11/03/10

APELO À FELICIDADE

Do resultado desta noite dependem, em larga medida, as ambições europeias do Benfica para esta época.
Tratando-se de uma competição a eliminar, parece uma verdade lapalisseana. Mas é mais do que isso. Jogando diante dum candidato ao título francês três dias antes duma partida de importância, eu diria, transcendental na luta doméstica (na Choupana diante do Nacional), o Benfica não pode forçar muito o seu andamento, nem correr demasiados riscos. O jogo de hoje está claramente condicionado pelo do próximo domingo, a atitude da equipa terá de ser cautelosa, e assim sendo, as possibilidades de êxito serão inevitavelmente menores.
Imaginemos que o Benfica tem, ainda assim, a sorte de fazer hoje um bom resultado. Na segunda-mão (sem campeonato no fim-de-semana seguinte) já poderia empenhar-se mais firmemente na passagem, jogando então com todas as fichas no Vélodrome. E a eliminatória seguinte (já depois do tira-teimas com o Sp.Braga) talvez pudesse ser disputada com o conforto de uma maior vantagem pontual no campeonato - coisa que espero e desejo – permitindo um olhar privilegiado sobre a prova europeia, e (quem sabe?) uma reedição da inesquecível saga de 1983.
Ou seja, em todo o percurso internacional da temporada, o jogo em que o Benfica menos poderá apostar é porventura este. Hoje é necessário que seja a sorte a fazer o seu trabalho, e a proteger uma equipa que não pode explorar ao máximo as suas capacidades.
Qualquer vitória é boa, mas ganhar sem sofrer golos seria o ideal, e iluminaria o sonho que tenho de uma viagem até Hamburgo no próximo mês de Maio.
Onzes prováveis:
BENFICA – Júlio César, Maxi Pereira, Luisão, David Luíz, Fábio Coentrão, Javi Garcia, Ruben Amorim, Carlos Martins, Di Maria, Saviola e Cardozo.
MARSELHA – Mandanda, Bonnard, M’Bia, Diawara, Taiwo, Cissé, Cheyrou, Lucho Gonzalez, Valbuena, Ben Arfa e Niang.

3 Comments:

Blogger Sry Lanka said...

FORÇA LUUUUUCCCCCHHHHOOOOOOOOOOOO!!!!!!!!!

11.3.10  
Anonymous Vitória do Benfica said...

Tenho esta sensação estranha. Queria que o Benfica ganhasse mas não sei se tem capacidade técnica para os jogadores jogarem hoje e Domingo e entre as duas e apesar do Nacional estar desfalcado não arriscava. Prefiro ganhar o Nacional.

È por estas coisas que agora até virei católica. Tenho muito fé em Jesus, porque só ele nos salvará. E só ele tem a resposta, o problema é que nesta situação o homónimo também entra.

Valham-nos os dois o JC e o JJ

11.3.10  
Anonymous iBenfiquista said...

O problema é que o jogo em Marselha é 3 dias antes da final da Taça no Algarve contra os....

12.3.10  

Enviar um comentário

<< Home