19/04/07

EM PASSEIO

Em trinta anos de futebol não tenho memória de ver um finalista da Taça de Portugal com um percurso tão facilitado como o Sporting nesta época.
Os leões, para além de verem Benfica e F.C.Porto precocemente afastados da prova, apenas tiveram de defrontar duas equipas do escalão principal, ambas do fundo da tabela e ambas em casa, com a particularidade de uma delas – justamente este Beira Mar, apostado na luta pela manutenção - ter apresentado a sua segunda equipa. Arrisco a dizer, com 95 % de certeza, que diante deste trajecto, qualquer equipa da Liga, e até algumas da Liga de Honra, chegariam tranquilamente ao Jamor.
O Sporting não tem culpa nenhuma disto, e limitando-se a cumprir o seu dever chega assim à final, tendo então soberana hipótese de terminar a época com um troféu nas mãos, se bem que Belenenses ou Sp.Braga não se possam considerar meros outsiders no decisivo jogo. Mas com a dinâmica de vitória que a equipa de Paulo Bento leva, dificilmente deixará fugir esta tão facilitada oportunidade.
O jogo de ontem, com 2-0 aos 15 minutos (dois golos de Moutinho), pouca história teve. O Beira Mar entregou-se – até mesmo antes do jogo começar… - e o resto do tempo foi um enfadonho arrastar até ao apito final de Paulo Paraty.
Hoje Belenenses e Sp.Braga poderão enfim disputar um jogo de taça a sério, sabendo-se que a vitória de qualquer deles assegura de imediato e de forma matemática a qualificação europeia.
Não desejando tomar partido, não deixarei de dizer que uma final lisboeta seria um momento bonito para a festa do Jamor, até porque Belenenses e Sporting são nesta fase as duas equipas portuguesas em melhor forma.

PS: Do dia de ontem fica o destaque para o sublime golo de Lionel Messi, a fazer lembrar Maradona. Um golo do outro mundo!
Pode vê-lo aqui. Se gosta mesmo de futebol, não perca!

3 Comments:

Anonymous otragal said...

“percurso tão facilitado” ou “diante deste trajecto, qualquer equipa da Liga, e até algumas da Liga de Honra, chegariam tranquilamente ao Jamor” - Porque não chegou o Benfica que caiu aos pés do Varzim, ou ainda pior, o Porto que foi eliminado pelo Atletico?
Nada de desvalorizar as vitórias alheias. Vitórias que ainda não o são, a taça ainda não mora em Alvalade. A ser assim, o último campeonato do Benfica tambem não tinha o mesmo valor dos outros...

19.4.07  
Blogger LF said...

Nem Benfica nem Porto chegaram à final.
Para o fazer teriam ter de vencido em Braga, no Restelo, no Bessa ou até terem de se defrontar.

No último campeonato que ganhou, o Benfica jogou com todos os outros e foi o que fez mais pontos. Não se tratava de uma prova por sorteio, onde estas coisas acontecem.

O que se pode dizer é que, a outra escala, o F.C.Porto teve a mesma sorte quando foi campeão europeu.

Mas como eu disse, o Sporting não tem culpa e tem o mérito de, ao contrário de Porto e Benfica, ter cumprido a sua obrigação de vencer equipas muito mais fracas.

Concordo que a final ainda não está ganha, pois Belenenses ou Braga serão adversários bem mais fortes. Ainda que o Sporting seja claramente favorito.

19.4.07  
Blogger cj said...

e este do balakov quando estava no sporting?

http://www.youtube.com/watch?v=7qJD306EUFo&eurl=http%3A%2F%2Fpastoralportuguesa%2Eblogspot%2Ecom%2F

21.4.07  

Enviar um comentário

<< Home