.

E sabem que Deus, que não vê futebol, não os vai acompanhar.

Isto dá-lhes a confiança e serenidade extra que precisam para Domingo.

Isto e saberem que contam com a enorme massa adepta e nós com eles.

Este título é nosso.

E quem entrar Domingo na Luz não pode duvidar disso nem por um segundo que seja.

5.5.10  
Anonymous Vitória do Benfica said...

Luis
Desculpe, mas o seu post vai para o meu quadro, no laboratório. È lindo, é arrepiante é sonante é o allegreto de Malher, é 3º Quarteto de Beethoven é o 21 º de Mozart, é soneto de Camões é Cem anos de Solidão é a Festa do Chibo de Mário Vargas.
Espero que escreva um ainda mais bonito na segunda feira

5.5.10  
Blogger LF said...

Vitória,

Diz isso porque sente o Benfica tal como eu sinto.

Não sei se no domingo, ou mesmo na segunda-feira, estarei em condições de escrever grande coisa.
Só espero é que, escrevendo ou não, o faça pelas melhores razões.

6.5.10  
Anonymous Anónimo said...

Pessoal, vamos lá a acalmar...
Somos todos Benfiquistas, todos temos a mesma crença, a mesma vontade. Querem-nos fazer a folha, aqueles miseráveis? Pois bem, o tipo que levou com um cartucho no queixo pode continuar a dizer que os seus jogadores já sao campeoes e mais nao sei o que... mas Domingo quem festejará seremos nós.
Calma, rapaziada, confiemos nos nossos, como temos feito até aqui. Sem dramas, sem receios infundados. Somos Benfica, rumo ao 32º.

6.5.10  
Blogger Sry Lanka said...

Vá, calma rapaziada!
O título já não foge!

6.5.10  
Anonymous Frank said...

Ja postei uma vez,e nao sei se me e permitido postar mais uma,mas ao abrir a net pela manha aqui num cantinho da america do norte,nao sei se por nostalgia ou por amor ao nosso clube,ou por algum receio ao rio ave adorei ler este post ja o reli varias vezes e caso para dizer que Deus abencoe as maos e mente do seu autor vedeta da bola simplesmente maravilhoso li algures seu nome Luis,eu me identifico muito com esta personalidade so que eu em sabedoria fico muito distante.
Bem eu tambem creio muito em Deus como alguem ai dizia eu sou dos tais que nos jogos do benfica devido a alta intensidade de nervos me agarro a um crucifixo e beijo-o devotamente pedindo um bom fim pro nosso clube...amigos erro profundamente porque pedindo a vitoria do nosso clube a minha felicidade estou ao mesmo tempo pedindo a infelicidade pros adeptos dos outros clubes e Deus nao vai nessa nao,Deus sabe que o nosso clube e o maior ele nao interfere porque gosta de todos ele e justo e como justo que e no final os hustos serao recompensados diz-me o meu coracao que Domingo seremos campeoes com toda a justica,porque ja muito nos injusticaram esta epoca nao vou inumerar os casos porque ja e do conhecimento de todos. Eu tenho fe e vos amigos como e?

6.5.10  
Blogger GT Abarth said...

Sofrei eh eh

6.5.10  
Anonymous Croix said...

Virou-me as entranhas do avesso!
Leu-me por dentro!
Conhece-me?
Como é possível haver um sentimento tão gémeo do meu?

Vai lá estar, vou lá estar, vamos lá estar!
Comigo levo a esperança, o desejo ardente de ver o nosso Sport Lisboa e Benfica Campeão.
Levo a voz para puxar, os nervos para tremer e as lágrimas para festejar.


Oh, Sport Lisboa e Benfica, Campeão
Mostra a tua raça, o teu querer e ambição
Nós só queremos o Benfica Campeão

6.5.10  
Blogger Dylan said...

Partilho dos seus dilemas...

6.5.10  

Enviar um comentário

<< Home