25/05/06

BENVINDO A CASA !

Durante muitos anos a família benfiquista suspirou ansiosamente pelo momento em que Rui Costa pudesse voltar a vestir a camisola dez do clube da Luz. Ao que parece vai ser agora, doze anos depois de ter saído para a Fiorentina numa transferência record, à época, para o futebol luso.
Não sendo bem o mesmo que se Rui tivesse regressado há três ou quatro anos, quando estava ainda no auge da sua brilhante carreira, a verdade é que esta contratação não pode deixar de constituir um forte motivo de alegria para os adeptos encarnados.
Rui Costa já não joga na selecção (apenas porque não quer, caso contrário seria a principal alternativa a Deco), e caminha para o final da sua vida de futebolista, mas sendo um jogador extremamente dotado em termos técnicos pode certamente - caso nenhuma lesão o venha a penalizar - ser de grande utilidade na equipa do Benfica, carenciada desde há anos de um jogador de classe na sua posição.
Jogadores que afirmem a sua qualidade com base em factores de índole eminentemente física, como força, velocidade ou agressividade, chegados aos trinta e poucos anos ressentem-se invariavelmente do peso de uma menor disponibilidade sob esses pontos de vista (vejam-se os exemplos de Sá Pinto ou Jorge Costa). O caso de Rui Costa é diferente.
O agora ex-jogador do Milan baseia toda a qualidade do seu jogo no talento que brota dos seus maravilhosos pés, e quase se poderia dizer, caricaturando, que até parado ele seria sempre um grande jogador. Por exemplo Valdo, outro grande numero dez que passou pela Luz, jogou até depois dos quarenta anos.
Deste modo parece evidente que Rui Costa, muito experiente e seguramente motivado para uma despedida de acordo com o prestígio que foi construindo ao longo de mais de uma década de futebol ao mais alto nível, será uma importante mais valia no Benfica de Fernando Santos.
Se a camisola dez será seguramente sua, penso que também a braçadeira de capitão lhe assentaria bem no braço, ele que fez todo o percurso das camadas jovens no clube, tendo inclusivamente sido apanha bolas no antigo estádio da Luz. Não se sabe se Simão poderá ou não ficar no Benfica, mas mesmo ficando, entenderia certamente a situação, ele que tem sido, diga-se, um capitão bem à altura do clube que representa.
Depois da frieza holandesa, com a contratação de dois grandes benfiquistas para treinador e, possivelmente, capitão de equipa, bem se pode dizer que está a começar da melhor forma o Benfica 2006-2007.

10 Comments:

Blogger cj said...

quem se segue?
o maradona?

26.5.06  
Blogger cj said...

o pélé também é capaz de fazer uma perninha ainda.
é aproveitar.

26.5.06  
Anonymous Otragal said...

A sua contratação não é só, como referes, um motivo de alegria para os adeptos encarnados, penso que adeptos de outras cores também terão grandes motivos para isso. Da minha parte que sou completamente verde fiquei muito contente. Vai ser lindo. O FS é que não vai ter vida fácil, ontem já não estava com cara de muitos amigos. Agora é que têm de vender o Simão. Quem é que vai ser o novo capitão? Eu quero o Rui Costa. Rui Costa Capitão já.

26.5.06  
Anonymous Tanque Silva said...

A magia esta de volta !!!

27.5.06  
Anonymous o escorpião said...

Falam que já tem 34 anos e que não aguenta os 90 minutos ?

Não faz mal, o Rui Costa joga os primeiros 45 minutos e o Karagounis os segundos, o Benfica fica sempre com um nº 10 activo e fresco e ficam os dois contentes

Força RUI

27.5.06  
Anonymous LF said...

Conforme disse, ao contrário de outros como Sá Pinto ou Jorge Costa, cujo perfil competitiva assentava na capacidade física, e como tal chegados aos trinta entraram claramente em declínio, Rui Costa baseia o seu futebol numa extraordinária capacidade técnica, sobretudo em termos de visão de jogo e precisão de passe.
Assim sendo, julgo que poderá ainda fazer uma época de alto nível, talvez não como uma estrela ou um jogador capaz de decidir campeonatos, mas como um elemento de grande utilidade no plantel, dentro e fora do campo.
Rui Costa não é um jogador qualquer no Benfica. É um símbolo do clube. Começou lá como apanha bolas, fez toda a formação, começou o seu trajecto profissional, tornou-se internacional tudo enquanto esteve no Benfica, de onde saíu para 12 anos de calcio.
É muito bem vindo, e será certamente o capitão de equipa, quer Simão fique ou saia.
Será um estabilizador de balneário, uma referência, e nunca um elemento hostil. Disso estou absolutamente seguro.
Voltando à idade, veja-se os casos de Larsson, Maldini, Costacurta etc

29.5.06  
Blogger cj said...

penso numa coisa: quem assina contrato em branco tem, ainda assim, algumas expectativas que deseja ser minimamente correspondidas.
e se esses mínim os não se verificarem?
não teremos aí agendada polémica e troca de palavras menos digna?
a ver vamos...

29.5.06  
Anonymous LF said...

Não.
O Benfica de 2006 já não é o Benfica de 1998 a 2001.
Têm que se habituar a isso.

30.5.06  
Anonymous Anónimo said...

Nice colors. Keep up the good work. thnx!
»

21.7.06  
Anonymous Anónimo said...

I find some information here.

22.7.06  

Enviar um comentário

<< Home