23/03/09

PROVAVELMENTE, O MOMENTO MAIS SABOROSO DO ANO

Após uma noite de emoções fortes, o Benfica conseguiu regressar aos títulos, levantando finalmente um troféu após três anos e meio de jejum, e devolvendo assim alguma tranquilidade ao plantel, à equipa técnica e à sua generosa massa adepta – que ontem deu mais uma demonstração de grande fidelidade, preenchendo dois terços do estádio do Algarve.
Numa final entre duas equipas tão equilibradas, é difícil falar em merecimentos. Por vezes um dos contendores superioriza-se, noutras ocasiões (a maioria) é o equilíbrio a ditar as leis. Na noite algarvia Benfica e Sporting equivaleram-se em futebol jogado e em oportunidades de golo, sendo a decisão por penáltis a mais óbvia dado o que se vira ao longo dos noventa minutos.
A constituição da equipa do Benfica foi de algum modo surpreendente, mas logo nos primeiros instantes se percebeu que às alterações de nomes não correspondia uma transformação táctica significativa. Aimar fazia de Reyes, Reyes fazia de Amorim, Amorim fazia de Yebda, e Nuno Gomes fazia de Aimar. O mesmo sistema, o mesmo modelo, os mesmos problemas, aqui e ali disfarçados, como quase sempre, pela capacidade individual dos intérpretes.
Logo aos quatro minutos, Nuno Gomes podia ter colocado a equipa da Luz em vantagem. Ainda na primeira parte seria David Luíz a negar o golo a Liedson, após saída mal calculada de Quim. Um ou outro remate perigoso (Reyes, Maxi, Vukcevic), e pouco mais havia para contar ao intervalo. O zero a zero era então o retrato fiel do que se passara em campo. Estávamos perante um jogo assim-assim, com mais vontade do que qualidade, com faltas sucessivas, sem grandes requintes técnicos, o que é bastante comum nas mais grandes finais, onde pouco se arrisca e o medo de perder suplanta a ambição de ganhar.
A segunda parte começou com o golo do Sporting. Entre duas equipas com os nervos em franja e navegando nas águas da crise, quem sofresse o primeiro golo teria certamente muitas dificuldades em dar a volta aos acontecimentos. Seguiram-se pois, com naturalidade, momentos de algum desnorte benfiquista, e de uma maior clarividência leonina. Esperava-se o segundo golo do Sporting, mas o que é certo é que, pouco a pouco, sobretudo através de lances de bola parada, o Benfica foi reequilibrando a partida. Num desses momentos Miguel Vítor cabeceou à trave, naquela que terá sido a maior oportunidade de golo de toda a segunda parte.
A um quarto de hora do fim surgiu o momento mais polémico do jogo, quando Lucílio Baptista, iludido pelo movimento de Pedro Silva, assinalou o penálti que Reyes não desperdiçou. Com a igualdade restabelecida, e o Sporting reduzido a dez unidades, as coisas inverteram-se – os leões praticamente prescindiram de atacar, e foi o Benfica a procurar mais a vitória, sem contudo construir grandes oportunidades para marcar.
Soou o apito final, e a decisão por grandes penalidades acabou por sorrir à equipa que teve mais sorte e mais mérito. Depois de estar em desvantagem Quim emergiu como o homem da noite, defendendo três penáltis e garantindo a conquista de um troféu para este Benfica 2008-09.
Muito se vai falar de Lucílio Baptista nos próximos dias - muito mais, certamente, do que se tivesse sido o Sporting o prejudicado. O árbitro setubalense errou no lance do penálti, como errara alguns minutos antes ao não expulsar Anderson Polga com o segundo cartão amarelo (e ninguém sabe o que seria a última meia hora de jogo com o Benfica em vantagem numérica).
Não poderei deixar de dizer que no estádio, mesmo situando-me no perfeito enfiamento do lance, não tive, naquele momento, qualquer certeza de não ter havido penálti, tal como certezas não tiveram dois sportinguistas que estavam na fila acima de mim, que só depois de uma troca de SMS se manifestaram. Desafio pois os adeptos do Sporting a reflectirem um pouco, e pensarem se tinham alguma certeza definitiva sobre o lance antes de ver as repetições.
O futebol televisivo tem destas coisas, e quando se está numa final entre rivais, um erro igual a tantos que, semana a semana, ocorrem nos relvados do nosso país, transforma-se num assunto de estado. Sendo o Benfica o beneficiado, maior é a amplitude do caso, esquecendo todos, por exemplo, que foi este mesmo árbitro a colocar o Sporting na Liga dos Campeões deste ano com uma arbitragem deplorável – essa sim, com uma sucessão de erros para o mesmo lado – num tristemente célebre Boavista-Benfica. Estou à vontade sobre isto, pois ainda no último FC Porto-Benfica fui o primeiro a recusar a crucificação de Pedro Proença, após um penálti não menos escandaloso que este, e que poderia ter dado outro andamento ao campeonato, prova que todos sabemos ser mais importante que esta.
Ouvindo as reacções do lado do Sporting não posso também deixar de lembrar a história de Pedro e o Lobo. Em Alvalade reclamam-se penáltis a qualquer queda de um jogador do Sporting, queimam-se árbitros a propósito de qualquer falta a meio-campo mal assinalada, cria-se, enfim, uma onda de suspeição que não se entende quando depois se vê o presidente Soares Franco sentado ao lado de um condenado por corrupção desportiva. Agora, perdendo uma final com influência de um erro do árbitro, a sua voz soa a gasta.
Mas o que fica desta final é, sobretudo, um saboroso título para o Benfica, e uma noite de festa que nenhuma polémica poderá alguma vez vir a apagar.

36 Comments:

Anonymous mário said...

Senhor Lf disse tudo e muito bem, parabéns pelo post e viva o maior clube do muundo, VIVA O SPORT LISBOA E BENFICA.

P.S.- já viu o senhor lucílio a pedir desculpa pelo lance de ontem na SIC, e amanhã estará no programa mais repugnante da televisão portuguesa, " O Prolongamento" da TVI. Pedia também que o senhor olegário, o senhor xistra, o senhor henriques, os senhores costas, o senhor sousa, ao senhor proença, ect viessem também para a televisão pedir desculpas por terem tirado CAMPEONATOS ao SPORT LISBOA E BENFICA

Saudações benfiquistas

23.3.09  
Anonymous Anónimo said...

"Estávamos perante um jogo assim-assim, afinal de contas tão comum nas mais importantes finais...".

LOL.

23.3.09  
Anonymous Anónimo said...

és uma vergonha!!!

não falas do facto do Luisão ao 5 minutos ja devia ter levado amarelo, de o D.Luiz (mais uma vez) acabar o jogo sem amarelos! O D.LUiz em 15 minutos faz 4 faltas (duas delas bola na mão e NADAAAAAAA)!

O Reyes tem aquela entrada e vá lá vá lá amarelo, não seria vermelho!???

Enfim!! TEM VERGONHA NESSA CARA E CALA-TE!!!!!!!!!!!1

23.3.09  
Anonymous nuno said...

corruptos os do FCP?? SERÁ??

O JOÃO, ah o JOÃO esse pode ser!!!! Devias ter vergonha falar do FCP!!! Devias mesmo, quando o LFV é apanhado numa escuta destas!!!

O LFV é mesmo um homem de uma palavra só: "se o SLB não tiver 300 mil sócios vou-me embora"!!

AH: ele não foi??? uma só palavra, o que hoje é verdade, amanhã já não é!!

23.3.09  
Anonymous Anónimo said...

COM TODO O RESPEITO QUE OS BENFIQUSITAS ME MERECEM,EU DIGO QUE TU SE ME APARECESSES Á FRENTE A DIZER-ME AQUILO QUE ESCREVES AQUI, GARANTO-TE QUE TE PARTIA Á TROMBA!
SE QUISERES FAZ QUEIXA DE MIM!

ASS MIGUEL SOUSA 93 989 89 33

23.3.09  
Anonymous Anónimo said...

Meu deus, que cegueira pegada.
Mesmo estando muitas vezes em desacordo com o que escreves, reconheci que este era o teu espaço de opinião e quem quisesse que lesse, quem não quisesse que se fosse embora.
Acabaste de ser apagado dos meus favoritos, e já agora devias mudar o título para ''provavelmente o post mais faccioso do ano''.
Felicidades

23.3.09  
Anonymous ad gloriam said...

Ponham o video do Antitripa que mostra claramente que o golo do Sporting é precedido de falta sobre o Maxi Pereira (agarra-lhe os calções).
É importante para calar de vez os corruptos e submissos.
VIVA O BENFICA!

23.3.09  
Anonymous laranjeiras said...

Paulo Bento e o sportem foram campeões de juniores, após um jogo com o GLORIOSO de muita ROUBALHEIRA.
Leiam-se os jornais da época!

Penáltis não existentes já nós sofremos para os Alvalixo, inventados por Jardel e por Liedson.

Pénaltis não marcados, que nos dariam campeonatos e Liga dos campeões, temos exemplos múltiplos, assumidos até na RTP por Fortunato Azevedo, por exemplo, mas ainda não por Lucílio.

Quem não está de forma séria na vida, convivendo, pactuando e apoiando corruptos, abstraindo, minimizando e sofismando benefícios injustos e ilegais, acaba por receber voluntária ou involuntariamente, o retorno da sua vida velaca, parasitária e traiçoeira.
Mais cedo ou mais tarde!

Ouvi falar em petição com o intuito de repetição deste jogo!
E se repetíssemos o último Boavista Benfica, apitado por Lucílio com erros sucessivos a prejudicar o SLB, que até foi castigado pela CD da LIGA e que colocou o Sportem na liga dos Campeões com as vantagens financeiras inerentes ?

Há mirolho tranquilo só vê dum olho. Do impar.

Saudações benfiquistas do Norte do Norte, do Minho.

Laranjeiras

23.3.09  
Blogger Sublime Benfica said...

...falta que precede o golo dos osguinhas!!!!

http://www.dailymotion.com/video/x8qy6g_vukcevic-puxa-calcoes-de-maxi-perei_sport

Sublime Benfica

VIVA O SPORT LISBOA E BENFICA !!!!

23.3.09  
Anonymous Anónimo said...

não houve penalti, vi à primeira e não precisei de TV nem SMS's.
para além de ter sido bola no peito foi...fora da área.
mas o que interessa isso agora?
voltaram a ganhar um título - novamente no Algarve - mentiroso e falso, desta vez à conta de um incompetente lucilio.
se se sentem felizes por isso, só demonstra de que massa são feitos.


40 postas pescada

23.3.09  
Anonymous Anónimo said...

(...) “A verdade é que não interessa como ganhamos. De penálti, de canto, de falta, o importante é ganhar.” disse JA Reyes

Quem assim fala é um filósofo. Na esteira de compatriotas seus, como Unamuno (”A inveja é filha da superficialidade da mente e da falta de preocupações”). Ou Ortega y Gasset (”Desconfio do respeito de um homem com seu amigo ou sua bandeira quando não o vejo respeitar o inimigo ou a bandeira deste.”)

Reyes é a imagem dos benfiquistas. Que pregam a moral e os bons costumes mas quando são eles a beneficiar de um escândalo metem os príncipios onde mais lhes convém. (...)

23.3.09  
Anonymous Anónimo said...

Vamos ao histórico dos jogos do arbrito Lucilio Baptista

Benfica - 12 jogos
V-4
E-4
D-3
Sporting - 12 jogos
V-7
E-2
D-3
Porto - 8 jogos
V-5
E-1
D-2

Comentem....

Mais uma vez ficou provado que o sistema existe, o mesmo arbitro que tantas vezes prejudicou o SLB, teve neste jogo um ar da sua graça para disfarçar... Mete nojo o nosso futebol.

PS. Eu como benfiquista que sou, enviava a taça da liga pela DHL para o sporting, porque taças ganhas assim não gosto...

Nuno Teixeira

23.3.09  
Anonymous Anónimo said...

Incrível
Lucílio acaba de confirmar que não mencionou no relatório de jogo o gesto de Paulo Bento nem a peitada de Pedro Silva.
Ora vê a mais ora vê a menos. Palavras para quê?
É um artista português.

23.3.09  
Anonymous Anónimo said...

Corrupção!

23.3.09  
Anonymous Anónimo said...

Taça da mentira!

23.3.09  
Anonymous Anónimo said...

Eu ia jurar que o Benfica devia ter jogado a 2ª parte inteira com menos um....
Ou será que nao viu a entrada do jogador preferido do Record sobre o Rochemback quase no final da 1ª parte?
e já nem sequer falo do Caniche...

23.3.09  
Blogger Dylan said...

As penalidades defendidas por Quim não foram sorte mas competência. Está mais que provado que é o melhor guardião do plantel.

23.3.09  
Blogger PPA said...

Aguardo um post do LF exigindo a recusa desta Taça batoteira.
Se é que quer ser coerente; e ainda para mais porque fez um post antes do jogo a criticar Lucílio Baptista.

O Benfica deveria ter a dignidade e recusar a taça e entregar a mesma à Liga.

Nem me passa pela cabeça o meu Sporting não o fazer, a hipótese utópica de ser ao contrário.

23.3.09  
Blogger PPA said...

Após o Lucílio ter declarado antes do jogo que não ia pactuar com dureza, expliquem-me como entrou o Benfica e o árbitro no jogo?

Vá expliquem:

1' - Falta de Ruben Amorim sobre Pedro Silva. AMARELO PERDOADO.
3' - Luisão faz falta sobre Derlei. O árbitro manda seguir e depois o brasileiro ainda entra duro sobre Vukcevic. AMARELOS PERDOADOS NOS 2 LANCES
4’ - O que fez Maxi Pereira a Liedson’ AMARELO PERDOADO.
5' - Falta de Ruben Amorim. AMARELO PERDOADO.
8' - David Luiz corta a bola com a mão e Lucílio Baptista apita, MAS AMARELO PERDOADO.
20' - David Luiz volta a cortar uma bola com a mão. Livre assinalado... MAS AMARELO PERDOADO.



21' - CARTÃO AMARELO para PEDRO SILVA, após entrada sobre Aimar.

23.3.09  
Blogger PPA said...

Expliquem também isto:

40' - CARTÃO AMARELO para REYES. O espanhol teve uma entrada brutal ao joelho direito de Rochemback.

23.3.09  
Anonymous Anónimo said...

angeles e pecadores


todos exigem a cabeça do jogador do 'sporting' pedro silva que cometeu dois gestos imperdoáveis segundo as 'putas' tidas como as mais sérias da praça: o homem afrontou, metendo os peitos, quem lhe tentava tirar o pão da boca e, nesse seguimento, recusou posteriormente a medalha que lhe foi entregue, numa consagração oficial de uma trafulhice.
ambas as atitudes, sublinhe-se, cometidas no seguimento do exercício do mais puro e genuíno direito à indignação.
entretanto quase ninguém comenta a atitude desprezível, reclamando, tarde!, no lance de todas as polémicas, uma falta inexistente desse farsante puro que responde pelo nome de angelito di maria.


Posted by antonio boronha at 11:32 PM

23.3.09  
Blogger PPA said...

Rui Santos acaba de dizer na SIC que até ao 1 ºamarelo do jogo (Pedro Silva do Sporting) , 5 jogadores do Benfica já deveriam estar amarelados.

23.3.09  
Blogger PPA said...

Já agora porque raio o Reyes não vê amarelo (2º = expulsão) depois de marcar a GP? Ele passa a camisola por cima da cabeça (pelas normas equivale a despir) e mostra uma camisola por baixo do equipamento com uma mensagem (o que também não é permitido).

23.3.09  
Blogger PPA said...

Se este é o momento mais saboroso do ano, não venho aqui fazer nada!

Quem festeja esta fraude não sabe estar no desporto.

Até mais!

23.3.09  
Anonymous Silva Barqueiro said...

Pois pois... e fosse ao contrário queria-te ver a desculpar o árbitro...
Cantas bem mas não me alegras... Pelo contrario deves alegrar os teus comparças dessa agremiaçao desportiva...
o certo é que daqui por 20 anos, quando se falar na taça da Liga deste ano toda a gente se lembrará do que se passou... O teu problema é analisar de forma tao distinta as situaçoes quando sao a favor ou contra o teu clubezito...
Não te estás a esquecer que o auxiliar indicou que nao era penalty... Para que serve o auxiliar? Se o jogador estava de costas para o árbitro, este so tinha que seguir a indicaçao do bandeirinha...
Ainda têm a lata de falar em corrupçao... Ontem viu-se tudo e quem tem razao é o Paulo Bento.
Enquanto as investigaçoes nao descerem ao Sul tudo se manterá na mesma...

Já agora espero que fiquem em terceiro ou, se possivel, outra vez em quarto...

23.3.09  
Anonymous Jota said...

Vou tentar ser sucinto, apesar de achar que muito haverá para falar, reflectir e acima de tudo decidir no final da temporada. Mas comeco por dizer o seguinte: não devo em benfiquismo a ninguém, desde o Barbas até ao Xanana, mas a mim aquela vitória soube a cerveja sem álcool. Uma final ganha com erro tão grande fica quanto a mim ferida de morte. O Benfica não tem culpa, como o próprio Paulo Bento referiu, mas ainda assim não é assim que quero o meu Benfica a ganhar. Quanto ao resto, só mais alguns breves pontos:

- O jogo foi equilibrado mas não vi o Benfica jogar metade do futebol que devia nesta fase da época e com estes jogadores. Por várias vezes já foi aqui referido que esta equipa tinha obrigatoriamente que mostrar servico que nunca mostrou, e dificilmente mostrará até ao fim da temporada. De início deu-se o benefício da dúvida mas já é demais.

- O ponto anterior reforca o perigo que é esta vitória. Sabendo-se de como se comporta a massa adepta benfiquista de uma forma geral, e o populismo que caracteriza o nosso presidente, receio que esta taca possa servir de esponja para apagar as (muitas) deficiencias desta equipa. Lamento dizê-lo, e sei que o LF não concorda, mas esta competicão é a consolacão das consolacões. É a terceira competicão nacional, e não é este tipo de trofeus que quero ter como estandarte no final de uma época. Se vierem ainda bem, desde que seja para guarnecer o título nacional.

- Quanto ao erro de Lucílio Batista, concordo com LF. Na altura fiquei na dúvida se seria ou não penalty. Na repeticão vê-se claramente que não é. Compreendo perfeitamente a furia dos adeptos sportinguistas porque eu ficaria na mesma se fosse ao contrário. Quanto aos adeptos portistas que aqui virão com toda a certeza destilar a bílis, só lhes digo que tenham honra e vergonha na cara, e das duas uma: ou têm o mesmo peso e medida e admitem os erros que ao longo de duas décadas os empurraram para as vitórias cá no burgo, ou então não têm moral para aqui escrever uma linha. É que como é típico, pela amostra que aqui escreve impera a lógica esquizofrénica do ataque básico sem olhar para dentro. Mais do que medianamente irritante, torna-se ridículo.

Não consegui ser tão sucinto como queria, mas ainda assim ficou muito por dizer para uma próxima.

23.3.09  
Anonymous Vitória do Benfica said...

BOM DIA Luis Fialho e restantes visitantes do blogue.

Sim este fim de semana foi uma grande vitória que o Benfica precisava.

Mas vamos por partes:

CINISMO

Lucilio Batista ontem veio dizer que errou com influência directa no resultado. Os Sportinguistas em delírio pedem a demissão da comissão de arbitragem. Mas vejamos

Foi algum fora de jogo mal assinado que tivesse anulado um golo marcado nos minutos finais do desafio?. NÂO !!!

Tratou-se de um penalty inexistente, ou seja um erro do arbitro, que Reyes marcou bem e Tiago defendeu mal.

Depois nas grandes penalidades Tiago só defendeu uma MAS QUIM DEFENDEU TRÊS bem marcadas uma delas por DELEI .

Pode dizer-se que o Benfica foi beneficiado. NÃO o Benfica teve mérito como tem sempre em bolas paradas e ganhou um grande Guarda Redes.

Não temos de nos envergonhar de nada.

Curioso é o facto de Lucilio Batista não vir assumir os erros que cometeu contra o Benfica, ou o bandeirinha que no jogo com o Leixões o ano passado no Estádio da Luz ter anulado um golo limpo ao Nuno Gomes, que nos daria o terceiro lugar da liga e por consequência o acesso à Liga dos Campeões .

PS. Curiosos são os penalties infantis marcados por jogadores da equipa adversária a favor do Porto, como ainda ontem aconteceu com o Estrela das Amadora .

O Benfica precisa de força
PARABÈNS BENFICA
PARABÈNS QUIM
PARABÈNS QUIQUE FLORES
PARABÈNS RUI COSTA
PARABÈNS LUIS FIALHO por este magnifico blogue onde pelo facto de ser mulher não fico inibida por exprimir o meu amor ao clube

Saudações Benfiquistas

23.3.09  
Anonymous Anónimo said...

És um faccioso... Equilíbrio no futebol jogado... tu dizes ao que vens, tá certo. Comam com o Quique mais um ano que festejarão muitos mais títulos. A vossa sorte é que ele já percebeu que o Benfica é e no final do ano pira-se.

Parabéns na mesma!

23.3.09  
Anonymous Anónimo said...

Acho que, antes de falar na expulsão do Anderson Polga, deveria de dizer que tanto Reyes como Luisão já deveriam ter sido expulsos..

23.3.09  
Anonymous Anónimo said...

"A Chama Imensa - 22 de Março de 2008
Quero acabar entre papoilas

O tema talvez lhe interesse pouco, amigo leitor, e a minha opinião sobre ele ainda menos, mas eu estou convencido de que, dos 5 maiores poetas portugueses de sempre, dois ou três são o Fernando Pessoa. Um desses, chamado Álvaro de Campos, escreveu o seguinte: «Quero acabar entre rosas, porque as amei na infância». Eu, na infância, amei papoilas.

Percebi que era uma pessoa doente quando Artur Semedo morreu. Vi as imagens do enterro na televisão, o caixão coberto por uma magnífica bandeira vermelha, com a águia e a roda da bicicleta rigorosamente no centro. Lembro-me de ter pensado: «Quem me dera ser eu dentro daquele caixão.» É no momento em que dá por si a invejar um morto que uma pessoa compreende que sofre de uma maleita grave.

Ontem o Benfica ganhou mais um troféu e, se é verdade que Polga e João Moutinho deviam ter sido expulsos a meio da segunda parte, não é menos verdade, que o penalty que nos dá o empate não existe. Os benfiquistas não se alegram com as vitórias obtidas na sequência de golos ilegais. Felizmente, são muito raras. Compreendo, por isso, a indignação de Paulo Bento. Teria sido muito fácil para Lucílio Baptista ver que o penalty era inexistente. Bastava que estivesse na posição em que o Vukcevic se encontrava quando marcou o golo ao Rio Ave. Dali, via-se perfeitamente. Além disso, Paulo Bento tem razão quando diz que o Sporting tinha o jogo controlado. O modo como Tiago controlou com os olhos aquele cabeceamento do Miguel Vítor à barra tornou claro que o Benfica não tinha qualquer hipótese de chegar ao golo.

E, acima de tudo, compreendo a revolta de Filipe Soares Franco. Um homem que, quando o Sporting joga com o Porto se senta ao lado daquele dirigente que está suspenso por dois anos por tentativa de corrupção, só pode ser apreciador de jogo limpo. É especialmente irónico que isto aconteça logo a ele.

«Rosebud» é a última palavra que, no início de Citizen Kane, a personagem de Orson Welles profere antes de morrer. No final, o espectador verifica que Rosebud era a marca de um trenó que o milionário amara na infância. Eu tenho um palpite sobre a última palavra que direi antes de morrer. Quem estiver ao meu lado (se estiver alguém) talvez perceba mal o que direi e pense que me estou a despedir — o que não corresponde à verdade. É possível que, devido à minha condição de moribundo velho e desdentado, a dicção esteja ligeiramente afectada, e isso faça com que a minha última palavra se pareça com «Tchau». Por isso, deixem-me aproveitar agora para esclarecer que, muito provavelmente, a palavra que eu estarei a dizer é «Shéu». Eu quero acabar entre papoilas."

23.3.09  
Anonymous Anónimo said...

Depois de um excelente post a insinuar que o Benfica ia jogar contra 12, cá está o resultado! Já n é a primeira vez que insinuações do sr LF são depois ridicularizadas em campo. Se tivesse vergonha, deixava de escrever!
Uma semana inteira com o Benfica a pressionar o árbitro, com insinuações reles, já depois de ter insinuado que o Sporting jogava com "doping"!Cá está o clube da moralização do futebol! Que vergonha! Foi um ROUBO!
Em duas edições da taça da Liga, o Benfica beneficia de dois penaltis, um por mão na testa, outro por mão no peito! Estou ansioso por saber que mão vai ser para o ano!

23.3.09  
Blogger Santinni said...

último título de campeão - Campeonato APAF

último título ganho - Taça da Mentira.

Adicionando ao Presidente que têm e adeptos em geral (que mostram euforia desmedida por ter ganho na falsidade) pode concluir-se: Clube da Batota.

23.3.09  
Anonymous Anónimo said...

Tanto choraram, tanta coação..que lá vos ofereceram um troféu.

Metam a taça na peida.

23.3.09  
Anonymous Peter said...

Antes demais nada não me custa nada a mim admitir que o Benfica venceu aproveitando um erro grosseiro do árbitro lucílio baptista que no passado sempre prejudicou o Benfica daí o post anterior que o LF fez sobre ele e que eu concordei em absoluto.Para além do penalty muitos amarelos e vermelhos ficaram por mostrar a jogadores do Benfica e do scp.No entanto a questão que se deve por aqui é a seguinte:Porque é que este árbitro foi escolhido para apitar esta final? Os sportinguistas deviam confrontar o vítor pereira com isto e o presidente da liga até porque são do mesmo clube. Não gostei nada de o Benfica ter ganho assim (já contra o braga não tinha gostado), mas também houve muitos jogos que o Benfica venceu e foi prejudicado na mesma (scp e guimarães 1º volta)e outros em que não venceu com erros tb claríssimos de arbitragem (leixões (liga e taça), v.setúbal,nacional,fcp,belenenses,rio ave etc.etc.).Ou seja estávamos na frente do campeonato.Compreendo a indignação dos adeptos,jogadores e dirigentes do scp, mas não compreendo porque é que quando acontece o mesmo contra o fcp a reação é praticamente nula,basta relembrar os 2 últimos clássicos para a liga no dragão em que o sporting foi prejudicado com o célebre corte do polga que foi transformado em livre indirecto( o p.bento crucificou foi o stojkovic) e as não expulsões do lucho e do rodriguez bem há pouco tempo.Quanto ao jogador pedro silva tem que ser castigado, só a cd da liga só perceber inglês(katsouranis) e não português é que isso não acontece.E o paulo bento tb.Quanto ao lucílio baptista acho que tomou uma atitude nobre ao admitir o erro, tenho pena é que quando prejudica o Benfica não tenha a mesma atitude.Porque o ano passado ele ajudou o scp a atingir a liga dos campeões quando o Benfica foi prejudicado no Bessa bem mais que o scp neste jogo.


P.S.- para finalizar acho que este incidente tem um objectivo que serve o fcp, dividir o Benfica e o scp, porque já o pedroto dizia, para o fcp ser campeão os 2 grandes de lisboa tem que estar divididos, e o fcp muito hábilmente tem-no conseguido fazer.E para variar houve jogadores do fcp emprestados que não jogaram contra si este fim-de-semana, pensam que isto desvia as atenções desses factos, mas estão enganados, eu estou atento.

23.3.09  
Blogger PPA said...

Confesso que 2 dias depois do choque de ser ROUBADO indecentemente; até estou a começar a "gostar" de ter perdido desta maneira esta Taça.
Senão vejamos:

- O Sporting ganhava a Taça na boa e no fim era mais um ano "falhado" em que o clube levava apenas as "migalhas", as Tacinhas. Não tinham pois qualquer valor para a concorrência.

- Assim foi melhor pela pequenez actual do Benfica a festejar esta Taça como se fosse um Mundial.

- Foi melhor, porque afinal gostam de ganhar assim; e para quem tinha dúvidas, deixa de as ter: afinal não são melhores ou diferentes dos Andrades. Interessa-lhes é GANHAR, nem que seja da forma mais porca e suja.

- Foi melhor, porque o dia dos 50 anos (Bodas de Ouro) do CALABOTE, levam para a Luz uma taça NEGRA e SUJA.

- Foi melhor porque agora já sabemos e temos a prova de quem realmente são.

23.3.09  
Anonymous Nuno Figo said...

Começando... pelo princípio.

Não gostei de ganhar "desta" forma. O penalty não existe, o 2º amarelo a Pedro Silva, nesse lance, não se justifica.
Estamos conversados sobre isto. O resultado "real", utilizando a métrica de LF, seria 1-0, favorável ao Sporting.

Até aqui, penso que ninguém sério pode ter algo contra.

Já sobre "o resto", penso que está tudo doido. Vamos gastar páginas.

1 minuto, Ruben Amorim faz falta. Amarelo?! Rapazes, respirem fundo. Uma falta não é automaticamente amarelo.

3 minutos, falta de Luisão... amarelo? Caramba... puxadote. Logo de seguida, carrega Vujceviv. Amarelo? Pelas duas, admitia-se. Lucílio opta pelo "aviso". Discordo dos avisos. Amarelo por mostrar.

4 minutos, oportunidade falhada por Nuno Gomes. Suazo, no centro do terreno, é impedido de disputar o lance por Polga. Amarelo por mostrar ao central sportinguista.

8 minutos, David Luiz joga com a mão? Aos 20 fá-lo outra vez. Num dos lances, penso que é amarelo. Noutro, é um movimento instintivo. Mas se "exigem" acção, exijam-no também a Lisandro, que só no jogo contra a Naval fez o mesmo 3 vezes.

Aos 15 minutos, Rochemback entra duro sobre Reyes. Amarelo por mostrar. Lucílio avisa. Aos 60 minutos, Rocha "entra com tudo", novamente sobre o espanhol. Segundo cartão por mostrar.

Aos 21 minutos, Pedro Silva vê amarelo por falta sobre Aimar, que entrava na área. Amarelo bem mostrado.

Aos 30 minutos, Derlei carrega sobre Quim na reposição da bola e depois entra duro sobre Reyes. Nenhuma acção disciplinar. No minuto seguinte, Derlei disputa a bola com Miguel Vitor, cai mal e vai pedir satisfações ao jovem benfiquista. Comportamento anti-desportivo do ex-benfiquista, mas não houve acção disciplinar. No seguimento, Luisão entra no barulho, Derlei volta a fazer fita. Amarelo perdoado ao Girafa.
8 minutos depois, Derlei vinga-se de Miguel Vitor. Falta, sem acção disciplinar, não obstante o aviso anterior de Lucílio. O jogo azeda e o ninja está no centro da confusão. Ainda vai fazer mais palhaçada.

Aos 40', Reyes entra duro no lance, acerta no joelho de Rochemback. Devia ter sido expulso? Podia.

Na 2º parte, aos 48', Vujkcevic agarra os calções de Maxi... a jogada termina em golo leonino. O golo é precedido de falta, pelo que está ferido de legalidade.

Aos 57', David Luiz vai entrar na área e é rasteirado por... Pedro Silva (ver filme do jogo no Record). Falta não assinalada e... amarelo por mostrar ao lateral sportinguista. Seria o segundo e consequente expulsão.

Aos 71 minutos, falta de Moutinho sobre Reyes. Entrada por trás, ao homem. Amarelo mostrado... Devia ter sido vermelho? Podia.

73 minutos, é a loucura. Penalty mal assinalado, Pedro Silva - que já devia ter sido expulso aos 57' - joga a bola com o peito. Vê o segundo amarelo e é expulso. Empurra Lucílio.

Aos 82 minutos, Derlei "atira-se com tudo sobre David Luiz" (Record dixit). Novamente sem acção discplinar. É a 3ª vez que o ninja escapa a acção disciplinar.

Moral da história:
- Pedro Silva foi mal expulso mas devia ter sido expulso... mais cedo.
- Luisão devia ter sido expulso.
- Derlei devia ter sido, definitivamente, expulso.
- Rochemback podia ter sido expulso.
- Reyes podia ter sido expulso.
- Moutinho podia ter sido expulso.

Finalmente, Lucílio devia ter sido expulso?
Sim, há anos...

23.3.09  

Enviar um comentário

<< Home